Arquivo da categoria: Festivais

Lélia Abramo e folclorista são reverenciados em peças no 4º FestKaos

Por Lincoln Spada

Ambos ativistas culturais de São Paulo, a atriz Lélia Abramo (1911-2004) e o escritor e folclorista Cornélio Pires (1884-1958) terão respectivamente sua vida e obra apresentadas no 4º FestKaos – Festival Teatro do Kaos nesta semana. A iniciativa gratuita conta com sessões diárias às 20 horas até o próximo domingo (dia 7).

Nesta terça-feira (dia 2), o piracicabano Grupo Andaime encenará ‘As Patacoadas de Cornélio Pires’. Com elementos da cultura popular, o espetáculo adapta os textos do artista sobre o universo caipira. São cenas lúdicas e repletas de poesia sobre a vida no campo. Com texto e direção de Luiz Carlos Laranjeiras, o elenco é formado por Antonio Chapéu, Bruno Agulhari, Maria Trevisan, Marcio Abegão, Neto Barbosa e Tiago De Luca.

Já no dia 3, direto de São José dos Campos, a Cia Teatro da Cidade apresenta ‘Lélia Abramo, uma atriz’. A partir de pesquisas e entrevistas do grupo, o monólogo aborda em Linguagem Narrativa a vida da artista, desde sua estada em Roma durante a 2ª Guerra Mundial até sua militância política durante a ditadura da Era Vargas. Além de seus famosos personagens, como Pozzo e Romana.

A montagem parte de um encontro entre a atriz da companhia, Andréia Barros, e Lélia, em seu apartamento nos anos 90. A vivência de um dia inteiro inspira a história que, ora é contado sob a perspectiva de Lélia, ora sob o ponto de vista de Andréia, que divide a autoria do texto com o diretor teatral Antônio Januzelli.

Segunda-feira

Na segunda, às 20 horas, será a vez da Cia. Trilha de Teatro apresentar a obra ‘Benjamin – O Filho da Felicidade’. De São Vicente, a peça é um recorte biográfico de Benjamin de Oliveira, versátil artista e produtor cultural que consagrou o circo-teatro. O protagonismo negro conduz o espetáculo estrelado por Jair Moreira, Hugo Henrique, Emanuella Alves e Kevelin Santos. Com texto de Ronaldo Fernandes e direção de Miriam Vieira, a obra tem sessão de classificação livre.

O 4º FestKaos é uma realização do Teatro do Kaos com verba da Prefeitura Municipal de Cubatão via emenda parlamentar do vereador Rafael de Souza Villar, o Rafael Tucla. A iniciativa conta com apoio do SESC Santos, DC Damicos, Lisboa Palace Hotel, Pau Brasil Madeiras e Prithi Bar e Restaurante. Mais informações: www.teatrodokaos.com.br.

SV Festival- 3ª Semana de Fotografia abre inscrições para oficinas

Informações de Ivy Freitas

A 3ª Semana de Fotografia de São Vicente já está com inscrições abertas! Trata-se do evento regional sobre artes visuais mais esperado do ano. A iniciativa será de 20/jul a 28/jul, com abertura e encerramento respectivamente no Instituto Histórico e Geográfico de São Vicente e o Parque Ecológico Voturuá. Clique aqui e acesse as oficinas.

Há vagas abertas para oficinas de: Flash dedicado (com José Alberto Sarquis), A iluminação cênica (com Alessandro Cruz), Assim nasce a fotografia (com Du Zuppani), Fotografia de espetáculos (com Tito Wagner), Pós-produção de imagem (com Dorigley Ferreira), LabLux (com Theo Grahl), Fotógrafo DIY (com Ivy Freitas) e Narrativas visuais com uso do celular (com Marcos Meneghessi).

A importância de valorizar a mão de obra dos artistas na região é uma das preocupações da Semana da Fotografia de São Vicente, que visa difundir o conhecimento sobre artes visuais, evidenciando a fotografia com ações educacionais. Neste ano, haverá fotógrafos da Baixada Santista (de Bertioga a Itanhaém) e São Paulo.

O evento conta ainda com a possibilidade de participação virtual do público. Basta acessar a página do evento no Facebook e enviar sua pergunta ao palestrante que será respondido em tempo real. Desde a primeira edição, com a ação social foram arrecadados 580 Kg de alimentos entregues à instituições da cidade. Ao todo, mais de 1,6 mil pessoas participaram das edições anteriores.

Conceitos de ética e moral pautam teatro paulista no 4º FestKaos

Por Lincoln Spada

Em um tribunal o que está por detrás de um veredito? Nas ruas o que ocorre quando uma mulher assume a moral masculina? Essas questões permeiam ‘(In)justiça’ e ‘Helena Vadia’, obras em cartaz respectivamente neste sábado e domingo (dias 29 e 30), às 20 horas, durante sessões gratuitas do 4º FestKaos – Festival Teatro do Kaos no teatro homônimo (Praça Cel. Joaquim Montenegro, 34, Sítio Cafezal, Cubatão).

Do grupo paulistano Cia. de Teatro Heliópolis, ‘(In)justiça’ é um ensaio cênico que reflete sobre aspectos do sistema jurídico do País. No enredo, o jovem órfão involuntariamente comete um crime. A partir daí, o conflito do que vem a ser justiça, desde a praticada pela sociedade até nos tribunais.

A direção é de Miguel Rocha, texto de Evill Rebouças em processo colaborativo com o elenco formado por Alex Mendes, Cicero Júnior, Dalma Régia, Danyel Freitas, David Guimarães, Gustavo Rocha, Karlla Queiroz e Walmir Bess. A classificação indicativa é de 14 anos.

Já em ‘Helena Vadia’, o Coletivo Passarinhas, de Campinas, faz uma performance-palestra explorando o mito de Helena, a mulher mais bela do mundo grego. A sua narrativa atravessou séculos e norteia desde o imaginário popular sobre feminilidade até a violência de gênero. A obra é baseada em textos de Eurípedes, Sartre, Homero e outros. Com direção e atuação de Pamella Villanova, a sessão é para maiores de 16 anos.

Segunda-feira

Na segunda, às 20 horas, será a vez da Cia. Trilha de Teatro apresentar a obra ‘Benjamin – O Filho da Felicidade’. De São Vicente, a peça é um recorte biográfico de Benjamin de Oliveira, versátil artista e produtor cultural que consagrou o circo-teatro. O protagonismo negro conduz o espetáculo estrelado por Jair Moreira, Hugo Henrique, Emanuella Alves e Kevelin Santos. Com texto de Ronaldo Fernandes e direção de Miriam Vieira, a obra tem sessão de classificação livre.

O 4º FestKaos é uma realização do Teatro do Kaos com verba da Prefeitura Municipal de Cubatão via emenda do vereador Rafael Tucla. A iniciativa conta com apoio do SESC Santos, DC Damicos, Lisboa Palace Hotel, Pau Brasil Madeiras e Prithi Bar e Restaurante. Informações: www.teatrodokaos.com.br.

Grupos cubatenses participam de 4º FestKaos nesta semana

Por Lincoln Spada

Dois espetáculos de coletivos cubatenses participam da mostra convidada do 4º FestKaos – Festival de Teatro do Kaos. Os dramas ‘O Suicídio Mais Bonito do Mundo’ e ‘Vocifera’ estarão em sessões gratuitas respectivamente nesta quinta e sexta-feira (dias 27 e 28), às 20 horas, no Teatro do Kaos (Praça Cel. Joaquim Montenegro, 34, Sítio Cafezal). Ambos têm classificação indicativa de 16 anos.

A primeira obra é um monólogo de texto e atuação de Mariana Nunes, dirigida por Fabiano Di Melo. Inspirada a partir de fatos reais e da foto homônima, ‘O Suicídio Mais Bonito do Mundo’ é um momento de devaneio entre realidades e ficções sobre um corpo que oscila entre identidade e existência de suas dores.

Já ‘Vocifera’ tem parte de suas referências no clássico ‘O Inimigo do Povo’, de Ibsen. Na trama, o Teatro do Kaos reflete sobre o inconclusiva construção do teatro municipal que, após 30 anos, será hospital. A obra lança mão de questões locais e corriqueiras para uma análise sobre os elos entre conservadorismo, medo e violência. Com dramaturgia de Victor Nóvoa e direção de Marcos Felipe e Lucas Beda, a peça tem elenco formado por Fabiano Di Melo, Levi Tavares e Lourimar Vieira.

O 4º FestKaos é uma realização do Teatro do Kaos com verba da Prefeitura Municipal de Cubatão via emenda do vereador Rafael Tucla. A iniciativa conta com apoio do SESC Santos, DC Damicos, Lisboa Palace Hotel, Pau Brasil Madeiras e Prithi Bar e Restaurante. Informações: www.teatrodokaos.com.br.

Vencedora do Festival Forró da Lua Cheia, Banda da Feira agita Porto Circense

Por Associação Cultural Porto Circense

A Banda da Feira apresentará na próxima edição do ‘Cais no Forró?’. O evento será na próxima sexta-feira (28/jun), das 21h às 2h, na Associação Cultural Porto Circense (Av. Alm. Cochrane, 404/Santos). Ingressos de R$ 15 (antecipado) a R$ 20 (na porta).

O evento contará também com a discotecagem do DJ Eliseu Santana e cozinha do Chef Eduardo Turati. O encontro também marcará o encerramento do 21º Fescete – Festival de Cenas Teatrais.

Premiada no Festival Forró da Lua Cheia, a sorocabana Banda da Feira é um grupo de música tradicional brasileira, influenciado por vários ritmos, com forte trabalho de pesquisa voltado ao forró pé-de-serra, onde o tradicional e contemporâneo se fundem em timbres ecoados pela guitarra, cavaco, baixo, sanfona, zabumba e triângulo.

Teatro de Contêiner da Mungunzá recebe espetáculos da Baixada Santista

O projeto Manufatura de Monólogos nomeou a itinerância dos espetáculos gerados durante a iniciativa do Sesc Santos. Após parte das obras circularem no Teatro Braz Cubas (Santos) e no Teatro do Kaos (Cubatão), neste mês de junho estão no Teatro de Contêiner (R. dos Gusmões, 43, Santa Ifigênia/São Paulo), gerido pela Cia Mungunzá. As sessões custam R$ 5 (moradores), R$ 10 (meia) e R$ 20 (inteira).

> Clique aqui e compre antecipadamente os ingressos

No último final de semana, já foram apresentados ‘A Pena de Wilde’, com dramaturgia, direção e atuação de Ailton Guedes, ‘Malditas’, com direção de Malvina Costa que contracena com Daniela Paulino, ‘O Suicídio Mais Bonito do Mundo’, de Mariana Nunes e direção de Fabiano Di Melo, além de ‘Resíduos’, dirigido por Dario Felix com elenco formado por Felippe Alvez, Marcus Di Bello e Paola Caruso.

Já nesta sexta-feira (28/jun), às 21h, será a vez de ‘Cartas para Satã’, com texto de Betinho Neto, direção de Cris Rocha e atuação de Jackson França. O espetáculo propõe, a partir da falta de perspectivas da personagem, um espaço de diálogo entre público e ator sobre o universo LGBTQI+.

No dia 29/jun, às 20h, será encenado ‘Benjamin – O Filho da Felicidade’. A peça tem direção de Miriam Vieira, dramaturgia de Ronaldo Fernandes e atuação de Jair Moreira, Hugo Henrique, Kevelin Santos e Emanuella Alves. A peça aborda sobre retratos da vida e obra do primeiro palhaço negro do País. Leia a crítica.

No mesmo dia, às 22h, será a vez de ‘Nostalgia do Amor Ausente’. A peça tem direção de Déia Oliveira e é protagonizada por Pri Calazans. Baseado no conto homônimo de Walmor Santos, a obra propõe a loucura e a realidade para que o espectador através de seu olhar, perceba e mergulhe nas dores ora da personagem, ora da atriz, ora de nós mesmos. Leia a crítica.

No domingo (30/jun), às 19h, ocorrerá a sessão de ‘Lágrima de Laura’, com direção de Juliana do Espírito Santo, atuação e dramaturgia de Priscila Ribeiro e participação especial de Cássia Sabino. O espetáculo é criado a partir da leitura de intelectuais e das trajetórias de mulheres negras que cresceram e se desenvolveram em diásporas. Leia a crítica.

Por sua vez, ‘Não Ela – Experimento Vênus Pudica’ estará em cartaz no dia 30, às 21h, com dramaturgia, direção e atuação de Letícia Tavares Homem. Na trama, um experimento científico inalatório promete libertar mulheres de seus estigmas e traumas decorrentes de seu gênero, mas lembranças vêm à tona como parte do procedimento. Leia a crítica.

Muita música, dança e premiação marcam os últimos dias do Fescete

Por Lincoln Spada

A música e as artes cênicas integram a agenda da 23ª edição do Fescete – Festival de Cenas Teatrais nesta semana. Na quinta-feira (dia 27), o Studio Las Cia. de Dança apresentará o espetáculo ‘O Show tem que continuar’, no Teatro Braz Cubas (Av. Pinheiro Machado, 48), com sessão gratuita às 15 horas e, com ingresso a R$ 10, às 20 horas. Já a Orquestra Sinfônica Municipal de Santos fará um concerto gratuito no mesmo dia, às 20h30, no Teatro Coliseu (Rua Amador Bueno, 237).

Por sua vez, a Cia PlastikOnírica fará sessões de teatro lambe-lambe a partir das 18 horas no foyer do Teatro Braz Cubas, na sexta-feira (dia 28). É que na hora seguinte, terá início no teatro a cerimônia de premiação do festival, seja das categorias competitivas de cenas, seja do 15º Concurso Estudantil de Poesia. Após o evento, o público estará convidado para acompanhar o show da sorocabana Banda da Feira, com entradas a R$ 20, na festa ‘Pés no Chão’, na Associação Cultural Porto Circense (Av. Almirante Cochrane, 404).

Nesta semana, o Braz Cubas é um ponto de arrecadação de alimentos enlatados para o Grupo de Apoio à Prevenção à Aids da Baixada Santista (Gapa/BS). O Fescete é uma realização do Tescom, em parceria com a Prefeitura Municipal de Santos. Tem o apoio do SESC Santos e TV Tribuna com o patrocínio do Porto de Santos (Autoridade Portuária de Santos) via Lei de Incentivo à Cultura. Realização: Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Governo Federal. Informações: www.fescete.com.br.