Arquivo da categoria: Guia de artes

Último suspense de Lars Von Trier entra em cartaz no Cine Arte Posto 4

Prefeitura de Santos

Cheio de polêmicas, o suspense ‘A Casa que Jack Construiu’ entra em cartaz no Cine Arte Posto 4 – Sala Rubens Ewald Filho (orla do Gonzaga, próximo ao Canal 3) nesta quinta-feira (17/jan). Protagonizado por Matt Dillon e dirigido por Lars Von Trier, o longa-metragem retrata um assassino em série que encara suas mortes com obras de arte. O filme fica em cartaz até o dia 23, com sessões às 16h, 18h30 e 21h. As entradas custam R$ 1,50 (meia) e R$ 3,00 (inteira). Classificação: 18 anos.

Na trama, durante um encontro fortuito na estrada, o arquiteto Jack (Dillon) mata uma mulher. O evento provoca um prazer inesperado no personagem, que passa a assassinar dezenas de pessoas ao longo de doze anos. Devido ao descaso das autoridades e à indiferença dos habitantes locais, o criminoso não encontra dificuldade em planejar seus crimes, executá-los ao olhar de todos e guardar os cadáveres num frigorífico. Tempos mais tarde ele compartilha os seus casos mais marcantes com o sábio Virgílio (Bruno Ganz) numa jornada rumo ao inferno.

 

Casa Rasta fará show gratuito na orla santista neste verão

Por Sarah Mascarenhas

Considerada a banda mais emblemática de reggae da Baixada Santista, a Casa Rasta retorna com força total em apresentação no próximo sábado (19/jan), às 20h, na Tenda Verão 1 (Praia da Pompeia). Nesta apresentação, a banda mostrará novas canções que estarão presentes no novo EP a ser lançado em 2019 nas plataformas digitais.

Com uma sonoridade contagiante, adquirida ao longo de décadas na estrada e influenciada pelo repertório de seus integrantes, a banda entra no estúdio para gravar músicas inéditas. Com letras poéticas, marcadas por temáticas sociais, e também por ritmos da música negra, como o Reggae, Samba, Soul Music e demais vertentes, a banda registrou sua marca ao longo dos anos, sendo conhecida pela energia de bem estar e diversão que envolve o público.

Nascida nos anos 90, no Macuco, a Casa Rasta tem uma forte ligação com o porto de Santos, sendo seus integrantes participantes de movimentos sociais e parentes de trabalhadores portuários. Formada por Emerson Tripah (guitarra), Gibi Wagner (vocal), Mauro Marianno (baixo), Memê (guitarra), Sandro Bueno (percussão) e Waldir Gonçalves (bateria).

Minimalismo e Santos se entrelaçam em nova mostra de Tom Leal

Por Maurício Businari

Tendo como pano de fundo a cidade de Santos, com suas belezas naturais e arquitetura diferenciada, será inaugurada no dia 23/jan, às 19h, na Cinza General Store (Praça Rotary, 16/Gonzaga), a exposição fotográfica ‘Santos, simples assim’. A mostra reúne 13 obras do fotógrafo santista Tom Leal, que revelam detalhes arquitetônicos, paisagens e ícones conhecidos da Cidade. A visitação gratuita segue de terça a domingo, das 18h à 1h, até 14/fev.

Minimalismo, grafismo e registro documental foram alguns dos estilos buscados por Tom Leal na produção das imagens. A captura foi realizada logo no retorno do fotógrafo ao município, em 2008, após 10 anos vivendo e trabalhando na capital. Como ferramentas, Tom Leal usou câmeras digitais DSLR, compactas e celulares. O resultado são imagens com grande diversidade cromática e de formas, mas que chamam a atenção por sua simplicidade.

“O sentido de que ‘menos é mais’ é um dos fundamentos da escola Bauhaus, movimento nascido na Alemanha e que ajudou a disseminar o conceito do minimalismo no mundo todo”, explica o fotógrafo. “Sou um grande fã dessa corrente, da mesma forma como me atraem as formas geométricas, o grafismo. As imagens selecionadas para a mostra trazem a soma dessas paixões ao amor que sinto por Santos, e que de uma certa maneira pude redescobrir ao voltar a morar aqui”.

Tom Leal é fotógrafo, formado pelo Senac (SP). Conquistou o seu primeiro prêmio de fotografia em 2002 e desde então obteve premiações e menções honrosas em diversos concursos. É um dos idealizadores da TUmobgrafia, movimento surgido em Santos, que incentiva o uso de dispositivos móveis na fotografia. Atualmente possui estúdio em Santos, na Vila Mathias, onde desenvolve trabalhos em diversos segmentos, além de trabalhar como docente no Senac Santos.

 

Quinta-feira tem contação de histórias no Museu da Cidade em PG

Prefeitura de Praia Grande

Mais um dia de diversão para a criançada no Museu da Cidade. Nesta quinta-feira (17/jan), acontece uma nova edição do projeto ‘Era uma vez no Museu’ com uma contação de histórias. O evento acontece gratuitamente às 15h e segue nas duas próximas quintas-feiras (24 e 31/jan). Nesta semana, a história relatada será ‘O Churrasco dos Animais’.

A obra retrata a tentativa de uma festa de confraternização entre eles, entretanto no meio desse percurso ocorre algo surpreendente. As próximas apresentações têm como tema ‘O animal de estimação’ e ‘O menino e a gaiola’, respectivamente. A iniciativa do projeto ‘Era uma vez no Museu’ acontece desde 2015 e tem como objetivo busca trazer as crianças para conhecerem a história da Cidade de forma lúdica.

Sugestão aos pais

Para os responsáveis que estejam acompanhando as crianças uma boa opção é a visita ao 25º Salão de Artes Plásticas de Praia Grande no período da atividade. O local está com 143 obras de 98 artistas de todo país, sendo aberto gratuitamente à população. O horário de funcionamento da Galeria de Artes Nilton Zanotti é das 14h às 17h30. O Museu da Cidade e a Galeria estão situados no Palácio das Artes (Av. Pres. Costa e Silva, 1600/Boqueirão).

Em São Vicente, bloco ‘O Bicho Pegô’ está com ensaios abertos para munícipes

Prefeitura de São Vicente

Quer desfilar e dançar pelas ruas de São Vicente em pleno Carnaval? Então não pode perder a oportunidade que o bloco carnavalesco “O bicho pego” está oferecendo. O grupo está recrutando pessoas interessadas em participar no desfile do dia 4 de março. O ensaio aberto está marcado para a segunda-feira (21/jan) das 19h às 21h, no Ilha Porchat Clube (Alameda Gonçalves, 61, Ilha Porchat).

Os integrantes do grupo pedem aos interessados que levem um produto de higiene para ser doado ao Fundo Social de Solidariedade (FSS), que ficará responsável por destinar a pessoas com câncer. Os participantes aprenderão coreografias novas e antigas do grupo que já tem mais de 20 anos de trajetória.

Os demais ensaios acontecerão das 19h às 21h, às segundas, no Ilha Porchat Clube (até o dia 25/fev). Podem participar pessoas de todas as idades. Os ensaios acontecerão até o desfile previsto para 4/mar. Fundado em 1997, o grupo de dança vivenciava à época o auge do axé.

Em janeiro, Tescom abre seletiva para bolsas de estudo para teatro

Por Escola Tescom

A escola de teatro do Tescom (Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 195, Macuco) abre neste sábado (19/jan), a partir das 10h, audições para bolsas de estudo que podem chegar a 100%. Informações: (13) 3233-6060 e http://www.estudiotescom.com.br.

Podem participar crianças e adultos de qualquer idade. Os menores de 14 anos são avaliados por meio de oficina seletiva, já os maiores de 15 anos devem preparar e apresentar uma cena de até de 3 minutos.

O Tescom nasceu da vontade de artistas em contribuir para o desenvolvimento da cultura, tornando-se espaço para a busca do autodomínio e conhecimento. Tem como missão contribuir para o desenvolvimento pessoal de seus alunos, além de fazê-los usufruir dos benefícios propiciados pelo teatro.

 

Usina Cultural de Guarujá terá 1º Estúdio de Gravação Musical Público

Prefeitura de Guarujá

A Prefeitura de Guarujá preparou extensa programação de comemorações em homenagem a Santo Amaro, padroeiro da Cidade. Na próxima quarta-feira (16/jan), será inaugurado o 1º Estúdio de Gravação Musical Público, instalado na Usina Cultural (Rua Duque de Caxias, 470, Estuário).

Iniciativa da Secult, os equipamentos foram testados por alguns músicos, que já aprovaram a qualidade do espaço oferecido. O local é aberto para todos os produtores de música do Município, respeitando o regulamento de uso do estúdio. Informações: (13) 3384-3027.

O Dia de Santo Amaro foi instituído como feriado municipal desde 1949. Conhecido como Mauro, nasceu no séc. 6º em Roma (Itália). Beneditino desde os 12 anos, foi apontado como exemplo de virtude, obediência e abertura à ação cristã. Em Guarujá, a primeira manifestação em seu louvor foi em 1545, com uma extinta capela situada provavelmente em Santa Cruz dos Navegantes.