Arquivo da categoria: Audiovisual

BR Skate Film Festival chega a Santos neste fim de semana

O Sesc Santos (R. Conselheiro Ribas, 136) recebe pela primeira vez de 09 a 11 de janeiro, a itinerância do BR Skate Film Festival – único festival de cinema e vídeo dedicado exclusivamente ao skateboard no Brasil. O evento, que faz parte do projeto Sesc Verão 2015, segue a mutação inspiradora do skate, que hoje é o segundo esporte mais praticado no Brasil, e leva para tela do cinema o que a principio só poderia ser visto nas ruas de diversos lugares do mundo.

A abertura acontece na sexta-feira, às 20h, com a exibição de “Pretty Sweet”, do premiado diretor Spike Jonze (vencedor do Oscar de melhor roteiro com o filme ‘Her’), Ty Evans e Cory Weincheque. A história gira em torno de duas gangues, que na verdade não são rivais, mas muito boas no que fazem. Um registro documental de batalhas e manobras da equipe Girl & Chocolate Skateboards, com a participação dos maiores nomes do skate mundial como Eric Koston, Guy Mariano, Sean Malto, Marc Johnson, Elijah Berle, Mike Carroll, Alex Olson, Stevie Perez, Gino Iannucci, Chico Brenes, entre outros.

01A programação traz uma série de curtas inéditos exibidos pela primeira vez em Santos como o “MH Skate”, de Toni Carlos Dias e Chico Rodrigues, que retrata a trajetória da carioca MHS, que começou de uma brincadeira de pai para filho em fazer rampas feitas com material de piscina até a fundação de um Skate Parque profissional; “Passengers”, de Tristan Zumbach, que faz uma viagem através de quatro cidades internacionais: São Paulo, Barcelona, Genebra e Londres, a fim de encontrar os skatistas locais, e muito mais.

O BR Skate Film Festival promove ainda dois debates sobre o audiovisual do skate no Brasil. O primeiro acontece no sábado, às 16h após a exibição do filme “Uni.Versus”, de Renato Zokreta, um média-metragem sobre a vida e o skate que busca estimular o pensamento e resgatar a essência universal do ser através das relações humanas, com a presença do diretor e dos skatistas profissionais Daniel Marques (skatista profissional que faz parte do elenco do filme Uni.Versus), Leo Low (skatista profissional da baixada santista) e Klaus Bohms, skatista profissional reconhecido mundialmente.

Já no domingo, também às 16h, acontece o segundo debate após a será exibição o “CityZen”, filme de Guilherme Guimarães, que retrata o skate como forma de intervenção urbana na cidade de São Paulo, com a presença do diretor e dos skatistas profissionais Murilo Romão (skatista profissional) e do argentino Esteban Florio (skatista profissional). A mediação nos dois debates será feita pelo curador do festival Anderson Tuca.

*Sesc-Santos

 

Documentário ‘Na Rua’ registra panorama artístico

Todo ser humano busca ser valorizado em sua profissão. Com os artistas de rua não é diferente. O documentário ‘Na Rua’ mostra como a sociedade desvaloriza essas pessoas, que se arriscam diariamente para levar entretenimento a quem não tem tempo ou dinheiro para apreciar qualquer tipo de arte.

De acordo com os diretores, Guilherme Alves e Raphaella Salles, “Encontramos resultados que desmistificam a desvalorização. Que comprovam a credibilidade, o profissionalismo, as técnicas e as influências da arte feita na rua, que apesar de ser uma das mais reconhecidas do mundo, ainda é ignorada no Brasil”. As imagens são de Ayla Fazioli.

O documentário é o Trabalho de Conclusão de Curso dos dois estudantes de Jornalismo da Universidade Católica de Santos. Na sua pesquisa, entrevistam o secretário da Cultura de Santos, Raul Christiano, os artistas plásticos Leandro Szyszko (Shesko) e Daniel Disaró (Vela), os produtores Ricardo Vasconcellos e Junior Brassalotti, os diretores teatrais Caio Martinez Pacheco e Kadu Veríssimo, o professor de história da arte, Carlos Finocchio e o pichador JR. E até eu, Lincoln Spada. Confira o vídeo.

Cine Retrô relembra filmes de 1984 em Museu de Santos

O verão americano cinematográfico de 1984 presenteou o público com filmes que até hoje emocionam gerações: “Karatê Kid”, “Os Gremlins”, “A História Sem Fim”, “O Exterminador do Futuro”, “Os Caça-Fantasmas”, “A Última Festa de Solteiro”, entre tantos outros que fizeram sucesso de bilheteria e completam 30 anos em 2014.

Com o objetivo de resgatar os períodos marcantes da história do cinema, o site CineZen (www.cinezencultural.com.br) e o Museu da Imagem e do Som de Santos (Av. Pinheiro Machado, 48/Santos), com apoio da Vídeo Paradiso, promovem a primeira edição do “Cine Retrô”, de 18 a 21 de dezembro, que terá como tema “1984 – Filmes de um Verão Inesquecível”.

02A programação é gratuita, contará com bate-papos, sorteios de brindes culturais e ocorrerá na sala de projeção do MISS, recentemente reformada. Quem puder, pode levar um quilo de alimento não perecível em prol da Casa Vó Benedita.

A abertura será na quinta, dia 18, 20h, com exibição de “Karatê Kid: A Hora da Verdade”, seguida do bate-papo “Cinema adolescente nos anos 80: por que marcou tanto?”. Na sexta (19), no mesmo horário, o público poderá conferir “O Exterminador do Futuro” e o debate “Homem x Máquina – O que esperar?”.

Sábado e domingo terão sessões duplas. No sábado (20), 17h, a programação tem início com “Os Caça-Fantasmas”. Em seguida, o bate-papo “Por que o verão de Hollywood em 1984 foi tão especial?”. Já 19h30 tem exibição de “A História Sem Fim”. Domingo (21), 17h, será a vez de relembrar “Os Gremlins”. Logo depois, bate-papo sobre os astros que surgiram naquele período. E 19h30 a mostra será encerrada com “A Última Festa de Solteiro”.

“O Cine Retrô possibilitará à plateia relembrar e refletir sobre filmes e momentos importantes do cinema. Como certas produções transformaram a forma de se fazer cinema e até o comportamento das pessoas”, explica Raquel Pellegrini, coordenadora de cinemas da Prefeitura Municipal de Santos.

“Apesar do entretenimento, esses filmes abordam temas importantes, como o bullying, o avanço da tecnologia e o mau uso dela, o medo do desconhecido que leva a atos impensados, etc. E 1984 se caracteriza pelo verão americano – período dos grandes lançamentos de Hollywood – com o maior número de sucessos de bilheteria”, diz André Azenha, editor do CineZen.

Quinta, 18 de dezembro

20h – Karatê Kid: A Hora da Verdade
Direção: John G. Avildsen.
Elenco: Ralph Macchio, Pat Morita, Elisabeth Shue, Martin Kove, William Zabka.
Sinopse: Daniel Larusso (Ralph Macchio) e sua mãe (Randee Heller) recentemente se mudaram de Nova Jersey para o sul da Califórnia. Porém, Daniel não consegue se ambientar em sua nova morada, até que conhece Ali Mills (Elisabeth Shue), uma garota atraente que gosta dele. Porém, a situação de Daniel se complica quando o ex-namorado de Ali, Johnny Lawrence (William Zabka), e sua gangue começam a atormentá-lo. Um dia, quando é cercado pela gangue de Johnny, ele é salvo por Mr. Miyagi, um veterano japonês (Pat Morita) mestre na arte do karatê. Disposto a ajudar Daniel, Miyagi resolve passar-lhe os ensinamentos do karatê, para que ele possa se defender da gangue de Johnny.

Sexta, 19 de dezembro

20h – “O Exterminador do Futuro”
Direção: James Cameron.
Elenco: Arnold Schwarzenegger, Michael Biehn, Linda Hamilton
Sinopse: Num futuro próximo, a guerra entre humanos e máquinas foi deflagrada. Com a tecnologia a seu dispor, um plano inusitado é arquitetado pelas máquinas ao enviar para o passado um andróide (Arnold Schwarzenegger) com a missão de matar a mãe (Linda Hamilton) daquele que viria a se transformar num líder e seu pior inimigo. Contudo, os humanos também conseguem enviar um representante (Michael Biehn) para proteger a mulher e tentar garantir o futuro da humanidade.

Sábado, 20 de dezembro

17h – Os Caça-Fantasmas
Direção: Ivan Reitman.
Elenco: Bill Murray, Dan Aykroyd, Harold Ramis, Ernie Hudson.
Sinopse: Em Nova York Peter Venkman (Bill Murray), Ray Stantz (Dan Aykroyd) e Egon Spengler (Harold Ramis) são três cientistas do departamento de psicologia da Columbia University, que se dedicam ao estudo de casos paranormais. Quando a subvenção termina eles são despedidos e Venkman sugere que abram um negócio próprio, a exterminadora de fantasmas “Ghostbusters”. Inicialmente eles só têm despesas e nenhum cliente, mas eis que surge Dana Barrett (Sigourney Weaver), uma violoncelista que teve uma experiência assustadora em seu apartamento.

19h30 – “A História Sem Fim”
Direção: Wolfgang Petersen.
Elenco: Barret Oliver, Noah Hathaway, Tami Stronach.
Sinopse: Bastian (Barret Oliver) é um garoto que usa sua imaginação como refúgio dos problemas do dia-a-dia, como as provas do colégio, as brigas na escola e a perda de sua mãe. Um dia, após se livrar de alguns garotos que insistem em atormentá-lo, ele entra em uma livraria. Lá o proprietário mostra um antigo livro, chamado A História Sem Fim, o qual classifica como perigoso. O alerta atiça a curiosidade de Bastian, que pega o livro emprestado sem ser percebido. A leitura o transporta para o mundo de Fantasia, um lugar que espera desesperadamente a chegada de um herói. A imperatriz local (Tami Stronach) está morrendo e, junto com ela, o mundo em que vive é aos poucos devorado pelo feroz Nada. A única esperança é Atreyu (Noah Hathaway), que busca a cura para a doença da imperatriz com a ajuda de Bastian.
Duração: 1h42min.

Domingo, 21 de dezembro

17h – “Os Gremlins”
Direção: Joe Dante.
Elenco: Phoebe Cates, Hoyt Axton, Polly Holliday.
Sinopse: Rand Peltzer (Hoyt Axton) é um “inventor” que, ao tentar dar um presente natalino único para seu filho, Billy Peltzer (Zach Galligan), compra em Chinatown um Mogwai, um ser aparentemente gracioso. Mas o dono, um velho chinês, não queria vendê-lo por dinheiro nenhum, pois ter um Mogwai envolve muitas responsabilidades. Entretanto, o neto do ancião o vende por duzentos dólares e diz as regras essências para ter um Mogwai: nunca colocá-lo diante de uma luz forte e muito menos na luz solar, que pode matá-lo; nunca molhá-lo e, a regra principal, nunca o alimente após a meia-noite, mesmo que ele chore ou implore. Rand ouve o aviso sem dar a devida importância e leva o Mogwai para sua casa em Kingston Falls, uma pequena cidade. Paralelamente, Billy trabalha como caixa de banco e sofre com as exigências de Ruby Deagle (Polly Holiday), uma cliente igualmente rica e antipática. Além disto tem de aturar o pedante Gerald (Judge Reinhold), que quer usar sua posição para conquistar Kate Beringer (Phoebe Cates), a namorada de Billy. Quando Billy recebe o presente fica maravilhado, mas as regras não são respeitadas. Assim, quando é molhado o Mogwai se multiplica assustadoramente e, alimentados após a meia-noite, se tornam criaturas más, que aterrorizam a cidade.

19h30 – A Última Festa de Solteiro.
Direção: Neal Israel.
Elenco: Tom Hanks, George Grizzard,
Sinopse: Rick Gasko (Tom Hanks), um motorista de ônibus escolar, está a ponto de se casar com Deborah Julie Thompson (Tawny Kitaen). Os pais dela o odeiam e o ex-namorado dela também, assim, usando o dinheiro que eles têm, planeja criar uma situação que faça com que Debbie desista de Rick. Para complicar ainda mais, os amigos dele resolvem promover uma despedida de solteiro que, como todas as despedidas de solteiro, é em um hotel caro, com muita bebida, filmes pornográficos e prostitutas. Todos estes fatores criam muita confusão para Rick.

*André Azenha

Curta ‘Filho do Crime’ é exibido em Santos no dia 16

O menino santista Adauto Luiz é a grande estrela do filme ‘Filho do Crime’, exibido na próxima terça-feira (16/dez), às 20h30, no Cine Roxy do Pátio Iporanga (Av. Ana Costa, 465/Santos). A sessão tem como ingresso 1 Kg de alimento não-perecível, que será doado a Casa da Vó Benedita.

01Além de Adalto, o campeão mundial de jiu-jitsu Rodrigo Cavaca, técnico de Vitor Belfort já teria confirmado presença para o evento. O curta-metragem tem roteiro e direção de Daniel Ghivelder e conta com os atores: Tuca Andrada, Bárbara Borges, Roberta Santiago, Anselmo Vasconcelos e André Luiz Miranda.

A produção aborda de forma crua e realista o desenrolar dramático da vida do menino Nathan. Nascido e criado numa favela carioca, ele se depara com um crime bárbaro cometido pelo chefe de segurança das Comunidades do Estado.

A partir desse episódio descobrimos as verdadeiras relações existentes entre os personagens, todos interligados e movidos por sentimentos opostos. Situações de risco permanentes contornam o filme fazendo com que dramas e revelações se tornem o foco de toda a atenção.

O desfecho marcante dessa história é o ponto de partida para uma importante reflexão sobre o futuro de um garoto que se vê envolvido numa terrível situação que vai transformar sua vida para sempre.

*Filho do Crime

Web-série ‘Ruído’ aborda jovens durante ditadura

No ano que completa os 50º aniversário do golpe civil-militar de 1964, jovens da Baixada Santista decidem relembrar os fatos por meio da web-série Ruído – Amoral da História, disponível no canal: youtube.com/user/ruidowebserie.

“Este não é um tema muito trabalhado na escola. Nas aulas de História, costuma ser uma das últimas matérias a serem ensinadas”, justifica o idealizador do projeto, Rafael França. “Queremos mostrar que existe mesmo esse verdadeiro ruído na História do País”.

02Até então ator teatral, Rafael estreia no mundo audiovisual assumindo a direção, roteiro e o papel principal. A web-série feita entre amigos durante todo o ano de 2013 tem ares de grande produção, com câmeras em HD.

Lançado em março, o primeiro dos cinco episódios tem uma câmera que aproveita para destacar os objetos e cenários e, em cada sequência, experimenta uma coloração diferente – ora escura, ora amarelada, ora preto-e-branco… Mas nada que impede do internauta entrar na trama em que Rafael interpreta Murilo, um tímido aluno de Filosofia, que, em 1968, é preso e torturado por ser suspeito de liderar um movimento de oposição.

“É a história de um partido de jovens que se une na luta contra o sistema autoritário, buscando liberdade de expressão”, resume Juliana Laffront, que interpreta Olga, uma determinada estudante de Letras. “Espero que o público reflita o quão ainda é importante a união dos estudantes e trabalhadores para a efetivação de direitos”.

Confira o primeiro episódio:

*Publicado originalmente no Expresso Popular em 19 de março de 2014

 

‘O Grande Mestre’ e ‘Vestido pra casar’ nos cinemas públicos de Santos

Os cinemas públicos de Santos vão exibir três longas-metragens gratuitos a partir desta quinta-feira. No Cine Arte Posto 4, estará em cartaz ‘O Grande Mestre’. No Cine ZN, o final de semana contará com a comédia ‘Vestida pra Casar’ e, no sábado à noite, ‘A História de Adèle H’ será o filme da Cinemateca de Santos.

Cine Arte Posto 4: O Grande Mestre

02A beleza dos movimentos e a história do kung fu são os pontos marcantes do filme ‘O Grande Mestre’, em cartaz de quinta-feira (4) ao dia 10, no Cine Arte Posto 4 (orla do Gonzaga). Dia 8 (segunda-feira), o local ficará fechado para dedetização. O diretor Wong Kar-Wai passou oito anos estudando a vida de Ip Man, mentor do lutador e ator Bruce Lee, para mostrar como o kung fu se propagou pela China, numa linguagem que agrega ação, aventura e biografia. Sessões: 16h, 18h30 e 21h. Ingressos: R$ 3,00 (inteira). Classificação: 12 anos.

Cine ZN: Vestido pra casar

O Cine ZN, que fica no segundo piso do Centro Cultural da Zona Noroeste (av. Afonso Schmidt s/nº, Areia Branca), abriga a comédia nacional ‘Vestido pra Casar’, cujo papel principal é interpretado por Leandro Hassum. No dia do seu casamento, Fernando começa uma grande confusão quando rasga um vestido de alta costura de uma mulher que está acompanhada pelo amante. As exibições acontecem sábado (6) e domingo (7), às 15h, 17h e 19h. Gratuito.

Cinemateca: A História de Adèle H

Dentro da mostra ‘30 Anos sem Truffaut’, a Cinemateca de Santos (Rua Xavier de Toledo, 42/Santos) apresenta ‘A História de Adèle H’ neste sábado (6), às 20h. O drama revela as consequências do amor obsessivo da filha caçula do escritor francês Victor Hugo pelo tenente Pinson, que mora no Canadá. Entrada franca.

*Prefeitura de Santos

Confira a Mostra Internacional de Cinema de SP no Roxy

Pelo terceiro ano consecutivo o Cine Roxy receberá a itinerância da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, em parceria com o Sesc Santos. As sessões ocorrerão de 4 a 7 de dezembro no Roxy 4 do Pátio Iporanga (Avenida Ana Costa, 465/Santos), que já está com as salas completamente digitalizadas e a tecnologia NEC. Comerciários, dependentes e aposentados terão ingresso livre. A meia-entrada custará R$ 6 e, a inteira, R$ 12.

Quinta, 4 de dezembro

19h30 – Duas irmãs uma paixão
Em 1788, numa pequena cidade alemã, a bela Caroline está num casamento infeliz. Charlotte, sua tímida irmã, sonha em encontrar um marido. As duas são as melhores amigas até que Schiller, um badalado poeta chega à cidade. ALE/AUT/SUI, 2014, 133min. Dir: Dominik Graf.

0122h – Acima das nuvens
No auge da carreira, Maria Enders é convidada para atuar numa remontagem de peça que a tornou famosa há 20 anos. Agora, no entanto, ela fará outro papel, o de Helena. Maria viaja com sua assistente para ensaiar em Sils Maria, uma região remota dos Alpes. O papel de Sigrid, que foi seu na primeira versão, é dado a uma jovem estrela em ascensão em Hollywood com uma inclinação para polêmicas. FRA, 2014, 123 min. Dir: Olivier Assayas.

Sexta, 5 de dezembro

18h30 – O Pequeno Quinquin
O capitão de polícia Van der Weyden e seu parceiro Carpentier investigam a descoberta de uma vaca morta preenchida com restos humanos dentro de um galpão alemão abandonado após Segunda Guerra. Enquanto buscam respostas, eles são seguidos pelo pequeno Quinquin, um menino que cria confusão por onde passa. FRA, 2014, 200 min. Dir: Bruno Dumont.

0322h – Queen and Country
Nesta sequência do aclamado Esperança e Glória (1987), Bill Rohan agora é um feliz jovem de 18 anos que tem os sonhos inter rompidos pela Guerra da Coreia em 1952. No campo militar ele conhece Percy, que se torna um bom amigo. Os dois logo viram instrutores e conspiram contra um sargento desagradável. Enquanto explora o mundo longe de casa, Bill se apaixona por uma jovem indomável. UK, 2014, 115 min. Dir: John Boorman.

Sábado, 6 de dezembro

17 – O segredo das águas
Na ilha japonesa de Amami-Oshima, as tradições envolvendo a natureza são eternas. Durante uma noite de danças tradicionais em agosto, Kaito, de 16 anos, descobre um cadáver flutuando no mar. Sua namorada Kyoko, tenta ajudá-lo a compreender essa misteriosa descoberta. Juntos, Kaito e Kyoko aprenderão o que é se tornar adulto experimentando as delicadas relações entre a vida, a morte e o amor. JAP, 2014, 119 min. Dir: Naomi Kawase.

19h30 – O Cuco e o Burro
Após a morte de sua mãe. Conrad resolve fazer um filme sobre a relação de seus pais. Ele escreve um roteiro e entra em contato com uma emissora de TV, onde conhece Halmer, um produtor que demonstra entusiasmo pelo projeto. Mas depois de 5 anos de troca de emails, novas versões do roteiro e inúmeras alterações. ALE, 2014, 95 min. Dir: Andreas Arnstedt.

22h – A Gangue
Sergey, um jovem surdo-mudo, começa a estudar num internato especializado que abriga secretamente uma rede de crime e prostituição entre os estudantes. Neste novo ambiente é forçado a aceitar as duras regras da gangue e participa de vários assaltos, o que lhe garante respeito. UKR, 2014, 132 min. Dir: Myroslav Slaboshpytskiy.

Domingo, 7 de dezembro

17h – Tsili
Durante a segunda Guerra Mundial, a jovem judia Tsili se esconde nas florestas de Chernivtsi, na Ucrânia, após toda sua família ser deportada para os campos de concentração. Marek, outro refugiado judeu, a encontra e fala com ela em ídiche. com a dificuldade em interagir após as experiências traumáticas, os dois conseguem se entender até o dia em que Marek vai à vila procurar comida e não volta mais. ISR/ITA/FRA/RUS, 2014, 88 min. Dir: Amos Gitai.

19h30 – Força Maior
Ebba e Tomas decidem passar cinco dias de férias esquiando no Alpes franceses com seus dois filhos. Quando os quatro almoçam num restaurante nas montanhas, uma avalanche se aproxima rapidamente e ameaça soterrar o local. Nenhum deles fica ferido , mas a atitude de Tomas durante o incidente pode causar danos irreparáveis. SUE, 2014, 118 min. Dir: Ruben Ostlund.

0222h – Falando com os Deuses
O longa coletivo explora a relação entre diferentes culturas e religiões. Espiritualidade aborígene, catolicismo, islamismo, judaísmo, budismo e xintoísmo, cristianismo ortodoxo, umbanda, hinduísmo, assim como ateísmo encontram expressão no filme. Com os episódios organizados por Mário Vargas Llosa, o filme apresenta diferentes perspectivas sobre a religiosidade, um fenômeno especificamente humano. Vários, 2014, 135 min. Dir: Álex de La Iglesia, Amos Gital, Bahman Ghobadi, Emir Kusturica, Guillermo Arriaga, Hector Babenco, Mira Nair e Warwick Thornton.

*André Azenha/Cine Roxy