Arquivo da tag: 20 anos

Celebrando 20 anos de carreira, Danilo Nunes faz show em prol às vítimas de furacão no Haiti

Por Ciranda Para Todos

A arte possibilitando a solidariedade na América Latina. É assim que será conduzido o show que marca os 20 anos de carreira do músico santista Danilo Nunes, no próximo dia 5 (sábado), às 20 horas, na Associação Cultural José Martí (Rua Joaquim Távora, 217, Santos). Com entradas a R$ 10, o evento terá parte da bilheteria destinada às vítimas do furacão Matthew.

“Não penso em caridade, mas sim em humanidade, pois trabalho antes de tudo como e com seres humanos”, diz o cantor sobre a razão desta apresentação, que terá no repertório músicas autorais, como as canções Por quantos Santos, Pátria Amada e Moro no Mato. Nestas duas décadas, Danilo lançou CD solo e com sua banda Carrossel de Baco, atravessou turnês pelo país.

Pela música, idealizou e produziu o Quintas Autorais, mostra de compositores da região e o MAIS Música Autoral e Independente de Santos. Além disso, versou em outras áreas, ora como ator e fundador do consagrado Teatro do Pé, ora como autor de ‘Poemas Sinfônicos’, pelas Edições Caiçaras. Historiador e pesquisador sobre a cultura popular brasileira e folclore, Danilo também faz parte da comissão da Semana da Cultura Caiçara e, mais recentemente, está participando do projeto Ciranda para Todos.

Lançamento

O Ciranda para Todos é um coletivo recém-criado por ativistas e militantes em diversas áreas, que tem como objetivo fortalecer a rede de movimentos da região e desenvolver iniciativas e ações formativas relacionadas à educação e cultura para toda a população. Lançado durante o evento, o grupo já tem uma agenda de atividades na Orla e Zona Noroeste de Santos. Saiba mais em: fb.com/cirandaparatodos.

Fescete 20 Anos premia uma centena de artistas e estudantes

Cerca de 100 troféus Iracema Paula Ribeiro consagraram artistas, alunos, arte-educadores e técnicos das artes cênicas na cerimônia de encerramento do Fescete 20 Anos – Festival de Cenas Teatrais. O evento foi realizado na última sexta-feira (dia 1º) no Teatro Braz Cubas, em Santos. Com o tema ‘Reinventar’ e show da Banda Mordida, a cerimônia também teve o anúncio do tradicional concurso de poesias do festival.
.
Na escolha dos grupos de orientadores teatrais, as melhores cenas deste ano foram: ‘La fuerza de la superacion’ (Tenda da Fortuna, de São Paulo, na categoria adulta), ‘Elena’ (Cia Valsa pra Lua, de Cubatão, na categoria monólogo), ‘Meu pé de laranja lima’ (Teatro JN de São Vicente, na categoria estudantil A), ‘Morte e vida Severina’ (Colégio Jean Piaget, na categoria estudantil B) e ‘Por quê?’ (do Inesperado’s Baby, na categoria mirim).
.
O Festival
.
O Fescete 20 Anos é uma realização da Escola de Teatro Tescom, do Governo Federal via Ministério da Cultura, patrocínio da Secretaria de Portos via Porto de Santos, co-patrocínio Transbrasa, apoio da Lei de Incentivo à Cultura, Prefeitura de Santos, TV Tribuna e Sesc Santos. Apoio cultural: AG Branco, Anglo Santos, Associação dos Artistas, Contabilidade Abílio das Neves, DB Fotografia, Dino Filmes, Divina Fornada, Ecad, Elemídia, Engenharia Habilidade, Just Design, Kokimbos, Nutri Org, Red Balloon, Unisanta, Vista Mídia e Viva Vinhos. Informações: www.fescete.com.br
.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 .
Categoria Mirim
>> Voto dos orientadores para melhores cenas: ‘Por quê?’ (Inesperado’s Baby/1º lugar), ‘Os Porquinhos’ (Cia Juliana Lima/2º lugar), ‘Semente’ (Presepada Teens/2º lugar) e ‘Linda Flor’ (Arte e estudo juvenil/3º lugar).
>> Voto popular de melhores cenas: ‘Por quê?’ (Inesperado’s Baby/1º lugar), ‘A Revolta dos Brinquedos’ (Inesperadinhos/2º lugar), ‘Linda Flor’ (Arte e estudo mirim/3º lugar).
>> Produção: ‘Por quê?’ (Inesperado’s Baby); Texto original: Marcus Di Bello (‘Por quê?’, de Inesperado’s Baby); Texto adaptado e sonoplastia: Juliana Lima (‘Os porquinhos’, da Cia. Juliana Lima); Figurino: Paola Caruso (‘Somos todos Dom Quixote’ e ‘A farsa do príncipe’); Iluminação: Marcus Di Bello (‘Severino faz chover’, da Presepada Kids); Cenografia: Dario Félix e Miriã Pessoa (‘Severino faz chover’, da Presepada Kids); Revelação: Catarina Cação (‘João e Maria’, de Arte e Estudo Mirim); Ator: Vitor Lima (‘Semente’, da Presepada Teens); Atriz: Manuela Romano (‘A revolta dos brinquedos’, do Inesperadinhos); Direção: Jamili Limma (‘Por quê?’, de Inesperado’s Baby);Prêmio especial pela construção da personagem: Ana Luiza Miranda (‘Severino faz chover’, da Presepada Teens); Prêmio pelo conjunto de cena: ‘Por quê?’; Coro cênico: ‘Linda Flor’ (Arte e estudo juvenil); Prêmio especial à Ana Luiza (‘Os Porquinhos, da Cia Juliana Lima) e às bailarinas de ‘A Farsa do Príncipe’.
.
Categoria Estudantil (A e B)
3>> Voto dos orientadores para melhores cenas da categoria estudantil A: ‘Meu pé de laranja lima’ (Teatro JN/1º lugar), ‘A revolução das notas musicais’ (Teátrio Musical/2º lugar), ‘A alegria do circo’ (Porto Encena/3º lugar).
>> Voto dos orientadores para melhores cenas da categoria estudantil B: ‘Morte e vida Severina’ (Teatro Jean Piaget/1º lugar), ‘A ver estrelas’ (O.B.A. São Vicente/2º lugar), ‘O Sétimo Planeta’ (Cia Teatral Pé no Palco/2º lugar), ‘As bruxas de Salém’ (O.B.A. Conselheiro/3º lugar).
>> Voto popular de melhores cenas: ‘Terra Ardente’ (Revirados/1º lugar), ‘O Truk da Trupe’ (Anglo Santos/2º lugar), ‘Morte e Vida Severina’ (Jean Piaget/3º lugar).
>> Produção: ‘Morte e Vida Severina’ (Jean Piaget); Texto original: Plínio Augusto (‘Vai dar bolo’, de Atrás da Cortina/A) e Nei Boito (‘Circo Portovick’, de Exploradores Cênicos/B); Texto adaptado: Raquel Araújo (‘O país dos dedos gordos, do Teatro Novo Tempo/A) e Marcondys França (‘O fantasminha Pluft’, do Verteatro/B); Figurino: Teatro JN (‘Meu Pé de Laranja Lima’/A) e Larissa Miyachiro (‘O sétimo planeta’, da Cia Teatral Pé no Palco/B); Iluminação: André Cajaíba; Sonoplastia: Marici Dorta (‘A revolução das notas musicais’, do Teátrio Musical/A) e Fred Lincoln (‘Circo Portovick’, de Exploradores Cênicos/B); Cenografia: Teatro JN (‘Meu pé de laranja lima’/A) e Daniel Valverde (‘A ver estrelas’, da O.B.A. São Vicente/B); Revelação: Jaya Cordaro Tavares, Lia Ramos Duarte (ambos de ‘O país dos dedos gordos’, do Teatro Novo Tempo/A), Naila da Silva Souza e Giovanna dos Santos Barone (ambas de ‘Circo Portovick’, dos Exploradores Cênicos/B); Ator: Guilherme Oliveira Mota (‘O país dos dedos gordos’, do Teatro Novo Tempo/A) e Arthur Neto (‘Morte e vida Severina’, do Teatro Jean Piaget/B); Atriz: Julia Laurieri (‘Os saltimbancos’, do Verteatro/A), Paula Prado e Beatriz Silva (ambas de ‘As bruxas de Salém’, do O.B.A. Conselheiro/B); Direção: Igor Ferreira (‘Meu pé de laranja lima’, do Teatro JN) e Daniel Valverde (várias obras); Prêmio especial: ‘Meu pé de laranja lima’ (Teatro JN), ‘A alegria do circo’ (Porto Encena), ‘Um Brasil Nordestino’ (Thearteiros) e a atenção à sustentabilidade do Grupo Dom Líbor.
.
Categoria Monólogo
2>> Voto dos orientadores para melhores cenas: ‘Elena’ (Cia Valsa pra Lua/1º lugar), ‘A mais forte’ (Taetro de Teatro/2º lugar) e ‘Um discurso para minha avó’ (Cia. Teatro Vozavós/3º lugar).
>> Voto popular de melhores cenas: ‘Laura’ (Maristelos/1º lugar), ‘Um dedo de prosa’ (Coletivo Allegro/2º lugar), ‘A Mais Forte’ (Taetro de Teatro/3º lugar).
>> Texto original e figurino: Juliana do Espírito Santo (‘Um discurso para minha avó’, da Cia de Teatro Vozavós); Maquiagem: Carina Torres e Vera Mojola (‘A mais forte’, do Taetro de Teatro); Iluminação: Anderson de Oliveira (‘A mais forte’, do Taetro de Teatro); Sonoplastia: Fred Lincoln (‘Um dedo de prosa’, do Coletivo Allegro); Cenografia e direção: Fabiano Melo (‘Elena’, Cia Valsa para Lua); Ator: Rodrigo Caesar (‘Carta de um defunto rico’, da Cia Héterus de Teatro); Atriz: Mariana Nunes (‘Elena’, da Cia Valsa pra Lua).
.
Categoria Adulto
>> Voto dos orientadores para melhores cenas: ‘La fuerza de la superacion’ (Tenda da Fortuna/1º lugar), ‘Eu matei minha mãe’ (Teatro JN/2º lugar) e ‘Uma dona só’ (Taetro de Teatro/3º lugar).
>> Voto popular de melhores cenas: ‘Axé Aiê’ (Mosaico Teatral/1º lugar), ‘Urbanus’ (Cia Dons/2º lugar), ‘Mãos de Ferro’ (TNQ/3º lugar).
>> Texto original: Mateus Faconti e Amadeus Gaia (‘La fuerza de la superacion’, de Tenda da Fortuna); Figurino: Larissa Kathleen (‘O Jantar’, do Grupo da Laje); Maquiagem: Carina Torres (‘A Mulher Judia’, do Taetro de Teatro); Iluminação: Roberto Bastelli (‘Luminescência’, da Cria Criou Cia de Artes); Sonoplastia: Eder Santos (‘La fuerza de la superacion’, de Tenda da Fortuna); Cenografia: Igor Ferreira (‘Eu matei minha mãe’, do Teatro JN); Revelação: Martinha Lopes (‘O Teste’, da Cia Atores da Vila) e Wilson Gois (‘De volta ao luto’, da Cia Lorena);Ator: Alex Moreira (‘La fuerza de la superacion’, da Tenda da Fortuna); Atriz: Ellen Silva (‘Uma dona só’, do Taetro de Teatro); Direção: Mateus Faconti (‘La fuerza de la superacion’, da Tenda da Fortuna); Prêmio especial ao elenco de ‘O Teste’ (Cia Atores da Vila) e pesquisa estéticado Teatro JN (‘Eu matei a minha mãe’).
.
12º Concurso Estudantil de Poesia
>> Ensino Fundamental 1: Luna Alves Silva Santos (Anglo Santos/1º lugar), Esthela Mendes Ricciotti (Anglo Santos/2º lugar), Salwa Riad El Malt (Anglo Santos/3º lugar);
>> Ensino Fundamental 2: Júlia Ferreira Pinto (Colégio Coração de Maria/1º lugar), Ana Luiza Badialle Costa (Colégio Coração de Maria/2º lugar), Bruno Manelici Felix (Anglo Santos/3º lugar), Arthur Felinto Mendes Ricciotti (Anglo Santos/Especial);
>> Ensino Médio: Hemily Kamila Santos de Lima (Colégio França/1º lugar), Deborah Braga Freitas Santos (Anglo Santos/2º lugar), João Vitor Soares Ribeiro (E.E. Afonso Schmidt/3º lugar);
>> Universitário: Ulisses Batista Thadeu Salvador (Unip/1º lugar), Angélica Aldrey Prates (Unisanta/2º lugar), João Victor Concer Corrêa (Unisantos/3º lugar).
>> Prêmio Fescete Solidário ‘Quadradinhos de Amor’: Colégio Anglo Santos;
.
*Lincoln Spada

Fescete 20 Anos alia cultura e acessibilidade em apresentações artísticas

A cultura e a acessibilidade estão presentes no principal festival de artes cênicas do litoral paulista, o Fescete 20 Anos – Festival de Cenas Teatrais que acontece em Santos e outros quatro municípios da Baixada Santista entre 17 de junho e 1º de julho. A Cia que Mudou de Nome e o Studio Las de Dança são destaques da programação.

No dia 29, às 20 horas, no Teatro Coliseu (Rua Amador Bueno, 237), acontece o espetáculo ‘… Tempo…’, do Studio Las Cia. de Dança. Dirigido por Luciana e Alexandre Siqueira, o espetáculo é de um coletivo formado por bailarinos em cadeira de rodas e dança esportiva. Os ingressos custam R$ 10 e serão revertidos ao grupo artístico. No mesmo dia, mais cedo (às 15 horas), o grupo fará uma apresentação fechada aos alunos da rede municipal de ensino.

Já no dia seguinte, às 20 horas, o Teatro Guarany (Praça dos Andradas, 100) recebe o espetáculo ‘Colibri, o Ator Cego’, do grupo paulista Cia que Mudou de Nome. A peça conta com áudio-descrição e a entrada é um alimento enlatado, que será doado ao Grupo de Apoio à Prevenção à Aids (Gapa/BS).

Na peça, ao entrar no camarim, um ator cego se depara com pessoas que o observam. Vencido o susto, o artista começa a dividir com a plateia suas histórias. No decorrer desse monólogo, Colibri transmuta-se em criatura mitológica, tia velha e esnobe, e faz recitações de textos já apresentados em sua vida no palco. O monólogo é dirigido por Kleber Góes e tem dramaturgia do ator Edgard Jacques.

Mostra competitiva

A mostra adulta se encerra nesta quarta-feira, às 19 horas, no Teatro Braz Cubas (Av. Pinheiro Machado, 48) com apresentações das seguintes cenas: ‘Amores paralelos’, d’Os Onomatopeicos Trupe (Mogi das Cruzes), ‘O rouxinol e a rosa’ da Oficina de Teatro e Pesquisa Parque Anilinas (Cubatão), ‘Homo condominus’, de Carranca Coletivo (Rio de Janeiro/RJ), ‘De volta ao luto I’, da Cia. Lorena (Cubatão), ‘Urbanus’, da Cia. Dons de Teatro Musical (São Vicente), ‘De volta ao luto II’ da Cia. Lorena (Cubatão) e ‘Dor de Corno’, da Dramatúrgica Oficina.

*Lincoln Spada

Fescete 20 Anos contempla 120 ações em cinco cidades, confira programação

Imagine uma Santos sem Guarany ou Coliseu, sequer escola pública de artes cênicas e com a maioria do teatro então amador na cidade. O município tinha esse cenário em 96, época em que iniciou o Fescete – Festival de Cenas Teatrais, pioneiro do gênero no Brasil e que cresceu junto da efervescência do cenário cultural de Santos e Região.
Hoje com o tema ‘Reinventar’, o Fescete 20 Anos busca ampliar ainda mais as artes na Baixada Santista, percorrendo cinco municípios entre 17 de junho e 1º de julho. Ao todo, são mais de 120 produções artísticas em 15 dias de programação em 12 espaços culturais diferentes de Santos, Cubatão, Guarujá, Praia Grande e São Vicente.
Além das cenas nas mostras competitivas Mirim, Estudantil, Adulto e Monólogo (com premiação em troféus e dinheiro), o Fescete neste ano conta com a tradicional mostra paralela, exposição fotográfica, lançamento de livros, concurso de poesias, shows musicais, espetáculos de dança e confraternizações, reunindo coletivos de São Paulo, Bahia, Pernambuco e Rio de Janeiro.
A cada dia, o Fescete 20 Anos prestará homenagem a um dos artistas já reverenciados noutras edições. E, na cerimônia de abertura, no dia 17, às 19 horas, no Sesc Santos, contará como patronos o diretor teatral Tanah Correa e o ator global Alexandre Borges. “Pai e filho, companheiros na vida e na arte, artistas de gerações diferentes que nos ensinam a respeitar o passado, escrever o presente e sonhar o futuro”, diz Pedro Norato, que dirige o festival junto de Karla Lacerda.
A atual edição também contará com duas campanhas solidárias: arrecadação de alimentos enlatados para as cestas básicas das famílias atendidas pelo Grupo de Apoio à Prevenção à Aids (Gapa/BS) com doação de alimentos; e de recolher novelos de lãs para o grupo voluntário Quadradinhos de Amor, que costura mantas para população mais vulnerável. Confira abaixo a programação oficial:
Dia 17/jun (sexta-feira) – Programação em homenagem a Tanah Correa e Alexandre Borges
>> 19h | Sesc (Rua Conselheiro Ribas, 136/Santos) | Gratuito | Cerimônia de abertura ‘Reinventar’, apresentada por Vanessa Machado e Tony Lammers;
>> 21h | Sesc | Gratuito | ‘A noite dos palhaços mudos’, do grupo La Mínima, com ingressos na bilheteria local no mesmo dia às 10h;
Dia 18/jun (sábado) – Homenagem a Greghi Filho
>> 14h | Espaço Integrado de Arte (Av. Pinheiro Machado, 48, 1º andar/Santos) | Gratuito | Abertura da exposição ‘Fescete 20 Anos – Reinventar’, com curadoria de Rafael Branco; intervenção com doutores da cultura/Tescom;
>> 15h | Teatro Braz Cubas (Av. Pinheiro Machado, 48, 1º andar/Santos) | R$ 10 | Categoria mirim: ‘Por quê?’, de Inesperado’s Baby, ‘João e Maria’, de Arte e Estudo Mirim, ‘Linda flor’, de Arte e Estudo Juvenil, ‘Semente…’, da Presepada Teens, e ‘Os porquinhos’ da Cia. Juliana Lima (Guarujá);
>> 16h | Teatro de Bolso Leni Morato (Av. Costa e Silva, 1600/Praia Grande) | Gratuito | Mostra paralela: ‘O Primeiro Milagre do Menino Jesus’, da Cia do Elefante/Tescom;
>> 18h | Espaço Integrado de arte | Gratuito | Lançamento do livro ‘4 Mulheres’, de Orleyd Faya, seguida de cena teatral ‘Isadora’, da mesma autora com a Dramatúrgica Oficina/Tescom;
>> 19h | Teatro Guarany (Praça dos Andradas, 100/Santos) | R$ 10 | Categoria monólogo: ‘Carta de um defunto rico’, da Cia. Héterus de Teatro (São Vicente), ‘No espelho (Gaiola, o caçador de solidão)’, da Cia. Távola de Teatro (Lauro de Freitas/BA), ‘Amando Amanda’, do Grupo Teatro Delivery (São Paulo), ‘Um discurso para a minha avó’, da Cia. de Teatro Vozavós (Guarujá), ‘Um dedo de prosa’, do Núcleo de Pesquisa Coletivo Allegro (Guarujá), ‘O coração denunciador’, da Cia. Ator Doe-se, ‘À procura da felicidade’, de Will de zero a mil (São Vicente)
>> 22h | Casarão Santa Cruz (R. Almeida de Moraes, 45/Santos) | Gratuito | Confraternização ‘Fescete Reinventar’.
Dia 19/jun (domingo) – Homenagem a Fernando Pompeu
>> 10h30 | Concha Acústica (Santos) | Gratuito | Mostra paralela: ‘Circo Bella’, da Bella Cia.;
>> 15h | Teatro Braz Cubas | R$ 10 | Categoria Mirim: ‘A farsa do príncipe invisível’, de Presepada Teens, ‘A revolta dos brinquedos’, de Inesperadinhos Grupo Teatral, ‘Severino faz chover’, de Presepada Kids, ‘Valei-me’ de Quem Avisa Amigo É!, ‘Eu chovo, tu choves, ele chove…’, do Fuzarka Teens, ‘Somos todos Dom Quixote’, de Dom Líbor Equipe de Teatro;
>> 19h | Teatro Guarany | R$ 10 | Categoria Monólogo: ‘A mais forte’, do Teatro de Teatro, ‘Laura’, de Maristelos, ‘A noite’ d’Os Indesejáveis do Telhado (São Vicente), ‘A ti palavra’, da Cia. Recriapalhando (Praia Grande), ‘A rainha do rádio’, do Teatro JN (São Vicente), ‘Elena’, da Cia. Valsa pra lua (Cubatão) e ‘A presença’, da Cia. Dons de Teatro Musical (São Vicente).
Dia 20/jun (segunda-feira) – Homenagem a Roberto Massoni
>> 19h | Teatro Braz Cubas | R$ 10 | Categoria Estudantil: ‘Hastag Feiurinha desaparecida’, do Colégio Universitas, ‘Vai dar bolo’, de Atrás da Cortina (São Vicente), ‘O menino narigudo’, do Verteatro (São Vicente), ‘Meu pé de laranja lima’, do Teatro JN (São Vicente), ‘A alegria do circo’, do Porto Encena (Praia Grande), ‘O mágico de OZ’, de Prosas e Versos (São Vicente), ‘A revolução das notas musicais’, de TeÁtrio Musical, ‘O Truk da Trupe apresenta A Fera Amansada’, do Núcleo de Teatro Anglo Santos.
Dia 21/jun (terça-feira) – Homenagem a Osvaldo Araújo e Silvio Roupa
>> 18h | Espaço Integrado de Arte | 1 alimento enlatado em prol ao Gapa/BS | Mostra paralela: ‘Convite para um Café’, do Grupo Teatro Delivery (São Paulo)
>> 19h | Teatro Braz Cubas | R$ 10 | Categoria Estudantil: ‘Coppélia, a menina dos olhos de esmalte’, do Núcleo Um de Teatro Objetivo Ponta da Praia, ‘O país dos dedos gordos’, do Grupo de Teatro Novo Tempo, ‘A princesa e o careca’, de Aspirantes Cênicos (Praia Grande), ‘Os saltimbancos’, do Verteatro (São Vicente), ‘Um Brasil nordestino’, dos Thearteiros, ‘As bruxas de Salém’, do Núcleo Dois de Teatro Objetivo Ponta da Praia, ‘A ver estrelas’, do O.B.A. São Vicente;
>> 20h | Tescom (Av. Cons. Rodrigues Alves, 195/Santos) | 1 alimento enlatado em prol ao Gapa/BS | Mostra paralela: ‘Verniz Náutico para Tufos de Cabelo’, de Paulo Celestino e dramaturgia de Victor Nóvoa.
Dia 22/jun (quarta-feira) – Homenagem a Cleide Queiroz e Roberto Peres
>> 18h | Espaço Integrado de Arte | 1 alimento enlatado em prol ao Gapa/BS | Mostra paralela: ‘Coquetel de Cenas’, do Grupo Teatro Deliverty (São Paulo);
>> 19h | Teatro Braz Cubas | R$ 10 | Categoria Estudantil: ‘Primavera adormecida’, da Cia. Teatral Prof. Fernando de Azevedo, ‘Logo nasce outra em seu lugar’ de O.B.A. Embaré, ‘O fantasminha Pluft’ do Verteatro (São Vicente), ‘A magia dos livros’, da Cia. Teatral Prof. Fernando de Azevedo, ‘Circo Portovick’, dos Exploradores Cênicos (Praia Grande), ‘O sétimo planeta’ da Cia. Teatral Pé no Palco, ‘As bruxas de Salém’ do O.B.A. Conselheiro, ‘Morte e vida Severina’ do Núcleo de Teatro Jean Piaget;
>> 20h | Tescom | 1 alimento enlatado em prol ao Gapa/BS | Mostra paralela: ‘Verniz Náutico para Tufos de Cabelo’, de Paulo Celestino e dramaturgia de Victor Nóvoa.
Dia 23/jun (quinta-feira) – Homenagem a Serafim Gonzalez
>> 15h | Tescom | Gratuito | Curso livre de formação em artes cênicas;
>> 19h | Teatro Braz Cubas | R$ 10 | Categoria estudantil: ‘Sonho de Uma Noite de Verão’, do Núcleo de Teatro Anglo Santos, ‘Dom Chicote Mula Manca’, do Grupo de Teatro Novo Tempo, ‘Beijos, escolhas e bolhas de sabão’ do O.B.A. Guarujá, ‘Valei-me Nossa Senhora’ do Projeto em Cena Dom (Guarujá), ‘Terra Ardente – Viagem ao mundo de Lampião’ de Revirados (Praia Grande), ‘O Pequeno Príncipe’, da Cia Teatral Pé no Palco;
>> 20h | Teatro Guarany | R$ 10 | Mostra paralela: ‘Sônia’, do grupo de Teatro JN (São Vicente).
Dia 24/jun (sexta-feira) – Homenagem a Neyde Veneziano
>> 15h | Tescom | Gratuito | Curso livre de formação em artes cênicas;
>> 16h | Teatro Guarany | R$ 10 | Mostra paralela: ‘Era Uma Vez o Gato Malhado e a Andorinha Sinhá’, do Coletivo Verum de Teatro;
>> 18h | Espaço integrado de arte | Gratuito | Mostra paralela: ‘Saudade’, da Cia PlastikOnírica (São Paulo);
>> 19h | Teatro Braz Cubas | R$ 10 | Categoria adulto: ‘Canto dos anjos caídos’, de Maristelos, ‘Colegas de batalha’, da Dramatúrgica Oficina, ‘O Jantar’, de DaLage (São Vicente), ‘A Fórmula de um assassino’, da Cia. Teatral Os indesejáveis do Telhado (São Vicente), ‘A Lição’, de Taetro de Teatro, ‘Vinde a mim’ de Ide Atuai (São Vicente), ‘Tudo é jazz’ da Companhia Diagonal de Teatro (São Vicente);
>> 20h | Teatro do Kaos (Praça Joaquim Montenegro, 34/Cubatão) | 1 alimento enlatado em prol ao Gapa/BS | Mostra paralela: ‘Os sapatos que deixei pelo caminho’, do Teatro do Kaos;
>> 20h30 | Teatro Guarany | R$ 10 | Mostra paralela: ‘Era Uma Vez o Gato Malhado e a Andorinha Sinhá’, do Coletivo Verum de Teatro;
>> 22h | Casarão Santa Cruz | Gratuito | Confraternização ‘Fescete Reinventar’
Dia 25/jun (sábado) – Homenagem a Sérgio Mamberti
>> 10h | Tescom | Gratuito | Roda de partilha das categorias mirim e estudantil;
>> 14h | Tescom | Gratuito | Roda de partilha da categoria monólogo;
>> 16h | Oficinas Culturais Oswaldo Névola Filho (Rua Durval do Amaral, 72/São Vicente) | Gratuito | ‘O Primeiro Milagre do Menino Jesus’, da Cia do Elefante/Tescom;
>> 17h | Espaço Integrado de Arte | Gratuito | Bate-papo ‘Processo de trabalho do ator’, com Renata Zhaneta;
>> 18h | Espaço Integrado de Arte | Gratuito | Mostra paralela: ‘Saudade’, da Cia PlastikOnírica (São Paulo);
>> 19h | Teatro Braz Cubas | R$ 10 | Categoria Adulto: ‘Refeição viciosa’, de Soar Produções (São Paulo), ‘O Espelho’, da Juventude Alternativa (Resende/RJ), ‘Uma Dona Só’ do Taetro de Teatro, ‘O teste’ da Cia. Atores da Vila (Guarulhos/SP), ‘A criação do mundo através dos olhos de uma criança’, da Cria Criou Companhia de Artes, ‘O doente imaginário’ do Casarão Pesquisas Teatrais, ‘Delicado’, da Cia. Dons de Teatro Musical (São Vicente);
>> 20h30 | Teatro Guarany | Gratuito | Show ‘Celebrando Garoto’, do Clube do Choro de Santos e músicos convidados;
>> 22h | Casarão Santa Cruz | Gratuito | Confraternização ‘Fescete Reinventar’.
Dia 26/jun (domingo) – Homenagem a Oscar Magrini
>> 10h30 | Concha Acústica | Gratuito | Mostra paralela: ‘Espavento’, do Grupo Teatro de Retalhos (Arcoverde/PE);
>> 17h30 | Sesc Santos | Ingressos gratuitos retirados a partir do mesmo dia às 10h | Mostra Paralela: ‘Pinocchio’, da Cia Urbana de Teatro (São Paulo);
>> 18h | Espaço Integrado de Arte | Gratuito | Mostra paralela: ‘Saudade’, da Cia PlastikOnírica (São Paulo);
>> 19h | Teatro Braz Cubas | R$ 10 | Categoria adulto: ‘Querô – uma reportagem maldita’, da Cia. Veritas Produções Artísticas (Bertioga), ‘Luminescência’, da Cria Criou Companhia de Artes, ‘Degustando-te’ da Cia. Vá de Teatro (Lorena/SP), ‘La fuerza de la superacion’ da Tenda da Fortuna (São Paulo), ‘A mulher judia’ do Taetro de Teatro,’ Anne – um fragmento’, da Cia. Teatral Pé no Palco, ‘Chicago – o outro lado do jazz’ da Cia. Dons de Teatro Musical (São Vicente);
>> 19h30 | Teatro Procópio Ferreira (Av. Dom Pedro I, 350/Guarujá) | Gratuito | ‘Cinderela Brasileira’, da Casa3deArtes;
>> 20h | Teatro Guarany | 1 alimento enlatado em prol ao Gapa/BS | ‘Alma Boa – Uma Parábola Chinesa’, da Cia. Histriônica de Teatro (Campinas).
Dia 27/jun (segunda-feira) – Homenagem a Lolita Rodrigues
>> 18h | Espaço Integrado de Arte | Gratuito | Mostra paralela: ‘Saudade’, da Cia PlastikOnírica (São Paulo);
>> 18h30 | Espaço Integrado de Arte | 1 alimento enlatado em prol ao Gapa/BS | Performance: ‘Busca’, do Laboratório de Pesquisa da Fábrica Cultural de Santos;
>> 19h | Teatro Braz Cubas | R$ 10 | Categoria Adulto: ‘Subdivisões prismáticas da ideia’, de Taetro de Teatro, ‘O antro’, da Cia. Vá de Teatro (Lorena/SP), ‘Retiro dos sonhos’ de Taetro de Teatro, ‘Nada disso é real’ da Companhia Diagonal de Teatro (São Vicente), ‘Axé aiê’ do Coletivo Mosaico de Teatro, ‘Engraçadinha’, da Cia. Dons de Teatro Musical (São Vicente) e ‘Tio Vânia’, de Ivys e Gabi.
Dia 28/jun (terça-feira) – Homenagem a Nelson Baskerville
>> 18h | Espaço Integrado de Arte | Gratuito | Mostra paralela: ‘Saudade’, da Cia PlastikOnírica (São Paulo);
>> 19h | Teatro Braz Cubas | R$ 10 | Categoria Adulto: ‘Amigas e Solteiras’, dos Insuporsanos (Praia Grande), ‘Eu matei minha mãe’, do Teatro JN (São Vicente), ‘A carta’, de Inomi (Praia Grande), ‘Os monólogos da vagina’, de Taetro de Teatro, ‘Cena IV de A cantora careca’, do Grupo Andejos (São Paulo), ‘As Sogras’, dos Insuporsanos (Praia Grande) e ‘Mãos de Ferro’, do T.N.Q. (São Vicente).
Dia 29/jun (quarta-feira) – Homenagem a Jandira Martini e Ney Latorraca
>> 15h | Teatro Coliseu (Rua Amador Bueno, 237/Santos) | Para alunos da Escola Total | Dança ‘…Tempo…’, do Studio Las Cia. de Dança;
>> 18h | Espaço Integrado de Arte | Gratuito | Roda: ‘Capoeira Escola – capoeira para todos’, com Mestre Márcio;
>> 19h | Teatro Braz Cubas | R$ 10 | Categoria Adulto: ‘Amores paralelos’, d’Os Onomatopeicos Trupe (Mogi das Cruzes), ‘O rouxinol e a rosa’ da Oficina de Teatro e Pesquisa Parque Anilinas (Cubatão), ‘Homo condominus’, de Carranca Coletivo (Rio de Janeiro/RJ), ‘De volta ao luto I’, da Cia. Lorena (Cubatão), ‘Urbanus’, da Cia. Dons de Teatro Musical (São Vicente), ‘De volta ao luto II’ da Cia. Lorena (Cubatão) e ‘Dor de Corno’, da Dramatúrgica Oficina;
>> 20h | Teatro Coliseu | R$ 10 | Dança ‘…Tempo…’, do Studio Las Cia. de Dança.
Dia 30/jun (quinta-feira) – Homenagem a Nuno Leal Maia
>> 12h30 | Praça Mauá (Santos) | Gratuito | Mostra paralela: ‘Saudade’, da Cia PlastikOnírica (São Paulo);
>> 15h | Tescom | Gratuito | Curso livre de formação em artes cênicas;
>> 18h | Espaço Integrado de Arte | Gratuito | Roda da partilha da categoria adulto;
>> 20h | Teatro Guarany | 1 alimento enlatado em prol ao Gapa/BS | Mostra paralela: ‘Colibri, o Ator Cego’, com a Cia Que Mudou de Nome (São Paulo);
>> 20h30 | Teatro Braz Cubas | 1 alimento enlatado em prol ao Gapa/BS | Mostra paralela: ‘A Leitura – Uma Condessa, Uma Cigana e o Amolador de Facas’, do TEP/Unisanta.
Dia 1º/jul (sexta-feira) – Homenagem a Iracema Paula Ribeiro
>> 15h | Tescom | Gratuito | Curso livre de formação em artes cênicas;
>> 19h30 | Teatro Braz Cubas | Cerimônia de premiação do Fescete 20 anos, com show da Banda Mordida.
O Fescete 20 Anos é uma realização da Escola de Teatro Tescom, do Governo Federal via Ministério da Cultura, patrocínio da Secretaria de Portos via Porto de Santos, co-patrocínio Transbrasa, apoio da Lei de Incentivo à Cultura, Prefeitura de Santos, TV Tribuna e Sesc Santos. Apoio cultural: AG Branco, Anglo Santos, Associação dos Artistas, Contabilidade Abílio das Neves, DB Fotografia, Dino Filmes, Divina Fornada, Ecad, Elemídia, Engenharia Habilidade, Just Design, Kokimbos, Nutri Org, Red Balloon, Unisanta, Vista Mídia e Viva Vinhos. Informações: www.fescete.com.br
*Lincoln Spada

Fescete – 20 Anos realiza concurso de poesias para estudantes da Região

Fomentando os novos nomes da literatura regional, o Fescete 20 Anos – Festival de Cenas Teatrais abre inscrições para o seu tradicional 12º Concurso Estudantil de Poesia. Alunos de Ensino Fundamental até Ensino Superior podem inscrever virtualmente seus versos até o dia 21 de maio no site http://www.fescete.com.br.

Reunindo várias linguagens artísticas, o Fescete tem como objetivo neste concurso de propiciar aguçar nos estudantes da Baixada Santista o interesse pela poesia, além de promover o intercâmbio dos alunos e das escolas, e também de criar uma ponte da cultura e da educação juntamente com a escola e a família.

O regulamento já se encontra no site e os participantes poderão concorrer aos prêmios em cada categoria (Ensino Fundamental 1 e 2, Ensino Médio e Ensino Universitário). Entre poemas inéditos, uma comissão irá selecionar os premiados pelos critérios de originalidade, coesão e coerência, gramática, recursos estilísticos e linguagem poética.

Os três finalistas de cada categoria receberão certificados, e o vencedor de cada categoria ganhará o Troféu Iracema Paula Ribeiro, além de uma bolsa de estudos para o curso de arte cênica do Tescom. A entrega dos prêmios será no dia 1º de julho, durante o encerramento do festival.

Realizado pelo Tescom Promoções Artísticas e Culturais, o Fescete conta com o patrocínio do Ministério da Cultura via Lei de Incentivo à Cultura, Secretaria de Portos, Porto de Santos, co-patrocínio da Transbrasa e parceria da Prefeitura de Santos e TV Tribuna. Informações: http://www.fescete.com.br.

*Lincoln Spada

 

Pioneiro do gênero no País, o Fescete – 20 Anos abre inscrições

Com duas décadas de história, o Fescete – Festival de Cenas Teatrais de Santos abre as inscrições para grupos artísticos e escolares de todo o Brasil. Para participar desta iniciativa, que é a pioneira do gênero no país, os interessados poderão se inscrever virtualmente de 14 de março a 30 de abril nos siteswww.fescete.com.br e www.estudiotescom.com.br.

A edição contará com uma comissão artística que selecionará 66 cenas inscritas, nas categorias de teatro adulto (28 cenas), estudantil (18), mirim (10) e monólogo (10). Durante as apresentações, os júris técnico e popular premiarão as categorias com valores em dinheiro, troféus e menções honrosas.

Os números são notórios na trajetória do Fescete.  Ao longo destes 20 anos, cerca de 170 mil espectadores, mais de 1.500 apresentações artísticas com cenas e espetáculos em mostras competitivas e convidadas. Somente na última edição, foram mais de 100 ações artísticas. Durante seu histórico, gerações de artistas despontaram no evento.

Por essa razão, o Fescete relembrará a galeria dos homenageados nomeando Tanah Corrêa para Patrono da primeira década do Festival e Alexandre Borges, como Patrono da segunda década (ambos já homenageados em edições anteriores), representando as personalidades que já passaram pelo festival como Nuno Leal Maia, Jandira Martini, Ney Latorraca, Nelson Baskerville, Lolita Rodrigues, Oscar Magrini, Sérgio Mamberti, Neyde Veneziano, Serafim Gonzalez, Roberto Peres, Cleide Queiroz, Silvio Roupa, Osvaldo Araújo, Roberto Massoni, Fernando Pompeu, Greghi Filho e Iracema Paula Ribeiro.

Realizado pelo Tescom Promoções Artísticas e Culturais, o evento conta com o patrocínio do Ministério da Cultura via Lei de Incentivo à Cultura, Secretaria de Portos, Porto de Santos, co-patrocínio da Transbrasa e parceria da Prefeitura de Santos e TV Tribuna. Informações: www.fescete.com.br.

*Lincoln Spada