Arquivo da tag: agenda

Confira a agenda completa do Festival Praia Music em Bertioga

Por Prefeitura de Bertioga

Bertioga está preparada para a chegada do Ano Novo. Mais de 400 mil pessoas devem escolher a Cidade para a virada e, para recebê-los, a Prefeitura preparou queima de fogos sem estampidos de cerca de 15min, ao lado do Forte São João. Já para animar a multidão, que deve lotar a Praia da Enseada (Centro), haverá show da Banda Lança Perfume, com repertório eclético para agradar todos a partir das 22h do dia 31.

O show da virada fica por conta da empresa HJR Eventos, como contrapartida pela cessão de espaço para o Festival Praia Music, que reunirá grandes artistas em shows no Cantão do Indaiá, entre 27/dez e 26/jan. No local, estão programados os shows de: Zé Neto e Cristiano (27/dez), Maneva, 1 Kilo e Thiago Brava (28/dez), Naiara Azevedo e Nego do Borel (29/dez), Marília Mendonça (30/dez), Ferrugem (4/jan), Roupa Nova (5/jan), Alok e Open Farra (12/jan), Matheus e Kauan e Jetlag (19/jan), Inimigos da HP e Jerry Smith (25/jan) e Maiara e Maraísa (26/jan).

Os ingressos a partir de R$ 40 estão à venda no GuichêWeb (https://www.guicheweb.com.br/ingressos/9453) e também nos seguintes postos de venda: Pé Quente Calçados (Av. Anchieta, 2293, Centro), Barbearia Don Fernando (R. Rafael Costabile, 684), Point do Açaí (Av. 19 de Maio, 1050), Camisetaria (Av. Anchieta, 99, Lj. 8-9), Vai de Açaí (Av. Anchieta, 11.167). Em Guarujá e Santos, há ingressos nas lojas Proplastik (respectivamente na Av. Tiago Ferreira, 286, Vl. Alice e Av. Pedro Lessa, 2.259).

 

Neste feriado, dicas para público infantil em Santos

Por Secult Santos
.
‘Projeto Natureza em Arte’
.
Montada pela primeira vez em Santos em 1999, com alunos da antiga ONG Projeto Zonnarte, a peça ‘A história do Homem Baixinho que dava corda no relógio da Matriz’, com direção de Marcelo Duarte, celebra o Dia das Crianças. Tem elenco formado pelos alunos mirins e adolescentes das oficinas de teatro do Centro Cultural da Zona Noroeste.
.
A história se passa em uma cidade imaginária, em que o grande referencial é o relógio de sua única igreja. Só um homem simples e bom dá corda no relógio, mas ele fica doente e não pode, como em todas as manhãs, fazer a engrenagem funcionar. Aí começa toda a confusão.
.
A médica se atrasa, a loja não abre, o casamento não acontece, os doces não são feitos e o presente não chega à festa. Quinta-feira (12). 16h. Jardim Botânico Municipal Chico Mendes. Rua João Fracarolli, s/nº, Bom Retiro. Gratuito.
.
Projeto Santorias
.
O Projeto Santorias celebra o Dia das Crianças por meio da contação de histórias e músicas. A apresentação tem participação especial da contadora de histórias Camila Genaro. Domingo (15). 10h. Concha Acústica Vicente de Carvalho. Orla do Gonzaga, ao lado do Canal 3. Gratuito.
.
‘Brincar e Cantar’
.
O grupo musical, formado por Debora Paiva, Andréa Gonzaga, Karol Antunes, Leonardo Vilar e Gilson Koch, apresenta o show ‘Brincar e Cantar’. A apresentação convida as crianças a se divertir pelo universo da música. Traz canções como ‘Livre Estou’, ‘O Pato’, ‘O Leão’, ‘O Sapo’ e ‘A Canoa’, entre outras. Sábado (14). 17h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Gratuito. Informações no site http://pinacotecadesantos.org.br.
.
‘A Bela e A Fera’
.
A Academia Lorraine Macedonio de Artes reinterpreta o clássico infantil francês, originalmente escrito por Gabrielle-Suzanne Barbot, de 1740, em dança. Sexyta-feira (13). Sessões às 17h30 e 20h. Teatro Guarany. Praça dos Andradas, 100, Centro Histórico. A entrada custa R$ 25,00.

Confira a agenda cultural de Santos entre os dias 6 e 7

Por Secult Santos

Cine Arte Posto 4
O drama ‘A Passageira’ se passa na cidade Lima, no Peru, onde o motorista de táxi Magallanes (Damián Alcázar) vê sua rotina mudar quando Celina (Magaly Solier), uma mulher de seu passado sombrio, entra subitamente em seu carro. Os dois se conheceram nos anos em que ele servia exército peruano. Agora, em busca de redenção, o homem vai participar de um arriscado plano para ajudar Celina a superar seus graves problemas financeiros. Dirigido pelo peruano Salvador del Solar, o longa-metragem fica em cartaz de quinta-feira (4) ao próximo dia 10. Sessões às 16h, 18h30 e 21h. Cine Arte Posto 4. Orla do Gonzaga, próximo ao Canal 3. As entradas custam R$ 1,50 (meia) e R$ 3,00 (inteira). Classificação: 14 anos. Informações pelo tel. 3288-4009.

Cinemateca de Santos
A 1ª Mostra de Animação Japonesa exibe o drama ‘Jin-Roh: A Brigada Lobo’, que se passa em um Japão hipotético, ocupado pela Alemanha nazista, após a guerra. Grupos armados contra o governo lutam ferozmente por mudanças nas opressoras políticas sociais. Buscando evitar o uso das Forças Armadas, ainda em processo de reorganização, e tentando impedir uma ascensão exagerada do poder policial dentro da política, o governo resolve criar uma terceira organização, fortemente armada e extremamente versátil: a Organização Policial da Capital ou CAPO. Durante uma das revoltas contra o governo, Fuse Kazuki, membro das unidades especiais da CAPO, encontra uma Chapeuzinho Vermelho. A partir daí, tudo em que o policial acreditava e confiava vai mudar drasticamente. Sábado (6). 20h. Rua Ministro Xavier de Toledo, 42, Campo Grande. Gratuito. Informações pelo tel. 3251-1613. Classificação: 18 anos.

Cine BV
O projeto exibe a produção ‘Joseph and the Amazing Technicolor Dreamcoat’. O teatro musical de Andrew Lloyd Webber e Tim Rice se baseia na história bíblica do ‘manto de mil cores de José’. Sexta-feira (5). 15h30. Museu da Imagem e do Som de Santos (Miss). Piso térreo do Centro de Cultura Patrícia Galvão. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. Gratuito.

‘Luz’
Exaltando a técnica de iluminação nas telas, a artista plástica Renata Aguiar apresenta suas obras de traços fortes na exposição ‘Luz’. Galeria Nelson Penteado de Andrade. Piso térreo do prédio da Prodesan. A abertura ocorre na sexta-feira (5), às 19h. A mostra pode ser visitada até o dia 21, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. Praça dos Expedicionários, 10, Gonzaga. Gratuito.

‘Benedicto Calixto e os 125 anos do Porto’
A mostra compõe o projeto ‘Pinacoteca de Santos: Benedicto Calixto e os 125 anos do Porto’, que traz a arte como ponto de partida para pensar relações entre a paisagem e os artistas, o porto, a Cidade e suas representações. Aberta ao público até o dia 18 de junho, de terça-feira a domingo, das 9h às 18h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Gratuito. Informações pelo tel. 3288-2260.

A trajetória de Jesus de Nazaré
Com curadoria de Jorge Brandão, a mostra expõe obras do artista pernambucano Wandecok Cavalcanti, que utiliza o barro, de várias procedências e cores, para apresentar sua visão da trajetória de Jesus de Nazaré. As obras podem ser visitadas até o próximo dia 11, de terça-feira a domingo, das 10h às 17h. Museu de Arte Sacra de Santos. Rua Santa Joana D’arc, 795, Morro São Bento. A entrada custa R$ 5,00. Estudantes, idosos, professores e visitantes do Bonde Turísticos e da Linha ‘Conheça Santos’, com o bilhete, pagam meia-entrada.

‘Redes de Fé – Pesca e devoção na cultura’
Realizado por Iuri Castro e Fernanda Terra Stori, o projeto documental fotográfico tem o objetivo examinar a devoção a Bom Jesus de Iguape, cultuado tanto pelos pescadores da Ilha Diana quanto pelos pescadores de Iguape, registrando as representações desta fé na atividade de pesca artesanal e no cotidiano do povo caiçara. O projeto foi contemplado pelo Facult 2015, da Secretaria Municipal de Cultura de Santos. A exposição fica no Museu da Imagem e do Som de Santos (Miss) até o próximo dia 17. A visitação ocorre de segunda a sexta-feira, das 14h às 20h. O Miss fica no piso térreo do Centro de Cultura Patrícia Galvão (Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias). Gratuito.

Música Transformando Vidas
Regido pelo maestro Paulo Mauá, o projeto, voltado a deficientes visuais, que recebem aulas de música, grava DVD na apresentação deste sábado (6). 18h. Concha Acústica Vicente de Carvalho. Orla do Gonzaga, ao lado do Canal 3. Gratuito. Em caso de chuva, a apresentação é cancelada.

Piano ao Cair da Tarde
A pianista Glorinha Veloso retorna à Pinacoteca para trazer um repertório de músicas clássicas e lançar seu novo CD. Sábado (6). 17h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Gratuito.

Baile na Zona Noroeste
A atração da festa ao ar livre é a banda Magia Tropical. No repertório estão clássicos e hits atuais. Domingo (7). 19h. Em frente ao Centro Cultural da Zona Noroeste. Av. Afonso Schmidt, s/nº, no Areia Branca. Gratuito. Em caso de chuva, o evento é cancelado.

Baile na Praia
Com sucessos que marcaram época e músicas de vários estilos, Adriano Neves e Banda comandam o som na pista de dança ao ar livre. Domingo (7). 19h. Espaço Cultural Dan Nunes. Fonte do Sapo, orla do Aparecida. Gratuito. Em caso de chuva, o evento é cancelado.

‘Gala Especial – Amigos na Arte’
A companhia paulistana Especial Academia de Ballet (EAB) vem a Santos para realizar sessão única do espetáculo ‘Gala Especial – Amigos na Arte’, que terá a participação de escolas de balé da Baixada Santista. Traz obras de diversas linguagens da dança. Sexta-feira (5). 20h. Teatro Municipal Braz Cubas. 2º piso do Centro de Cultura Patrícia Galvão. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. Os ingressos custam R$40,00 e podem ser adquiridos na bilheteria do Municipal. Informações pelo telefone 3226-8000 ou no site http://www.especialacademia.com.br.

‘A Volta ao Mundo’
Dirigido por Eric Ratto e Ricardo Andrade, o espetáculo conta a história de dois amigos dão a volta ao mundo em um balão para conhecer a cultura de vários países. Passeando por cenários como República Dominicana, Colômbia, Cuba e Estados Unidos, a dupla descobre muita música e dança. Os ingressos antecipados custam R$ 20,00. Informações na página http://www.facebook.com/lambarua.capezio. Na bilheteria, no dia da sessão, os convites poderão ser comprados por R$ 25,00. Domingo (7). 19h. Teatro Municipal Braz Cubas. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias.

‘A.M.A.D.A.S.’
O espetáculo de humor coloca em discussão algumas das questões mais importantes sobre a condição da mulher moderna, com um texto que enfoca a via crucis de uma mulher que chega à meia-idade pressionada pelas demandas de uma sociedade cada vez mais fútil e superficial. Vivida por Elizabeth Savalla, a protagonista do monólogo expõe em uma reunião da A.M.A.D.A.S (Associação das Mulheres que Acordam Despencadas) suas inseguranças e angústias geradas pela impossibilidade de conservar o visual e o comportamento típicos da juventude a essa altura da vida. A peça tem sessões no sábado (6), às 21h, e no domingo (7), às 19h, no Teatro Coliseu (Rua Amador Bueno, 237, Centro Histórico). Os ingressos custam de R$ 35,00 a R$ 110,00 e podem ser comprados no site http://www.compreingressos.com, no quiosque CompreIngressos (3º do Miramar Shopping, no Gonzaga) e na bilheteria do Teatro Municipal Braz Cubas (Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias). Informações pelos telefones 4062-0016 ou 3226-8000.

Projeto Conchinha
A peça ‘Cuscuz Com Maçã’ mescla situações de improviso com números clássicos de “palhaçaria”. Passeio pela cultura nordestina, o espetáculo é costurado pelas técnicas de mímica e propõe jogos de interação com o público. Domingo (7). 10h30. Concha Acústica Vicente de Carvalho. Orla do Gonzaga, ao lado do Canal 3. Gratuito. Em caso de chuva, a apresentação é cancelada.

95 anos de Paulo Freire
A Pinacoteca recebe o lançamento do livro ‘95 Anos de Paulo Freire’, produzido pelo Núcleo de Ensino a Distância da Universidade Metropolitana de Santos (Unimes). Sábado (6). 14h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Gratuito.

‘Ajardinando a Poesia’
“Um filho florido de poesias e cores”, era assim que o escritor Marciano Vasques retratava o livro infantil, uma de suas últimas obras. O evento será uma singela homenagem à memória de Marciano, falecido no ano passado. A publicação traz ilustrações de Nice Lopes, que poderão ser conferidas em uma instalação interativa. A tarde terá também contação de histórias com Denise Machado. Sábado (6). 15h30 às 20h. La Casita. Rua Dr. Antônio Bento, 13, Vila Mathias. Gratuito.

Leia Santos
O programa de incentivo à leitura disponibilizará livros e HQ’s para adoção. Jardim Botânico Chico Mendes. Rua João Fracarolli, s/n°, Bom Retiro. Domingo (7). Das 9h às 13h. Gratuito.

Arte em Família
O programa, realizado mensalmente para envolver pais e crianças de 5 a 12 anos de idade, oferece contação de historia com Eliana Greco, além de visita monitorada a exposição e oficinas no casarão. Domingo (7). 15h30. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Gratuito.

Lume, Mercearia de Ideias e Sinfônica de Cubatão neste fim de semana no Sesc Santos

Por Sesc Santos

O Sesc Santos reúne vasta programação neste final de semana (dias 5 a 7), na Rua Conselheiro Ribas, 136.

Improvisação e composição: Com Luiz Bongiovanni

Esta oficina busca instrumentalizar os participantes com ferramentas teórico-práticas para que possam utilizar a improvisação, tanto para iniciar reflexões sobre coreografia, quanto colaborar em processos coreográficos. É uma oficina para iniciantes que tem como objetivo principal oferecer uma introdução a uma perspectiva específica do assunto e desmistificar o assunto para aqueles que pouco ou quase nada fizeram de improvisação.

A técnica referida se baseia em relações que podem ser imaginadas a partir de interações entre partes corporais e locações espaciais, e no duplo conceito de ferramenta-tarefa. As partes corporais podem ser indicadas como móveis e alguns pontos espaciais designados como fixos. A partir desta teorização uma série de tarefas são propostas. As tarefas são enunciados e/ou proposições que solicitam dos artistas resoluções práticas. Auditório. Grátis. 05/05. Sexta, das 16h às 18h30.

Dança: ‘Breve Compêndio para Pequenas Felicidades e Satisfações Diminutas’, com Núcleo Mercearia de Idéias

Qual é a felicidade, ainda que efêmera, que dá sentido à vida? A partir desta indagação, o grupo também estimulou indagações sobre os obstáculos que atravessam a vida. O espetáculo trabalha a individualidade de cada intérprete e sua própria relação com o tema. “Optamos por fazer uma reflexão que não parte do senso comum sobre a felicidade geral, associada, na maior parte do tempo, ao amor, à saúde, aos bens materiais, mas a um outro tipo de felicidade, aquela que cada pessoa descobre individualmente e nutre ao longo da vida”, diz Bongiovanni, autor da coreografia. “A pesquisa parte de vivências e experiências de cada artista, como cada um busca a felicidade e quais os entraves que encontra. A partir daí, elaboramos uma lista, um breve compêndio, que apresenta no âmbito cênico uma manifestação.”

O espetáculo também explora a ambiguidade que algumas situações podem apresentar. “É no binômio felicidade e obstáculos, que o espetáculo se desdobra. Trabalhamos, por exemplo, o tempo a partir da ideia de velocidade, da pressa, do tempo imaginado, do medo, do receio, da ansiedade, mas também das pequenas gentilezas, do tempo de cada um, do direito à fala de cada indivíduo, do acolhimento, do que cabe dentro de um abraço”, acrescenta o coreógrafo. Teatro. R$ 20,00. R$ 10,00 (uuu). R$ 6,00 (ttt). 05/05. Sexta, às 21h.

Do que são feitas as Danças? A construção de uma linguagem artística com crianças na escola

A dança é um componente curricular que precisa estar presente na escola, mas como é o processo de ensino e aprendizado da dança para as crianças no contexto escolar? A partir de um olhar da dança como linguagem artística, essa oficina pretende apresentar e experienciar os elementos próprios desta linguagem, bem como criar e oferecer estratégias que acionem a perspectiva lúdica do ensino da dança. Com Carolina Romano e Renata Fernandes (Foto: Bruna Quevedo) Inscrições pelo email: oficinas@santos.sescsp.org.br | ou no Dia da Atividade| Vagas Limitadas! Teatro. Grátis. 06/05. Sábado, das 10h às 13h.

Quem Dança na Escola? Com Odilon José Roble e Carolina Romano Andrade

A discussão atual sobre quem deve ensinar dança na escola e como fazê-lo expõe avanços, posições políticas, desejos e preconceitos. Por décadas reivindicamos uma maior atenção ao movimento no ambiente escolar mas hoje, frente ao estabelecimento de novas bases para o currículo, apressamo-nos em restringir os conteúdos em uma inconveniente aparência de reserva de mercado. O entendimento do que queremos ao propor o ensino da dança na escola nos coloca o desafio do diálogo e da construção de uma episteme efetiva sobre a educação do corpo, aproximando, ao menos, os educadores das Artes, da Educação Física e da Pedagogia.

Somando-se a esta perspectiva trazida por Odilon Roble, Carolina Romano apresentará aspectos históricos da inserção da dança no currículo do ensino formal no Brasil e um panorama atual da produção de conhecimento em dança na escola a fim de termos subsídios para projetar o futuro que desejamos. Foto: Bruna Quevedo Inscrições pelo email: oficinas@santos.sescsp.org.br | ou no Dia da Atividade| Vagas Limitadas. Teatro. Grátis. 06/05. Sábado, das 15h às 18h.

Literatura: ‘Maria Pamonha’

Conto de tradição oral da Venezuela, muito similar a famosa narrativa da Gata Borralheira, que conta a história de euma menina conhecida como Maria Pamonha que nunca era convidade para ir ao baile da cidade por não ser importante e por não ter um belo vestido. Foyer do Teatro (Foto:Divulgação). Livre. Grátis. 06/05. Sábado, das 17h30 às 18h30.

Teatro: Prisão para Liberdade, com Carlos Simioni

Demonstra o percurso de 30 anos das pesquisas do ator junto ao LUME, abordando o treinamento físico cotidiano, as técnicas do treinamento vocal do ator, o encontro com outros mestres de linhas de trabalho e sua assimilação e a passagem do treinamento para a elaboração de personagens e construção de cenas. Auditório. Grátis. 06/05. Sábado, das 19h às 20h.

Teatro: ‘A Bola e a Boneca’, da Cia Tugudum

Bolas coloridas, bonecas, danças e diversão. Esses são os ingredientes do espetáculo infantil de dança contemporânea A Bola e a Boneca. Trata-se de um espetáculo interativo de dança-teatro da Cia. Tugudum, concebido e dirigido por Valéria Franco, que utiliza diversos elementos do imaginário infantil, explorando ao máximo suas possibilidades de interação cênica. Os personagens relacionam-se entre si e com o público, passando por várias situações pertencentes ao cotidiano infantil, recriando o lúdico e o cômico através da linguagem corporal. A Bola e a Boneca têm no elenco Ana Marcia Nori, Valéria Franco e Renata Doria e na operação de luz e som, João Carlos Dalgalarrondo. Auditório. R$ 17,00. R$ 8,50 (uuu). R$ 5,00 (ttt). 07/05. Domingo, das 17h30 às 18h30.

Música: Sinfônica de Cubatão e Zanzalá

Atualmente regida pelo maestro Rodrigo Vitta, tem em sua formação cerca de 80 músicos, entre profissionais e/ou em fase de profissionalização, que se dedicam à difusão do repertório original para sopros e percussão, percorrendo os mais diferentes estilos musicais. Essa história de sucesso começa na década de 70, com o surgimento da Banda Musical “Afonso Schmidt”, numa iniciativa do maestro Roberto Farias, cuja trajetória ganhou o reconhecimento da municipalidade, culminando, anos depois, na oficialização como Banda Musical de Cubatão. Conquistou os mais importantes títulos em nível regional, estadual e nacional, tornando-se “hors-concours” em todas as competições de que havia participado, vitórias coroadas com uma bem sucedida turnê internacional pela Áustria e Portugal. Teatro. R$ 17,00. R$ 8,50 (uuu). Grátis (ttt). 07/05. Domingo, das 18h às 19h30.

Agenda cultural: Confira o que rola em Santos entre 20 e 30 de abril

Por Secult Santos

Cine Arte Posto 4
O drama ‘A Criada’, premiado no festival de Cannes, se passa na Coreia do Sul de 1930. Durante a ocupação japonesa, a jovem Sookee (Kim Tae-ri) é contratada para trabalhar para uma herdeira nipônica, Hideko (Kim Min-Hee), que leva uma vida isolada ao lado do tio autoritário. Só que Sookee e um vigarista, o Conde Fujiwara (Ha Jung-Woo), planejam dar um golpe na rica Hideko.

Fujiwara deseja se casar com a ricaça para, mais tarde, alegar que ela enlouqueceu, assumindo o controle de seus bens. Mas nasce uma grande atração entre Sookee e Hideko. O longa-metragem entra em cartaz na quinta (20) e pode ser conferido até a próxima quarta-feira (26). Sessões às 16h, 18h30 e 21h. Cine Arte Posto 4. Orla do Gonzaga, próximo ao Canal 3. As entradas custam R$ 1,50 (meia) e R$ 3,00 (inteira). Classificação: 18 anos. Informações: 3288-4009.

Cine Pagu
Com o objetivo de desenvolver o olhar cinematográfico sobre suas diversas vertentes e gêneros, o projeto Cine Pagu, desenvolvido pelos críticos de cinema Marcelo Pestana e Carlos Cirne, exibe a comédia ‘Sou ou Não Sou’. Dirigido por Alan Johnson e com elenco formado por atores como Mel Brooks, Anne Bancroft, José Ferrer e Christopher Lloyd, entre outros, o filme é uma sátira do clássico ‘Ser ou Não Ser’, de Ernst Lubitsch.

A história acompanha o astro dos palcos Frederick Bronski, que apresenta Pérolas de Hamlet enquanto sua esposa se diverte nos camarins com um jovem aviador. Tudo isso é interrompido quando a Alemanha invade a Polônia e a Trupe Teatral de Bronski tem que ajudar a Resistência Polonesa. Após a exibição, o público é convidado a participar da roda de conversa. Quinta-feira (20). 18h. Museu da Imagem e do Som de Santos (Miss). Centro de Cultura Patrícia Galvão. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. Gratuito.

Cinemateca de Santos
Prosseguindo com a 1ª Mostra de Animação Japonesa, o espaço exibe o filme ‘O Túmulo dos Vagalumes’. Baseado na história real de Akiyuki Nosaka, contada no livro ‘Hoturo no Haka’, o drama, dirigido por Isao Takahata, conta a trágica história dos dois irmãos Setsuko e Seita, que vivem no Japão em meio a Segunda Guerra Mundial. Após a morte da mãe em um bombardeio americano e a convocação do pai para a guerra, eles vão morar com alguns parentes. Insatisfeitos, saem da cidade e acabam num abrigo isolado na floresta, onde lutam contra a fome e doenças. Sábado (22). 20h. Cinemateca de Santos. Rua Ministro Xavier de Toledo, 42, Campo Grande. Gratuito. Informações pelo telefone 3251-1613. Classificação: 12 anos.

Cine Letras
O filme ‘Quanto Vale ou é Por Quilo’, livre adaptação do conto ‘Pai Contra Mãe’, de Machado de Assis, com direção de Sérgio Bianchi, integra mais uma edição do projeto Cine Letras, que tem como objetivo exibir produções cinematográficas que tracem um paralelo com a literatura. Após a sessão haverá bate-papo com o crítico de cinema Vinicius Carlos Vieira, do site CinemAqui. O drama, de 2005, faz uma analogia entre o antigo comércio de escravos e a atual exploração da miséria pelo marketing social. Com Hérson Capri, Caco Ciocler, Ana Lucia Torre e Lázaro Ramos no elenco. Dia 25. 18h30. Biblioteca de Artes Cândido Portinari. Av. Rangel Pestana, 150, Vila Mathias. Classificação: 14 anos. Gratuito. Realização: Secretaria Municipal de Cultura.

Diversidade In Cena
Desenvolvido pela Comissão Municipal da Diversidade Sexual em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura (Secult), o evento Diversidade In Cena, que utiliza a sétima arte para promover o diálogo sobre a diversidade sexual, exibe o filme ‘Pecado da Carne’. Coproduzido por Israel, Alemanha e França, o drama traz o confronto entre a religião e a sexualidade em um mundo ortodoxo. Aaron (Zoar Strauss) é um homem pacato, que divide seu tempo entre sua família, sua religião e o açougue que herdou do pai no bairro judeu de Jerusalém. Sua vida vira do avesso quando conhece Eri (Ran Danker), um jovem forasteiro, também religioso, que contrata como ajudante. Apesar das advertências da comunidade, Aaron encara o desejo carnal como um desafio. O conflito entre fé e sexualidade desperta a fúria da comunidade. Dia 26. 19h30. Museu da Imagem e do Som de Santos (Miss). Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. Gratuito.

Jardim das Delícias
Com obras inspiradas no filme ‘Amor Além da Vida’ e instalação que emite sons do cotidiano, a exposição individual do artista plástico multimídia Olegário Monteiro procura despertar sensações por meio de estímulos sensoriais. A mostra segue em cartaz até esta quinta-feira (20), das 10h às 18h. Espaço VIP da Galeria Braz Cubas. 2º piso do Centro de Cultura Patrícia Galvão. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. Gratuita.

Benedicto Calixto e os 125 anos do Porto
A mostra compõe o projeto ‘Pinacoteca de Santos: Benedicto Calixto e os 125 anos do Porto’, que traz a arte como ponto de partida para pensar relações entre a paisagem e os artistas, o porto, a Cidade e suas representações. Aberta ao público até o dia 18 de junho, de terça-feira a domingo, das 9h às 18h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Gratuito. Informações: tel. 3288-2260.

A trajetória de Jesus de Nazaré
Com curadoria de Jorge Brandão, a mostra expõe obras do artista pernambucano Wandecok Cavalcanti, que utiliza o barro, de várias procedências e cores, para apresentar sua visão da trajetória de Jesus de Nazaré. As obras podem ser visitadas até o dia 11 de maio, de terça-feira a domingo, das 10h às 17h. Museu de Arte Sacra de Santos. Rua Santa Joana D’arc, 795, Morro São Bento. A entrada custa R$ 5,00. Estudantes, idosos, professores e visitantes do Bonde Turísticos e da Linha ‘Conheça Santos’, com o bilhete, pagam meia-entrada.

Baile na Zona Noroeste
Mix Brazil Band é a atração da festa ao ar livre. A banda traz repertório com músicas que marcaram época e hits de todos os estilos musicais. Domingo (23). 19h. Em frente ao Centro Cultural da Zona Noroeste. Av. Afonso Schimdt, s/nº, Areia Branca. Gratuito. Em caso de chuva, a programação é cancelada.

Baile na Praia
A Banda Imagem & CIA comemora seu aniversário na pista de dança com vista para o mar. No repertório estão clássicos e sucessos atuais da música nacional e internacional. Domingo (23). 19h. Espaço Dan Nunes. Fonte do Sapo, na orla do Aparecida. Gratuito. Em caso de chuva, a programação é cancelada.

Concha Acústica 1
Recebe o som do duo Baixo e Voz. Formado por formado por Fábio Dubaixo (contrabaixo) e Nathália Assoon (voz), mostra pop e MPB. Sábado (22). 19h. Concha Acústica Vicente de Carvalho. Orla do Gonzaga, ao lado do Canal 3. Em caso de chuva, a programação é cancelada. Gratuito.

Concha Acústica 2
O Projeto Conchinha recebe performance musical com alunos da ONG Vidas Recicladas, sediada na Vila Mathias, em Santos. Domingo (23). 10h30. Concha Acústica Vicente de Carvalho. Orla do Gonzaga, ao lado do Canal 3. Em caso de chuva, a programação é cancelada. Gratuito.

OSMS recebe violinista italiano Domenico Nordio
Com a participação especial do violinista italiano Domenico Nordio, a Orquestra Sinfônica Municipal de Santos (OSMS), sob a regência do maestro Luís Gustavo Petri, apresenta as obras ‘Concerto para Violino’, de J. Brahms, e ‘Sinfonia nº 8’, de A. Dvorak. Dia 27, às 20h30, no Teatro Coliseu (Rua Amador Bueno, 237, Centro Histórico). A entrada para o concerto é franca. A retirada dos convites ocorre na bilheteria do Coliseu, nos próximos dias 24, 25 e 26, das 9h às 13h, e no dia 27, a partir das 17h. Mais informações pelo telefone 3226-8000.

Rio Santos Jazz Fest
A Cidade recebe o ‘4º Rio Santos Jazz Fest’, evento que celebra o Dia Internacional do Jazz, comemorado em 30 de abril, e a Semana Municipal do Jazz, celebrada entre os próximos dias 24 a 30 de abril (instituída pela lei municipal no 2.973). Toda a programação ocorre na Comedoria do Sesc-Santos (Rua Conselheiro Ribas, 136, Aparecida), Teatro Guarany (Praça dos Andradas, 100, Centro Histórico) e na Praça Central do Praiamar Shopping (Rua Alexandre Martins, 80, Aparecida). Traz artistas
como Arismar do Espírito Santo Trio com participação especial de Izzy Gordon e Jazz Walkers. Gratuito. Ocorre entre os próximos dias 28 e 30. Confira a programação completa no site http://www.riosantosjazzfest.com.br.

Classical Queen
Fundado em setembro de 2004, o grupo do brasileiro, reconhecido pelo site oficial do Queen, busca recriar musicalmente e visualmente todos os detalhes de um show da banda inglesa. Com mais de 11 anos de carreira e mais de 500 shows realizados, o Classical Queens traz na formação Antonio Lobato (vocais, piano e violão), Fernando Gamba (guitarra e backing vocals), Júlio Abrileri (baixo e backing vocals) e Anderson Macedo (bateria e backing vocals). Dia 29. 21h. Teatro Coliseu. Rua Amador Bueno, 237, Centro Histórico. Os ingressos custam de R$ 35,00 a R$ 90,00. Podem ser adquiridos por meio do site http://www.ingressonanet.com.

‘Mamma Mia’
A academia Engenharia da Dança apresenta o espetáculo ‘ Mamma Mia’, inspirado na obra do grupo ABBA. Sessões no sábado (22), às 20h, e no domingo (23), às 18h. Teatro Municipal Braz Cubas. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. Ingressos custam R$ 60,00 e podem ser comprados na bilheteria do teatro.

‘Alice no País das Maravilhas’
Inspirada no conto de Lewis Caroll e na clássica animação de Walt Disney, a montagem ‘Alice no País das Maravilhas’, da academia Contra Passo, apresenta alunos e professores em um encontro com as loucuras das questões lógicas, físicas, filosóficas e as controvérsias sobre ética por meio de números de dança em estilos como jazz, balé, sapateado, dança moderna e contemporânea. Dia 27. 20h. Teatro Municipal Braz Cubas. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. O ingresso antecipado custa R$ 15,00 e pode ser adquirido na sede da academia (Av. Gal Francisco Glicério, 301, Gonzaga). Antes do espetáculo, os convites custam R$ 30,00. Informações pelo telefone 3284-7793 ou no e-mail academiacontrapasso@gmail.com.

‘Adolescentes’
Escrita e dirigida por Luiz Thomas, a peça ‘Adolescentes’, do grupo Pessoal do Ainda, retrata o universo adolescente e aborda temas como aceitação, bulimia, popularidade, namoro, mentiras, violência doméstica e festas. O espetáculo acompanha um grupo de estudantes do ensino médio e suas vivências e descobertas dentro da escola. Sessões na sexta-feira (21), às 21h; no sábado (22), às 20h; e no domingo (23), às 19h. Teatro Guarany. Praça dos Andradas, 100, Centro Histórico. Os ingressos custam de R$ 10,00 a R$ 20,00. Podem ser comprados, uma hora antes do início das sessões, na bilheteria do teatro.

‘O Topo da Montanha’
Alusão ao último grande discurso de Martin Luther King Jr. (I’ve Been to the Mountaintop), o espetáculo ‘O Topo da Montanha’ se passa na Igreja de Mason, na cidade americana de Memphis, no dia 3 de abril de 1968, um dia antes do assassinato do líder do movimento civil negro norte-americano. A história acompanha o encontro entre Luther King, interpretado por Lázaro Ramos, e camareira Carrie Mae, encenada por Taís Araújo. Misteriosa e repleta de segredos, ela confronta o líder em clima de suspense e deboche. Sábado (22), às 21h, e domingo (23), às 18h. Teatro Coliseu (Rua Amador Bueno, 237, Centro Histórico). Os ingressos custam de R$ 40,00 a R$ 90,00. Podem ser adquiridos pelo site http://www.compreingressos.com, no quiosque Compre Ingressos (3o piso do Miramar Shopping, no Gonzaga) e na bilheteria do Teatro Municipal Braz Cubas (Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias). Informações: tels. 4062-0016 e 3226- 8000.

‘Bruta Flor’
Dirigido por Márcio Rosário, o espetáculo ‘Bruta Flor’, que comemora os 29 anos do Grupo de Apoio a Prevenção à Aids da Baixada Santista (Gapa), discute bissexualidade, homofobia e homossexualidade. Reflete sobre a liberdade da orientação de gênero e direitos com foco no relacionamento de dois homens, Lucas e Miguel. O elenco traz os atores Fabio Rhoden, Walkiria Ribeiro, Pedro Lemos e Erika Farias. A peça tem texto de Vitor de Oliveira, colaborador de teledramaturgias como ‘O Astro’ e ‘I Love Paraisópolis’, e de Carlos Fernando de Barros. A trilha é idealizada pela cantora Cida Moreira.

No final da apresentação haverá debate com o elenco, o diretor e os autores da peça. Dia 27. 20h30. Teatro Guarany. Praça dos Andradas, 100, Centro. Os ingressos custam R$ 40,00 e R$80,00. Com apoio da Secretaria Municipal de Cultura (Secult), o espetáculo terá parte da renda revertida ao Gapa. Podem ser adquiridos no site http://www.compreingressos.com, no quiosque Compre Ingressos (3º piso do Miramar Shopping, no Gonzaga) e, uma hora antes do início da sessão, na bilheteria do Guarany. Os convites ainda podem ser comprados antecipadamente por R$ 25,00 (mais a doação de 1Kg de alimento não perecível), na sede do Gapa (Rua Colômbia, 44, Boqueirão). Outras informações pelo telefone 3222-3109.

‘O Pancadão do Sem Dente – Pague para entrar e reze para sair’
O humorista Márvio Lúcio, o Carioca do programa ‘Pânico’, traz ao palco um de seus personagens de maior expressão, o Marcelo Sem Dente. Com sátira ao apresentador Marcelo Rezende, o humorista mostra ao público o lado proibido da televisão brasileira. Sexta-feira (28). 21h. Teatro Coliseu (Rua Amador Bueno, 237, Centro Histórico). Os ingressos custam de R$ 40,00 a R$ 80,00. Podem ser comprados no site http://www.compreingressos.com, no quiosque Compre Ingressos (3º piso do Miramar Shopping) e na bilheteria do Teatro Municipal Braz Cubas (Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias). Outras informações pelos telefones 4062-0016 e 3226-8000.

‘Cria Criou’
Em um espetáculo vencedor de melhor musical infantil de 2016 pelo conceituado Prêmio Jovem Brasileiro, a Companhia de Artes Cria Criou conta a história da criação do mundo por meio dos olhos de uma criança. A peça apresenta os desejos de um menino sonhador e aventureiro, que conhece um novo amigo: Emanuel, o Grande Maquinista. Dia 28, às 20h, e dia 29, às 16h e 18h30. Teatro Municipal Braz Cubas. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. Os convites para adultos custam R$ 20,00. Crianças com idades entre 6 a 11 anos pagam R$ 10.00 (preço promocional). Já as crianças de colo têm entrada gratuita. Os ingressos podem ser comprados na bilheteria do Municipal.

‘Emmanuel, a Luz de Chico Xavier’
Em uma conversa entre Chico Xavier e Emmanuel, conhecemos a trajetória de suas reencarnações, a conversa pessoal que teve com Jesus Cristo, suas provações, frustrações, realizações e, principalmente, seu trabalho junto ao médium Chico Xavier. O espetáculo, que faz uso simultâneo de três projetores, promove um mergulho em uma história que começa no velho Egito e se estende até a atualidade. Dia 30. 18h. Teatro Municipal Braz Cubas. Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias. Os ingressos custam de R$ 30,00 a R$ 60,00. Podem ser comprados no site http://www.compreingressos.com, no quiosque Compre Ingressos (3º piso do Miramar Shopping) e na bilheteria do Teatro Municipal. Informações pelos telefones 4062-0177 e 3226-8000.

Jambu
Contemplada pelo 5º Concurso de Apoio a Projetos Culturais Independentes no Município de Santos, a intervenção artística Jambu realiza edição na Lagoa da Saudade, no Morro Nova Cintra, no domingo (23), das 15h às 19h. O evento tem o som dos DJs Bakka, Cigano, Mascate e Nanne Bonny. A programação também traz apresentação dos alunos da oficina de circo da Vila do Teatro, além mostra de zines e instalações artísticas. Gratuito. Informações no site http://www.facebook.com/piratasdomaxixe.

Filhos da Tradição abrem a agenda do ‘Santos Arte e Cultura’; confira programação

Por Secult Santos

Começa nesta quinta-feira (5), na Concha Acústica Vicente de Carvalho (orla do Gonzaga, ao lado do Canal 3), a programação artística do projeto ‘Santos Arte e Cultura’, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Cultura (Secult). A atração, a partir das 19h, é a performance do grupo de música portuguesa Filhos da Tradição.

Fundada em 2003, em Santos, a banda tem como principal característica a diversidade de sons, misturando, por exemplo, o fado lusitano e o maracatu brasileiro em uma única canção. O repertório também inclui sucessos da nova geração de fadistas e clássicos do estilo.

Além da música, a agenda do ‘Santos Arte e Cultura’, que segue até o dia 28 de fevereiro, também traz performances, em vários pontos da Cidade, de dança, teatro, arte circense, literatura e contação de histórias, sempre privilegiando o trabalho de artistas locais. Toda a programação é gratuita. Em caso de chuva, os eventos são cancelados. Mais informações pelo tel. 3226-8000.

Confira as atrações das primeiras semanas

Concha Acústica Vicente de Carvalho (orla do Gonzaga) 
Dia 5 – 19h às 21h – grupo musical Filhos da Tradição
Dia 6 – 19h às 21h – espetáculo circense ‘Fontainebleau’, do Bella Cia.
Dia 7 – 19h às 21h – show musical de Anne Marie e Reles Relíquias
Dia 8 – 10h às 12h – espetáculo infantil ‘Branca de Neve’, da Cia. Arueiras
Dia 8 – 19h às 21h – show musical de Janaína Andrade
Dia 12 – 19h às 21h – espetáculo Cantoras do Rádio
Dia 13 – 19h às 21h – espetáculo ‘Aurora’, da Cia. Arueiras
Dia 14 – 19h às 21h – música com Bruno Thadeu
Dia 15 – 10h às 12h – espetáculo infantil ‘Om co tô? Quem co sô? Prom co vô?’, de Luciano Draetta
Dia 15 – 19h às 21h – música com Kin Stuque

Praça do Surfista (orla da Pompeia)
Dia 7 – 19h às 21h – música com Giovanna Razuk
Dia 14 – 19h às 21h – música com Débora Paiva

Pérgula do Boqueirão (Orla, em frente à Av. Cons. Nébias)
Dia 8 – 18h às 20h – música com Boy
Dia 15 – 18h às 20h – música com DJ Mamuth

Lagoa da Saudade (Morro Nova Cintra)
Dia 7 – 15h às 17h – música com o grupo Coisa de Pele
Dia 14 – 15h às 17h – música com o Grupo Família

Jardim Botânico (Rua João Fracarolli, s/nº)
Dia 7 – 16h às 18h – performance ‘Bombeiros em Risco’
Dia 8 – 19h às 22h – Baile com Athrios Band
Dia 14 – 16h às 18h – Contação de Histórias em Bonecos
Dia 15 – 19h às 22h – Baile com Banda Survive

Fonte do Sapo (orla da Aparecida)
Dia 7 – 19h às 21h – música de Kaká Basrkerville
Dia 8 – 19h às 22h – Baile com Oscar Guzella
Dia 14 – 19h às 21h – música com Carla Mariani
Dia 15 – 19h às 22h – Baile com Adriano Neves e Banda

Chorinho no Aquário (Praça Luiz La Scala)
Dia 7 – 19h às 21h – música com Jorge Maciel
Dia 14 – 19h às 21h – música com Osvaldinho do Cavaco

Parque Municipal Roberto Mário Santini (Emissário Submarino)
Sábados e domingos – 19h às 21h – aulas de zumba, axé e dança de salão com os professores Ricardo Andrade, Éric Ratto e Jimmy.

Chamamento: Agenda do 35º niver do Centro Cultural Cadeia Velha

Há exatos 35 anos, o #CentroCulturalCadeiaVelha era institucionalizado como espaço de artes integradas, sendo nomeado pela Secretaria de Estado da Cultura como “Casa da Cultura do Litoral” e “Delegacia Regional de Cultura”, precursora da atual Oficina Cultural Pagu, gestora do patrimônio. Mas esta celebração às avessas é uma crítica ao fim do prédio estadual como Centro Cultural Cadeia Velha, já que a partir deste final de semana, o prédio estadual será fechado à população por tempo indeterminado.

Reformado por quase cinco anos com custo de R$ 10 milhões, o equipamento foi reaberto em agosto e já contou com mais de 15 mil visitas, recebendo festivais, apresentações e atividades formativas desde sua reinauguração. Com a constante redução de verbas, o Governo Estadual mal anunciou em novembro que será rompido o convênio com unidades gestoras de todas as oficinas culturais do interior e litoral, incluindo a OC Pagu, mas sem dialogar com a comunidade artística como garantirá (além das oficinas culturais) as portas abertas, a Cadeia Velha como centro regional de artes integradas e uma gestão participativa com os artistas no uso do prédio.

Se o Governo Estadual não reafirma o seu compromisso de antigas audiências com a população, nós, artistas, ativistas e apoiadores, convocamos todos os coletivos e artistas interessados a elaborar uma agenda colaborativa e gratuita à comunidade entre os dias 16 e 17 de dezembro, no Centro Cultural Cadeia Velha. Solicitamos que enviem até quarta-feira (dia 14) um breve resumo da atividade, contatos (telefone, email, redes sociais) e preferências de dias e horários pelo inbox de: fb.com/centroculturalcadeiavelha.