Arquivo da tag: aula

Parque Anilinas contará com a nova edição da Domingueira

Informações do Galpão Cultural

Situado no Parque Anilinas, o Galpão Cultural por meio de seus coletivos artísticos promovem a nova edição gratuita da ‘Domingueira’ neste 13/jan, das 13h às 21h. O evento contará com bambuchada (interessados tragam suas próprias bexigas), torneio de futebol, banho de mangueira e de baldinho, aula de axé e de lamba aeróbica.

Ainda haverá espaço para escorrega de sabão, acústico de verão como os da MTV e até um espaço moderno para o ‘bronzeamento vai malandra’. A proposta do evento de lazer é justamente reviver situações praianas e da cultura pop, dos anos 90 até os dias atuais, em pleno parque como momento de entrosamento entre jovens.

A setlist contará com os DJs Alisse, Lípari, May & Raflitxx, Transeunte e Perrengues. “Tragam o cooler, o guarda-sol e as cangas”, anotam os produtores do evento. “Só não esquece o protetor solar, as boias infláveis e as toalhas para se secar, além de muita água para se hidratar”.

 

No Dia das Crianças, ‘Barbatuquices’ pela primeira vez em Santos

Por Sesc Santos

O grupo Barbatuques estará neste dia das crianças, 12 de outubro, às 17h30, no Sesc Santos (R. Cons. Ribas, 136), para apresentar Barbatuquices. No palco, seis dos músicos do grupo, mostram um formato diferenciado e interativo, onde a participação da plateia é um dos focos principais. A atividade é gratuita. Referência mundial em música corporal, ‘Barbatuquices’ é uma “aula-show” onde o público interage, aprende e toca com os integrantes, descobrindo seu corpo sonoro e vivenciando brincadeiras musicais por uma divertida e lúdica imersão na riqueza do nosso repertório popular brasileiro e das músicas do grupo.

Uma experiência musical abrangente e única, em que pais, filhos e toda a família são convidados e envolvidos a explorar a diversidade de timbres do corpo, como variações de palmas, estalos, sons produzidos pela boca e pés, assobios etc. “A plateia saberá que dispõe do mesmo instrumento que nós. É tudo feito com o corpo e o corpo está sempre pronto, é um instrumento muito simples”, afirma Fernando Barba, diretor musical e fundador do grupo.

O grupo selecionou um repertório que explora o potencial da música corporal, mostrando ainda como esta é acessível a todos. Músicas do disco Tum Pá, como “Que Som?”, “Hit Percussivo” e “Mãos à Obra e Pé na Tábua”, esta pela primeira vez apresentada no palco, além de hits que compõe o repertório geral do grupo, como “Barbapapa’s Groove”. Estão incluídas canções populares como “Samba Lelê” e “Peixinhos do Mar/Marinheiro Só” e também estreando no repertório, “O Samba da Minha Terra” (Dorival Caymmi), todas estas em arranjos feitos pelo grupo.

O nome Barbatuquices, escolhido por Barba, dá o tom do que será apresentado, uma grande brincadeira musical para aproximar o público, norteada pela linguagem criada pelo grupo. Assim, cenário e figurinos baseados em cores vivas acompanham esta ideia, pelo palco caixas iluminadas com LED. A iluminação está nas mãos de Miló Martins, que trabalha com o Barbatuques há dez anos. A música pulsa em nossos corpos de forma espontânea. Venha “barbatucar” com o Barbatuques e descobrir seu próprio corpo como instrumento musical.

Ficha Técnica – Barbatuquices
Músicos: André Hosoi, André Venegas, Charles Raszl, Fernando Barba, Flávia Maia, Giba Alves, Helô Ribeiro, João Simão, Luciana Cestari, Lu Horta, Mairah Rocha, Marcelo Pretto, Maurício Maas, Renato Epstein, Taís Balieiro. * Esta atração é realizada com seis integrantes. Direção musical do núcleo: Fernando Barba; Direção artística e concepção: Núcleo Barbatuques.

 

Marcinho Eiras promove masterclass gratuita no Palácio das Artes

O guitarrista Marcinho Eiras ministra uma masterclass gratuita no Teatro de Bolso Leni Morato. A aula acontece no dia 28 de junho, às 20 horas, e é aberta a todos os interessados, músicos ou não. Durante a aula, o guitarrista falará sobre técnicas de aprendizagem, posturas profissionais, uso de equipamentos, entre outros assuntos. Para participar, é necessário se inscrever no Palácio das Artes, de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas, munido de RG, ou na Fênix Music (Rua Pernambuco, nº 480, bairro Boqueirão). Menores de idade precisam ter a ficha assinada no local pelo responsável. As inscrições estão abertas e seguem até o preenchimento das 100 vagas disponíveis. Informações: 3496-5707.

Nascido na cidade de São Paulo, guitarrista autodidata, Marcinho Eiras desenvolve a técnica “Two Handed Tapping”, semelhante ao piano, podendo tocar com duas guitarras simultaneamente. Fez parte da Banda Domingão, que atua no programa Domingão do Faustão, da Rede Globo. Entre trabalhos, gravações e participações especiais, Marcinho já se apresentou com Dominguinhos, Bocato, Stanley Jordan, Todd Halawell, Toninho Horta e Fagner, entre outras artistas. É colunista da revista Guitar Class abordando o assunto Tapping.

Já se apresentou na Austrália, Costa Rica, Alemanha, Inglaterra, Áustria, Romênia, Grécia, Bélgica, Indonésia, Nova Zelândia e África do Sul. Participou da Musik Messe na Alemanha em 2000, 2003 e 2004, a maior feira de instrumentos musicais do mundo, sendo destaque em 2003. Excursionou pela europa em 2004, destacando o Soave Guitar Festival, na Itália. Em 2005 realizou uma turnê pela Grécia e Romênia destacando o Festival de Jazz de Bucaresti.

*Lorena Flosi

 

Inscrições abertas para oficinas gratuitas do 4º Santos Jazz Festival

O Santos Jazz Festival terá, de 18 a 21 de junho, 40 horas de música. Grande chance do público conferir, de perto, grandes nomes da música em cima do palco. Mas também será uma oportunidade especial para aqueles que pretendem aprender mais sobre instrumentação, criação musical e relação do músico com o público. Renomados artistas e profissionais ministrarão oficinas gratuitas ao longo do evento. Os interessados podem se inscrever pelo site http://www.santosjazzfestival.com.br.
Dia 19/06 (sexta)
14h às 17h – Oficinas Culturais Pagu
André Marques (multi-instrumentista) – “Improvisação na Música Brasileira”
Rua Espírito Santo, 17, Campo Grande – 3219-2036

Dia 20/06 (sábado)
10 às 12h – Escola Simonian de Música
Oficina “Integração Corpo & Voz” – com Adriana Bernardes
R. Álvaro Alvin, 80 – Embaré – 3236-6083

14 às 17h – Oficinas Culturais Pagu
Zérro Santos, Carlos Tomati & Cuca Teixeira
Tema “Improvisação e processo criativo do Jazz”
Rua Espírito Santo, 17, Campo Grande – 3219-2036

Dia 21/06 (Domingo)
Sede do Maracatu Quiloa (Centro) – 15H às 17h
Mestre Dalua – Tema “Percussão na MPB e na Cultura Popular”
Rua General Câmara, 99, Centro – 3323-2496

16h – Sesc Santos (Sala 1) – 16h
“Papo Jazz” com Zuza Homem de Mello
Temas: Centenário de Billie Holiday e A Influência do Jazz na MPB.
Rua Conselheiro Ribas, 136, Aparecida – 3278-9800

O 4º Santos Jazz Festival é viabilizado pela lei de incentivo do Ministério da Cultura, através do patrocínio do Porto de Santos, Sabesp e Transbrasa. Conta com apoios culturais da Prefeitura Municipal de Santos, Oficina Cultural Pagu, Governo do Estado de São Paulo, SescSantos e Enfoque Comunicação. É realizado pela DC Realizações em parceria com a GPA Cultural e apoio da Associação dos Artistas. A produção cultural é de Jamir Lopes.

*André Azenha