Arquivo da tag: banheiros

Com 1,2 mil m², nova Vila Criativa é inaugurada no Morro da Penha

Prefeitura de Santos

Os mais de 2 mil moradores do Morro da Penha vão poder usufruir de um moderno espaço para lazer e convivência voltado a diversas faixas etárias a partir de 2/fev. A inauguração será às 11h, em parceria com a DP World Santos. Trata-se do (Centro Turístico, Cultural e Esportivo) Vila Criativa – Unidade Penha ‘Roberto Marques da Silva’, na Rua Brigadeiro Newton Braga, 39, edifício com 1.250 m² e quatro pavimentos.

Na última semana foram instalados itens a mais na obra civil: brises, nos vãos da quadra localizada no terceiro pavimento. O equipamento vai servir de proteção instalada na fachada para proteger a quadra aberta da chuva e controlar a incidência de luz, garantindo conforto térmico.

“Os equipamentos de cozinha foram testados e todos os aparelhos de ar condicionado também. O elevador foi instalado e está funcionando corretamente”, diz o arquiteto Roger Guerra. As verificações foram feitas pela Secretaria de Infraestrutura e Edificações, gerenciadora da construção. O edifício, assim como todas as novas obras da Prefeitura, já conta com AVCB.

Estrutura

Na área coberta do térreo fica a sala de administração, secretaria, academia e brinquedoteca e banheiros (masculino, feminino e para portadores de necessidades especiais). Com mais de 500 m² de área externa livre, a mais nova Vila Criativa oferece espaços para convívio, playground e um bicicletário.

O primeiro piso abriga sala multiuso e de informática, e auditório com capacidade para 80 lugares. No segundo, duas salas multiuso e uma cozinha experimental equipada com pia, armários e balcão, além de refeitório, copa, depósito e despensa. O terceiro conta com quadra poliesportiva coberta para futsal, vôlei, basquete e handebol, com arquibancadas e vestiários.

 

Cadeia Velha: Audiência pública sobre uso será 28 de abril

A audiência pública da Cadeia Velha de Santos está marcada para o próximo dia 28, às 19 horas, na Câmara Municipal (Praça Tenente Mauro Baptista de Miranda). O encontro foi aprovado na sessão legislativa da última quinta-feira após requerimento do vereador Marcelo Del Bosco (PPS). A assessoria dele deve convidar representantes da classe artística, do atual gestor, o Governo Estadual, além da Prefeitura, que compartilhará o uso do equipamento.

Fechada desde 2012, a Cadeia Velha será reaberta provavelmente em janeiro de 2016, mês de aniversário da Cidade. O prédio centenário está com seu projeto de uso em discussão durante todo esse período, já que o programa estadual Oficinas Culturais transferiu sua sede noutras duas ocasiões, sem garantia de que voltará a frequentar o espaço.

> Confira a história da Cadeia Velha
> Público dos museus no Centro ainda é reduzido

01Uma outra proposta dada como certa em reuniões do Sistema Estadual de Museus de São Paulo era de que o espaço se transformaria em museu. Nos anos 70, o equipamento já se tornaria no Museu dos Andradas. Em 2013, a ideia do secretário estadual, o museólogo Marcelo Araújo, era de torná-lo o da Cidade de Santos. No ano passado, seria o da Baixada Santista.

Durante os últimos anos, outro projeto foi apresentado. O ex-secretário de Cultura de Santos, Raul Christiano, cogitava em transformar o local como plural, com biblioteca, Museu da Imagem e do Som, ocupação artística para ensaios, cafeteria e a itinerância do Museu da Língua Portuguesa. A proposta seria rediscutida neste ano.

Atualmente, tanto o Governo Estadual quanto a Prefeitura não afirmam mais como será utilizada a Cadeia Velha. Aliás, ambos acrescentam à imprensa que será em diálogo com a comunidade. A audiência pública será o primeiro passo.

Reforma

02O Governo Estadual investiu em março desse ano uma verba de R$ 7,5 milhões para obras de restauro realizadas pelas empresas Erbauen e Gepas. Com mais de 2 mil m² de área construída, o prédio terá: salas de produção de áudio e vídeo, auditório, memorial, recepção, administração, salão de exposições e banheiros.

As fachadas, esquadrias e pinturas ornamentais serão totalmente restauradas. O projeto inclui a adaptação de todas as áreas para receber pessoas com deficiência e a implantação de um elevador para acesso ao pavimento superior. A previsão é que o local seja reaberto em janeiro de 2016.

*Lincoln Spada