Arquivo da tag: circuito cultural paulista

Chamamento artístico do Governo de SP e APAA segue até fevereiro

Informações da APAA

A Secretaria da Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e a Associação Paulista dos Amigos da Arte (APAA) abrem inscrições de propostas artísticas até 28/fev mediante envio de formulário eletrônico pelo link: http://omelhordaculturasp.com/formulario-chamamento-2019

O formulário permite a inscrição de uma proposta do artista ou coletivo em todos os programas, projetos e equipamentos simultaneamente geridos pela associação. A entidade é gestora do Teatro Sérgio Cardoso e Teatro Estadual de Araras, também realiza o Litoral Encena, a Semana Guiomar Novaes e o Festival Paulista de Circo.

Entre as atividades mais conhecidas ministradas pela APAA, a Virada Cultural Paulista, que percorre mais de duas dezenas de municípios, e o Circuito Cultural Paulista, que abrange mais de uma centena de cidades com programação artística mensal em espaços públicos. As propostas serão avaliadas conforme a demanda anual, seguindo o cronograma de projetos, programas e equipamentos.

A APAA não se responsabiliza pelo não recebimento de inscrições por motivos de ordem técnica ou operacional, e o proponente será responsável por todas as informações prestadas. À medida em que for selecionado, o artista ou o coletivo serão contatados pela associação. A avaliação e a seleção dos projetos serão realizados por especialistas de cada área.

Com solo de humor, Paulo Vieira se apresenta pela primeira vez em Cubatão

Por Lincoln Spada
.
Vencedor do Prêmio Multishow de Humor e Grande Prêmio Risadaria de Humor Brasileiro, o tocantinense Paulo Vieira vem pela primeira vez a Cubatão apresentar o espetáculo “Juntei tudo pra te contar”. Com entrada franca, o stand up comedy será no dia 18 (sábado), às 20h, no Bloco Cultural (Praça dos Emancipadores, s/nº).
.
Atualmente no elenco do Programa do Porchat (TV Record), Paulo Vieira vem ao palco contar de modo divertido sobre a sua vida, a infância no interior, sua trajetória familiar e no teatro amador, entre outros temas. “Cada comediante tem uma visão de mundo, um óculos. No meu show, eu quero emprestar meu óculos pra plateia, fazer todos verem o mundo como eu vejo o mundo”, destaca.
.
Trata-se do show do projeto Risadaria que segue em itinerância pelo Circuito Cultural Paulista, programa realizado pela APAA – Associação Paulista Amigos da Arte e pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo com apoio da Prefeitura via Secretaria Municipal de Cultura. A retirada dos ingressos gratuitos se dará a partir do dia 8/11, de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h, na Casa 1 do Parque Novo Anilinas.

Circuito Cultural Paulista volta a PG com a atriz Mel Lisboa

Por Prefeitura de Praia Grande

O Circuito Cultural Paulista traz a Praia Grande mais um espetáculo brilhante para o público infantil. “Pescadora de Ilusão” será apresentado dia 20 de abril, às 15 horas, no Teatro Serafim Gonzalez. Inspirado na obra “A Mulher que matou os Peixes”, de Clarice Lispector, a peça, encenada pelas atrizes Mel Lisboa e Carol Badra, conta a história de Eu e Tu, duas amigas inseparáveis que decidem sair em defesa da escritora, que esqueceu de alimentar os peixinhos de seus filhos.

Para atingirem o objetivo, as duas amigas montam um espetáculo pedindo que os espectadores perdoem Clarice Lispector, a “Pescadora de Ilusão”. Com muita interatividade e diversão para a criançada, a peça remete a reflexões lúdicas sobre amizade, companheirismo e julgamentos indevidos. O espetáculo é gratuito e os ingressos devem ser retirados uma hora antes do início. O Teatro Serafim Gonzalez fica no Palácio das Artes, na Av. Pres. Costa e Silva, 1.600, Bairro Boqueirão.

Circuito Cultural Paulista

O projeto do Governo do Estado completa em 2017 dez anos de atuação, levando atrações culturais gratuitas e centenas de municípios do Estado, possibilitando acesso à cultura de qualidade em diversas linguagens como música, teatro, dança, circo, entre outros. Mais de 2 milhões já prestigiaram os espetáculos do Circuito Cultural Paulista no Estado. Praia Grande tem sido constantemente beneficiada com o projeto. Em março, o espetáculo de Rua Parangolé Graffiti foi apresentado no Espaço Alvorada, em uma montagem diferente e divertida.

 

Cadeia Velha: Governo de SP anuncia municipalizar espaços das oficinas culturais

Por Lincoln Spada | Foto: Sander Newton

Bem verdade que a Prefeitura de Santos ainda não foi notificada oficialmente sobre uma possível parceria para gerir o Centro Cultural Cadeia Velha. Assim, enquanto a Prefeitura não se posiciona sobre o caso, o Governo Estadual já oficializou aos veículos de comunicação sobre o destino das oficinas culturais do interior e litoral paulista, entre elas, a Oficina Cultural Pagu. A proposta é que os prédios sejam municipalizados em troca de atividades estaduais eventuais e itinerantes.

>> Prefeitura não pretendia municipalizar o prédio
>> Prédio estadual fechará dia 16 de dezembro

Neste dia 28, a Secretaria de Cultura do Estado anunciou à TV Santa Cecília: “O programa passa apenas por uma mudança administrativa, que tem justamente o objetivo de gerar economia de recursos sem prejudicar o atendimento à população. Em vez de gerido por uma Organização Social [Poiesis], o programa passará a ser realizado em espaços municipais e em convênio com as prefeituras, que conhecem melhor do que ninguém cultura e necessidades locais”.

A mesma nota foi publicada em jornais de Limeira, São José do Rio Preto, São Carlos e Araraquara. Já em Ribeirão Preto, a própria secretária de Cultura, Dulce Neves, aceitou a decisão do convênio. “Fui informada que as oficinas no estado de SP não serão fechadas e sim, haverá negociação para uma parceria entre Estado e Município, como convênio para que a Secretaria de Cultura faça a gestão da oficina cultural, a fim de garantir sua permanência, abrangência e democratização do acesso”. Também serão desativadas as sedes de Presidente Prudente, Marília, Sorocaba, São José dos Campos e Iguape.

Garantia de quatro meses

Fechada por quase cinco anos, a Cadeia Velha de Santos foi restaurada com verbas estaduais de R$ 10,6 milhões. Desde 2015, o Governo Estadual garantia que atenderia a demanda de audiências e campanhas públicas por um centro de artes integradas. Mas após reabrir o edifício em agosto, o governo anunciou o fechamento da oficina cultural e o rumo incerto do patrimônio nacional. Segundo estimativas, uma oficina cultural custa, em média, menos de R$ 1 milhão. Desde sua reabertura, o local recebeu cerca de 15 mil visitantes.

Único programa metropolizado

Hoje na Baixada Santista, o Governo Estadual centraliza investimentos em Santos: Virada Cultural Paulista, Tocando Santos e o Museu do Café. Cada vez mais reduzido, o Programa de Ação Cultural – ProAC contemplou coletivos de Santos, São Vicente, Cubatão e Guarujá. A itinerância artística do Circuito Cultural Paulista acontece em Bertioga, Cubatão, Itanhaém e Praia Grande. Já a gestora do Centro Cultural Cadeia Velha, a Oficina Cultural Pagu é o único programa estadual que realiza trimestralmente atividades nas nove cidades da Baixada Santista, além de ser a única ação estadual que alcança Mongaguá e Peruíbe.

 

Circuito Cultural Paulista apresenta show circense em Itanhaém

Por Prefeitura de Itanhaém

Mais uma programação do Circuito Cultural Paulista, do Governo Estadual, está confirmada para acontecer em Itanhaém. Trata-se do show circense ‘Disco Baby’, uma apresentação com mágicos, palhaços e malabaristas que se revezam no palco.

O evento está marcado para esta quinta-feira (10), às 13h30, no Centro Municipal Tecnológico de Educação, Cultura e Esportes (CMTECE), na Avenida Condessa de Vimieiros, 1.131, no Centro.

Disco Baby trará uma ‘balada’ para as famílias. Na apresentação, DJs e artistas de circo criam um ambiente perfeito para pais e filhos dançarem e brincarem, com atividades que promovem a interação entre o público infantil e adulto. A atração é dirigida por Claudia Assef e Tathiana Mancini.

O Circuito Cultural Paulista tem o objetivo de consolidar a difusão de apresentações no interior e litoral de São Paulo, por meio de uma agenda cultural diversificada e de alta qualidade artística, contado, atualmente, com mais de 100 municípios participantes, valorizando os teatros e centros culturais locais, além de espaços alternativos.

 

Espetáculo de mímica ‘Chuva de Risos’ é opção gratuita nesta quinta em PG

Por Lorena Flosi

Na próxima quinta-feira (10), às 16 horas, Praia Grande volta a receber mais uma atração do Circuito Cultural Paulista: ‘Chuva de Risos’, um espetáculo de música e teatro realizado pela Cia. Solar da Mímica, promete agradar crianças de todas as idades. Com direção de Vanderli Santos, o ator Alberto Gaus assina direção e interpretação da peça; O espetáculo acontece no Salão de Eventos do Palácio das Artes (Av. Pres. Costa e Silva, 1.600/Praia Grande), com entrada gratuita. Os ingressos começam a ser distribuídos às 15h30.

A peça, que tem duração de 60 minutos, conta a história de um personagem que resolve encarar a vida com outros olhos. Ao longo do espetáculo surgem vários guarda-chuvas que nos levam ao paraíso da imaginação: saindo do cotidiano, passando pela lua e terminando em alto mar. O que protege dos ventos e da chuva pode também ser um trem que nos leva a uma outra estação ou um barco que nos leva a um novo romance.

O que será melhor? Pegar um guarda-chuva e ficar em um canto morrendo de frio ou transformá-lo em uma espada e matar os dragões da vida? Como seria a vida se utilizássemos tudo o que nos rodeia de uma maneira que não fosse a corriqueira? A peça nos diz que talvez o prazer de viver o inusitado esteja escondido atrás do cotidiano, e este nosso personagem abre este guarda-chuva de infinitas possibilidades, chegando a uma relação bem humorada com o público – coadjuvante constante dessa comédia, cujo objetivo maior é mostrar o puro e simples prazer de viver a vida.

Circuito Cultural Paulista

Com a missão de ampliar o acesso à cultura de forma descentralizada, o projeto do governo do Estado promove espetáculos sediados em cidades parceiras, valorizando os teatros e centros culturais locais, além de espaços alternativos. A qualidade e a variedade dos espetáculos norteiam a programação do Circuito.

Entre música, dança, circo, teatro adulto e programação infantil, o público tem acesso ao melhor do que está sendo produzido nos palcos de São Paulo e do Brasil – de nomes consagrados a criações experimentais. Aos artistas, o Circuito dá a chance de visitar várias regiões e de encontrar um público diversificado, aberto ao novo e ao diálogo entre as linguagens artísticas. Por tudo isso, o Circuito Cultural Paulista é um dos mais importantes programas de difusão cultural e de formação de plateias dentre os mantidos pela Secretaria da Cultura.

 

Circuito Cultural Paulista leva ao Parque Anilinas espetáculo “Desconforto”

Por Prefeitura de Cubatão

A garotada vai curtir o espetáculo “Desconforto”, que será apresentado no dia 5 de novembro, às 16h, no Novo Anilinas (Av. Nove de Abril, 2.275, Centro). A apresentação encerra as atividades de 2016 do Circuito Cultural Paulista em Cubatão. Encenado por Kaye Conforto, ator e psicólogo, o espetáculo conta a história do palhaço Conforto, que apesar de ser muito atrapalhado, acredita ser um grande ilusionista e tenta convencer o público de que realmente consegue realizar um grande show.

Com truques que ora dão certo, ora nem tanto, o palhaço Conforto cria expectativas e arranca gargalhadas da plateia, por conta de seu fracasso. O público também participa do espetáculo, auxiliando na execução das mágicas, num cenário que remete ao circo tradicional e que tem números clássicos, como tirar o coelho da cartola, o circo de pulgas e o aparecimento de uma pomba.

Promovido pela Secretaria da Cultura do Governo do Estado, o Circuito Cultural Paulista conta com apoio da Secretaria Municipal de Cultura. Este ano, 110 municípios estão recebendo o Circuito, que visa a consolidar a difusão de espetáculos no interior e litoral paulista, por meio de programação rica em diversidade e qualidade artística nos segmentos de música, teatro, dança, circo e variedades.