Arquivo da tag: concha acústica

Neste feriado, dicas para público infantil em Santos

Por Secult Santos
.
‘Projeto Natureza em Arte’
.
Montada pela primeira vez em Santos em 1999, com alunos da antiga ONG Projeto Zonnarte, a peça ‘A história do Homem Baixinho que dava corda no relógio da Matriz’, com direção de Marcelo Duarte, celebra o Dia das Crianças. Tem elenco formado pelos alunos mirins e adolescentes das oficinas de teatro do Centro Cultural da Zona Noroeste.
.
A história se passa em uma cidade imaginária, em que o grande referencial é o relógio de sua única igreja. Só um homem simples e bom dá corda no relógio, mas ele fica doente e não pode, como em todas as manhãs, fazer a engrenagem funcionar. Aí começa toda a confusão.
.
A médica se atrasa, a loja não abre, o casamento não acontece, os doces não são feitos e o presente não chega à festa. Quinta-feira (12). 16h. Jardim Botânico Municipal Chico Mendes. Rua João Fracarolli, s/nº, Bom Retiro. Gratuito.
.
Projeto Santorias
.
O Projeto Santorias celebra o Dia das Crianças por meio da contação de histórias e músicas. A apresentação tem participação especial da contadora de histórias Camila Genaro. Domingo (15). 10h. Concha Acústica Vicente de Carvalho. Orla do Gonzaga, ao lado do Canal 3. Gratuito.
.
‘Brincar e Cantar’
.
O grupo musical, formado por Debora Paiva, Andréa Gonzaga, Karol Antunes, Leonardo Vilar e Gilson Koch, apresenta o show ‘Brincar e Cantar’. A apresentação convida as crianças a se divertir pelo universo da música. Traz canções como ‘Livre Estou’, ‘O Pato’, ‘O Leão’, ‘O Sapo’ e ‘A Canoa’, entre outras. Sábado (14). 17h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Gratuito. Informações no site http://pinacotecadesantos.org.br.
.
‘A Bela e A Fera’
.
A Academia Lorraine Macedonio de Artes reinterpreta o clássico infantil francês, originalmente escrito por Gabrielle-Suzanne Barbot, de 1740, em dança. Sexyta-feira (13). Sessões às 17h30 e 20h. Teatro Guarany. Praça dos Andradas, 100, Centro Histórico. A entrada custa R$ 25,00.

Concha Acústica recebe show de MPB e contação de histórias

Por Secult Santos

A Concha Acústica Vicente de Carvalho, equipamento da Secretaria Municipal de Cultura (Secult) localizado na orla do Gonzaga, ao lado do Canal 3, recebe neste sábado (8), a partir das 19h, o show ‘Bossa Sempre Nova’, do cantor Marcelo França. Na performance, Marcelo estará acompanhado de Mano Ritto (teclado) e Plínio Romero (percussão), interpretando clássicos da MPB.

No domingo (9), a partir das 10h30, o Projeto Conchinha traz performance do ator Alexandre Camilo, que convida as crianças para um passeio pelo mundo dos contos. Toda a programação é gratuita. Em caso de chuva, os eventos são cancelados.

 

Leia Santos distribui livros e gibis na Ponta da Praia

Por Secult Santos

Projeto da Secretaria Municipal de Cultura (Secult), o ‘Leia Santos – Um Incentivo à Leitura’ marca presença na Praça Luiz La Scala, na Ponta da Praia, neste domingo (29), das 10h às 14h. As ações ‘Adote um Livro’ e ‘Adote um Gibi’ oferecem obras literárias e revistas para o público retirar gratuitamente. Outra iniciativa disponível é o Baú das Letrinhas, com a distribuição de literatura infantil.

No próximo mês, as atividades do projeto têm início no dia 4, das 10h às 14h, em frente à Concha Acústica Vicente de Carvalho, localizada no Gonzaga, ao lado do Canal 3. Já no dia 12, no mesmo horário, o reboque literário faz parada na Fonte do Sapo, no bairro Aparecida.

A agenda deste verão encerra no dia 18 de fevereiro, quando o projeto de incentivo à leitura marca presença na Praça do Surfista, no bairro Pompeia, das 14h às 18h. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3226-8000.

‘Santos Arte e Cultura’ traz atrações a partir desta quinta; confira agenda

Por Secult Santos

A programação do projeto ‘Santos Arte e Cultura Verão 2017’ traz inúmeras atrações gratuitas. Nesta semana, a agenda tem início nesta quinta-feira (19), às 19h, com o show musical do Cigano Petrovich.

Já na sexta-feira (20), na Praça Mauá, às 12h, o destaque é o projeto Komboio Cultural, que traz show da banda Quizumba Latina, que mistura jazz, batuque, salsa e o mambo, entre outros estilos, em seu som. O grupo terá participação especial da cantora Lua Marina na performance.

A programação de verão na Cidade ocorre até o dia 28 de fevereiro. Em caso de chuva, as atrações são canceladas. Mais informações no site http://www.santos.sp.gov.br.

>> 19/jan | 19h | Concha Acústica | Show musical do Cigano Petrovich;
>> 20/jan | 12h | Praça Mauá | Komboio Cultural: show da Quizumba Latina e Lua Marina;
>> 20/jan | 19h | Concha Acústica | Teatro ‘Eu, migo e meu umbigo’, da Cia Arueiras do Brasil;
>> 21/jan | 16h | Jardim Botânico | Baile de fantasias da Criançada;
>> 21/jan | 19h | Praça Luiz La Scala | Show de Nadja Soares;
>> 21/jan | 19h | Fonte do Sapo | Show da banda Elektra;
>> 21h | 19h | Praça do Surfista | Show de Zinho e Banda;
>> 21/jan | 19h | Concha Acústica | Show do Musical Opus;
>> 21/jan | 19h | Emissário Submarino | Aulas de dança com Éric Ratto, Ricardo Andrade e Jimmy Faria;
>> 22/jan | 10h | Concha Acústica | Teatro ‘Chapeuzinho Vermelho e o Caderninho Mágico’, da Cia Quem Sabe faz a Hora;
>> 22/jan | 19h | Concha Acústica | Show de Tete e Banda;
>> 22/jan | 19h | Pérgola do Boqueirão | Show do Trio Nova Cintra;
>> 22/jan | 19h | Emissário Submarino | Aulas de dança com Éric Ratto, Ricardo Andrade e Jimmy Faria;
>> 22/jan | 19h | Jardim Botânico | Show de Daniel Prates;
>> 22/jan | 19h | Fonte do Sapo | Show da Feel Good.

 

Espaço Cultural Eduardo Furkini será inaugurado nessa quinta em Pedro de Toledo

Por André Azenha

Nessa quinta-feira, 8 de dezembro (em horário a ser confirmado), será inaugurado o Espaço Cultural Eduardo Furkini em Pedro de Toledo. O decreto de lei 1.472, de 14 de outubro desse ano, assinado pelo prefeito Sergio Yasushi Miyashiro, possibilitou que a antiga Concha Acústica da cidade fosse completamente restaurada e receba também a arte do do artista plástico Leandro Shesko. A Associação Eduardo Furkini, via Ação do Coração, desde 2013, tem destinado doações às entidades do Vale do Ribeira.

Foram encaminhadas toneladas de alimentos e milhares de roupas e brinquedos graças às doações do povo santista. “Essa lei é um reconhecimento com o trabalho dos voluntários e da Associação, o que muito nos honra. Com o coração cheio de gratidão a Associação Eduardo Furkini e seus voluntários recebem um presente sem igual”, afirma o presidente da entidade, Alexandre Camilo.

A Associação

Como uma maneira de preservar a memória de José Eduardo Gonçalves, em artes – Eduardo Furkini, seu irmão Alexandre Camilo criou a Associação Eduardo Furkini-AEF que foi fundada em 02 de setembro de 2011, 30 (trinta) dias após a morte de Eduardo Furkini. É uma sociedade civil sem fins lucrativos. O objetivo social da AEF é atender jovens a partir dos 18 anos por meio de concessão de bolsas de estudos prioritariamente para a formação em profissões ligadas a saúde, turismo, idiomas, contadores de histórias, artes e esportes.

Além da Ação do Coração, a Associação realiza outros projetos, colaborando no desenvolvimento Cultural de Jovens da região. Em poucos anos a AEF já possibilitou a concessão de bolsas na área da cultura. Foram concedidas dezenas de bolsas para o curso de contadores de história e de incentivo à música. Desse trabalho inicial surgiram os projetos: Semeando Histórias e Quarteto de Cordas Eduardo Furkini e Ação do Coração.

 

Agenda: Santos tem neste fim de semana MPB4, Folclore Português, cinema e mais

Por Prefeitura de Santos

MPB4 50 anos: o sonho, a vida, a roda viva
Comemorando 50 anos de carreira, o quarteto de vozes masculinas MPB4, que faz parte da memória sonora nacional, realiza apresentação repleta de sucessos. No palco, Miltinho, Aquiles, Dalmo Medeiros e Paulo Malaguti interpretam canções como ‘Roda Viva’, ‘Oração ao Tempo’ e ‘Almanaque’, ‘Amigo é pra essas Coisas’. A sessão é nesta sexta-feira, 21h30, no Coliseu (R. Amador Bueno, 237, Centro). Ingressos de R$ 40 a R$ 120.

Concha Acústica
No sábado, às 19h, o Duo Baixo e Voz, formado por Fábio Dubaixo (contrabaixo) e Nathália Assoon (voz), mostra pop e MPB em sua performance, que inclui hits de Marina Lima, Sandra de Sá, Marisa Monte e do grupo Maroon Five, entre outros famosos. A apresentação tem participação de Michel Seirafe na percussão.

0Já no domingo, às 19h, liderada pela cantora santista Giovanna Mari, a banda Via Mari apresenta repertório com sucessos do universo pop, que inclui hits de artistas nacionais e internacionais como Amy Whinehouse, Projota, Justin Timberlake, Kesha, Maria Rita, Anitta, Elis Regina, Rita Lee, Maria Gadú e Ana Carolina.

Pinacoteca
O oftalmologista Dr. Eduardo Paulino realiza homenagem aos 20 anos do Clube do Automóvel Antigo de Santos nesta sexta-feira, às 20 horas. No concerto, interpreta composições autorais em arranjos exclusivos para piano, na Pinacoteca Benedicto Calixto (Av. Bartolomeu de Gusmão, 15). Entrada franca.

Já no sábado, acontece contação de histórias. Às 15h30, há as oficinas de arte e brincadeiras oferecidas pelos educadores do museu. E às 17h, o duo ‘Cantadores da História’ resgata a cultura popular por meio de lendas, contos, cantigas, rimas e da música. A dupla é formada por Cantorita, personagem de Claudynha Torres, e Tonho, interpretado por André Nunes. Sábado (8). 17h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Gratuito.

Camerata no Orquidário
A Camerata Jovem Santista se apresenta no Orquidário Municipal neste sábado (8), às 15h. O concerto comemora a Semana das Crianças e traz em seu programa temas de animes e trilhas de desenhos e filmes de grande sucesso entre os jovens. A Camerata é formada por alunos das turmas avançadas dos cursos de violino e viola, com direção de Rômulo Moreira, oferecidos pelo programa Fábrica Cultural (Secult). O Orquidário fica na Praça Washington.

Procurados
0A Cia. Fator Dança de Rua comemora 20 anos com a apresentação de dois espetáculos. Unindo a força dos movimentos das danças urbanas ao cenário do velho oeste, a trama utiliza de trilha sonora intensa, projeções e figurinos para colocar as danças urbanas na telona. O público também pode conferir a apresentação do pocket show ‘O Último Ato’, que faz homenagem ao cantor Michael Jackson, ao reinterpretar coreografias e músicas que seriam apresentadas no show ‘This is it’. Sexta-feira (7). 21h. Teatro Braz Cubas (Av. Pinheiro Machado, 48). Os ingressos custam R$ 20,00. À venda na bilheteria do Teatro.

1º Festival Folclore Português
Toda a riqueza do folclore português será celebrada na 1ª edição do ‘Fest – Festival de Folclore’. Realizado pelo Rancho Folclórico – Veteranos Apaixonados pelo Folclore, o evento também traz apresentações dos ranchos Verde Gaio, Tricanas de Coimbra, Casa de Portugal de Praia Grande, Típico Madeirense e Camiños de Espanha, além dos paulistanos da Casa de Brunhosinho. Sábado (8). 20h. Teatro Braz Cubas (Av. Pinheiro Machado, 48). Os ingressos custam R$ 10,00 e podem ser adquiridos na bilheteria.

Cine Arte Posto 4
Dirigido, roteirizado e protagonizado por Thomas Salvador, o longa-metragem ‘Tudo Sobre Vincent’ conta a história de um super-herói diferente. A comédia francesa acompanha Vincent, um homem calmo e solitário, que tem um grande segredo: sua força fica dez vezes maior quando ele entra em contato com a água, por isso vive numa região cercada de lagos e rios.

Quase sem amigos, trabalha em construções, onde eventualmente sua força é útil. Tudo muda quando ele conhece Lucie e se apaixona. O elenco também traz os atores Vimala Pons e Youssef Hajdi, entre outros. Cine Arte Posto 4, orla do Gonzaga. Sessões às 16h, 18h30 e 21h. Em cartaz até o dia 12 de outubro. Custa de R$ 1,50 (meia) a R$ 3,00.

Musicais no Miss
O Museu da Imagem e do Som de Santos (Miss, Av. Pinheiro Machado, 48, Santos) e o Coral Cênico Broadway Voices dão sequência ao projeto ‘Dos Palcos para as Telas’. O filme da vez é a comédia musical ‘Can-Can’, que narra a história de uma dona de cafeteria que dribla a Lei dos Bons Costumes, que proíbe o cancan, e continua dançando graças a seu advogado. Mas a prática, que entretém seus clientes, pode ficar ameaçada quando um juiz decide acabar com a transgressão. Sexta-feira, às 15h30.

Cinemateca de Santos
A sala de exibição celebra um ano do projeto ‘Sessão Comodoro’ e exibe um dos filmes mais polêmicos de todos os tempos, o italiano ‘Holocausto Canibal’. Dirigida por Ruggero Deodato, a produção de terror conta a história de quatro documentaristas que entram na selva para filmar indígenas. Dois meses mais tarde, quando o grupo não retorna, o famoso antropólogo Harold Monroe viaja em uma missão de resgate para encontrá-los. Ele consegue recuperar as latas de filme perdidas, que revelam o destino dos cineastas. Sábado (8). 20h. Cinemateca de Santos (R. Xavier de Toledo, 42).

Metropolis
Sexta-feira é o último dia para conferir a mostra fotográfica ‘Metropolis’, de Marcus Laranjeira, no MISS (Av. Pinheiro Machado, 48, Santos). A exposição itinerante, que integra a série ‘Nova Fotografia’, do Museu da Imagem e do Som (SP), é um tributo ao filme homônimo de Fritz Lang. As imagens do artista propõem uma nova interpretação da cidade de São Paulo, a partir da sobreposição de conhecidas construções e projetos urbanísticos, criando imagens caóticas e densas.

Exposição na biblioteca Mário Faria
Artista plástica, galerista, professora de artes e curadora Marie Sanoki se especializou em artes na cidade japonesa de Hiroshima. Neste ano, ganhou medalha de ouro no concurso realizado pelo Forte Itaipú, e traz alguns de seus trabalhos, que abordam temas variados, à Biblioteca Municipal Mário Faria. Posto 6, orla do Aparecida. A mostra pode ser visitada até o dia 15 de outubro.

Calado do Cais
0O projeto do artista Maurício Adinolfi, que consiste em uma instalação artística na orla do Gonzaga, tem como eixo central dois barcos de madeira da cultura caiçara. As embarcações são retrabalhadas pelo artista e instaladas (semienterradas) ao lado da Praça das Bandeiras. Pode ser conferida até o dia 16 de outubro.

Raridades de um bonde
Com aproximadamente 30 peças raras dos primeiros bondes que circularam pela Cidade, a mostra ‘Raridades de um Bonde’ é um passeio pela história do transporte coletivo em Santos, que fez a viagem inaugural em 28 de abril de 1909. A Casa do Trem Bélico fica na Rua Tiro Onze, 11, Santos.

 

Cinema na Concha Acústica recebe filmes sobre ilhas de SP e do Rio dia 7

Ao se tornar novamente um cinema a céu aberto, a Concha Acústica de Santos terá a exibição de dois filmes sobre ilhas da costa de São Paulo e do Rio de Janeiro. O equipamento público, localizado na orla do Canal 3, receberá uma sessão audiovisual ambiental que estimula a preservação da vida marinha na sexta-feira (7), às 19 horas.

Trata-se do 3º CineMantas – Cinema a céu aberto do Projeto Mantas do Brasil, que é patrocinado pela Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), administradora do Porto de Santos. A entrada é gratuita e a classificação livre para todas as idades.

Será exibido o documentário “Alcatrazes”, sobre o arquipélago localizado no Litoral Norte de São Paulo e que se tornou recentemente um Refúgio da Vida Silvestre (REVIS). Haverá, também, a projeção do filme “Ilhas Cagarras – Monumento Carioca”, sobre a primeira unidade de conservação do Rio de Janeiro, localizado na Praia de Ipanema.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Projeto Mantas do Brasil, idealizador do CineMantas, é pioneiro na América Latina. Os pesquisadores e cientistas atuam em toda a costa brasileira estudando a raia manta gigante (Manta birostris), que pode atingir 8 metros de envergadura e pesar 2 toneladas. O animal corre o risco de extinção e ocorre na Laje de Santos, 42 quilômetros da costa.

Após a exibição do filme, haverá um bate-papo com os pesquisadores do Projeto: o objetivo é discutir sobre a preservação do ambiente marinho e o desenvolvimento sustentável. Além disso, a equipe também vai compartilhar informações inéditas a respeito da temporada 2016 de raias mantas no litoral brasileiro.

O evento é gratuito, aberto ao público e não possui restrição etária. A organização pede que os interessados cheguem com 15 minutos de antecedência, uma vez que os lugares no equipamento são limitados. A realização CineMantas fica condicionada às condições climáticas favoráveis para o evento.

Primeiras sessões

No último ano, a Concha Acústica recebeu os dois primeiros CineMantas. O equipamento teve lotação máxima. Foram apresentados os filmes produzidos pelos projetos Albatroz e Pescador Amigo e pelo Instituto Laje Viva (ILV). Todas as iniciativas visam à conservação da vida no mar, por meio de ações de pesquisa, estudo, conscientização e educação ambiental em todo o País.

*José Claudio Pimentel