Arquivo da tag: curso

Itanhaém tem vagas para curso gratuito de Comédia Stand Up

Prefeitura de Itanhaém

Diversão e aprendizado. Essas são as características do curso básico de comédia Stand Up que está com inscrições abertas na Biblioteca Municipal Poeta Paulo Bomfim (R. Cunha Moreira, 71, Centro/Itanhaém). São 40 vagas disponíveis para pessoas com idade a partir dos 16 anos que devem se inscrever até a próxima terça-feira (12/fev), das 8h às 17h.

Redação de texto humorístico, técnicas de apresentação, construção de repertório para shows, técnicas de comédia e outras habilidades fazem parte do conteúdo. O curso é gratuito e tem duração de oito aulas, que acontecerão às quartas-feiras, iniciando em 13/fev, às 18h, na Biblioteca Municipal.

Ministrado pelo Clube de Comédia da Baixada Santista, as atividades pretendem introduzir os participantes a técnicas, performance e conhecimentos básicos sobre o Stand Up, sem a necessidade de o interessado ter experiência na área.

 

Curso promove laboratório de desenvolvimento de projetos para 8º Facult

Por Madeleine Alves

Muitos têm ideias para trabalhos culturais. Contudo, ao se deparar com um edital em suas letras frias, desanimam de tentar concorrer a um incentivo público. Foi para desmistificar essa sensação e trazer mais bons projetos à vida que surgiu o Curso ‘Facult: do Edital ao Envio’. Ministrado pela realizadora audiovisual e produtora cultural Madeleine Alves, com produção da Amanda Marx Produções, este laboratório visa ensinar ao participante como transformar uma ideia em um Projeto Cultural, com o intuito especifico de participar da seleção do 8º Concurso de Apoio a Projetos Culturais Independentes no Município de Santos que serão premiados pelo Fundo de Assistência à Cultura – FACULT.

Serão 4 (quatro) dias, cada um com 3 horas/aula por dia, em um total de 12 horas/aula, todas realizadas de forma prática e presencial. Nas aulas, os participantes vão estudar o regulamento do 8º FACULT, a fim de que entendam todas as etapas de desenvolvimento do projeto, desde a organização dos documentos necessários até a formatação, aprendendo a elaborar textos que demonstrem os objetivos do projeto, contrapartida, cronograma, planilha orçamentária, entre outros elementos que possam fornecer condições de realizar sua elaboração completa, finalizando com a inscrição.

Durante o curso, teremos também a palestra ‘Experiências na realização de projetos culturais’, com o diretor teatral Platão Capurro Filho, que irá relatar suas experiências na elaboração de projetos, realizados com as mais diversas formas de incentivos. O 8º FACULT é uma ótima oportunidade para profissionais de qualquer segmento artístico que tenham alguma ideia que gostariam de executar e estejam iniciando sua participação em projetos culturais, pois exige uma elaboração mais simples do que as existentes em outros projetos, tais como ProAC e Lei Rouanet.

Vale lembrar que a próxima edição do Facult selecionará 30 projetos e cada projeto selecionado receberá o valor de R$ 15 mil, conforme regulamento. O curso em si será ministrado de 18 a 21/mar, das 19h30 às 22h30, no Espaço Naradeva (R. Siqueira Campos, 618/Santos). O investimento até 22/fev será R$ 100 à vista ou R$ 60 em 2x no cheque ou em até 18x no cartão de crédito, sem incluir juros da operadora. A partir do dia 23/fev, o curso terá o valor de R$ 120 à vista, R$ 70 em 2x no cheque ou ema té 18x no cartão de crédito, sem incluir juros de operadora. Informações: (13) 98151-4979 ou projetofacult2019@gmail.com.

 

Conheça a cidade de Santos por meio do curso Rota Literária

Por Alessandro Atanes

Conhecer a cidade de Santos por meio do que escreveram poetas, autoras e autores é o objetivo do curso Rota Literária – Conheça Santos por meio da Literatura, que será realizado em três módulos na Associação Cultural José Martí da Baixada Santista (Rua Joaquim Távora, 217/Santos) pelo jornalista e mestre em História Social Alessandro Atanes. O primeiro módulo, com o tema A cidade e o porto, acontece em fevereiro, aos sábados (dias 2, 9, 16 e 23), das 17h às 18h30. O valor do curso é R$ 80, com a opção de R$ 25 por aula.

Entre as obras estudadas, estão poemas e romances de nomes como Jorge Luis Borges, Elizabeth Bishop, Pablo Neruda, Mario Vargas Llosa, Oswald de Andrade, Jorge Amado, Rui Ribeiro Couto e Roldão Mendes Rosa, além de contemporâneos como Madô Martins, Flávio Viegas Amoreira, Ademir Demarchi, Lídia Maria de Melo e Alberto Martins, entre outros. O objetivo é mostrar como as obras literárias, mais do que ilustrar os fatos reais, são elas mesmas fontes para a pesquisa histórica e a compreensão da sociedade.

Atanes é mestre em História Social pela Universidade de São Paulo com a dissertação História e Literatura no porto de Santos: o romance de identidade portuária “Navios Iluminados” (2008), em que explora esse romance de 1937, de Ranulpho Prata, como um documento histórico e como ele se relaciona com textos de outros autoras e autores sobre o porto de Santos.

Suas pesquisas levaram à publicação do livro Esquinas do Mundo: Ensaios sobre História e Literatura a partir do Porto de Santos (Facult/Dobra Universitário, 2013), no qual ampliou sua pesquisa. Possui especialização em História e Historiografia e graduação em Comunicação Social pela Universidade Católica de Santos (1995). Mantém na própria José Martí o SUR -Clube de Leitura de Literatura Latino-americana, que realiza encontros quinzenais.

Programação do primeiro módulo do Rota Literária, ‘A Cidade e o Porto’:

> 1ª Aula – ‘As histórias que os portos contam’
Funções narrativas dos portos: fronteira, local de partida, promessa de aventura; o conto Emma Zunz, de Jorge Luis Borges, e os portos como locais perigosos; Uma esquina do mundo, Santos como nó das relações internacionais: a passagem do cônsul Richard Burton na cidade no conto O Aleph, de Borges; seu substituto no consulado, Roger Casement, no romance O Sonho do Celta, de Mario Vargas Llosa; e o contrabando de armas no romance Trópico enamorado, de Augusto Céspedes.

> 2ª Aula – ‘O ciclo da literatura portuária’
O porto de Santos em uma série de obras literárias publicados ao longo dos últimos 80 anos, um verdadeiro painel fictício que tem início com a publicação em 1937 do romance Navios Iluminados, de Ranulfo Prata, pela editora José Olympio, até sua mais recente reedição em 2015 pela Edusp, passando por Cais de Santos (1939), de Alberto Leal, Agonia na noite (1956), de Jorge Amado, Querô: uma reportagem maldita (1976), de Plínio Marcos, Os viralatas da madrugada (1980) e Barcelona Brasileira (2003),
ambos de Adelto Gonçalves, e Lívia e o cemitério africano (2013), de Alberto Martins.

> 3ª Aula – ‘Os poemas de chegada’
A perspectiva de poetas que chegaram à cidade pelo mar: Contrabando, de Oswald de Andrade, que fecha o livro Pau Brasil (1925); Chegada a Santos (1924), de Blaise Cendrars, que veio visitar os modernistas brasileiros, em uma tradução de Patrícia Galvão; Chegada em Santos (1951), de Elizabeth Bishop, e Santos revisitado (1927-1967) (1967), de Pablo Neruda.

> 4ª Aula – ‘E aqueles que ficam, narram o quê?’
O porto da nostalgia: a memória da imigração e o cais dos adeuses: Santos (1933), de Rui Ribeiro Couto, Porto (s/d), de Roldão Mendes Rosa, e Cais (1959), de Narciso de Andrade; o porto da desolação nos poemas contemporâneos de Madô Martins, Alberto Martins, Flávio Viegas Amoreira e Ademir Demarchi; poesia em Estado de
Exceção nos poemas de Lídia Maria de Melo sobre o navio-presídio Raul Soares.

 

Comemorando 22 anos, Teatro do Kaos abre curso gratuito de artes cênicas

Informações do Teatro do Kaos

Completando a trajetória de 22 anos, o Teatro do Kaos comemora com a população cubatense ao abrir inscrições já a partir do dia 14/jan para 100 vagas gratuitas de seu tradicional curso de teatro. Divididos em turmas, os alunos até o final do ano desenvolverão cinco obras cênicas em uma mostra cultural para toda a comunidade.

De acordo com o diretor teatral, Lourimar Vieira, “É uma maneira também de colaborar com a produção artística na cidade. As apresentações se multiplicam e, no total teremos 30 apresentações gratuitas em escolas e para a comunidade em geral”. O projeto também visa proporcionar aos jovens o pensamento crítico acerca do meio ao qual estão inseridos, tornando-os cidadãos mais conscientes de seus direitos e deveres, além de desenvolver habilidades inerentes ao fazer teatral, como desinibição, criatividade e o gosto pela leitura.

Essas ações formativas fazem parte do projeto Superação III, iniciativa do Teatro do Kaos, patrocinado pela Petrocoque por meio da Lei Rouanet. Interessados devem ser maiores de 12 anos e comparecer entre segunda a sexta-feira, das 16h às 19h, na sede do teatro (Praça Joaquim Montenegro, 34, Sítio Cafezal). É preciso levar original e cópia do RG, CPF e comprovante de residência. Menores de 18 anos devem estar acompanhados por um responsável. Informações: (13) 3372-7211.

 

Do circo ao marketing cultural, ações formativas ocorrem no Galpão em Cubatão

Por Lincoln Spada

Situado no coração do Parque Anilinas, o Galpão Cultural recebe novas atividades formativas nesta semana com entrada franca. Na próxima terça-feira (dia 14), às 20 horas, tem início uma roda semanal de conversa sobre marketing e projetos culturais.

Como as ferramentas de marketing podem ajudar a desenvolver bons projetos? É a partir dessa questão que a atriz do Coletivo 302 e profissional do marketing, Allana Santos, ministrará tal partilha de experiências com os interessados. As inscrições podem ser feitas por e-mail (coletivo302@gmail.com) ou Facebook (fb.com/coletivo302).

Por outro lado, os artistas cubatenses Luana Albeniz, Joseval Lira e Yuri Trindade passam a mediar oficinas de circo. As artes acrobáticas compõem as aulas semanais que começam neste domingo (dia 19), das 14 às 16 horas, no mesmo espaço. Mais informações: fb.com/galpaoculturalcubatao.

 

Curso Livre de Escrita Literária abre inscrições em Santos

Por Secult Santos
.
Ligado ao Departamento de Formação e Pesquisa Cultural (Deforpec), da Secretaria Municipal de Cultural (Secult), o Núcleo de Incentivo à Palavra abre entre os dias 6 e 13 de novembro, inscrições para a turma de 2018 do Curso Livre de Escrita Literária da Baixada Santista, que tem duração de 2 anos. A atividade será ministrada na Biblioteca de Artes Cândido Portinari, localizada no Centro de Atividades Integradas (Cais) Milton Teixeira (Av. Rangel Pestana, 150, Vila Mathias).
.
Para concorrer a uma das 30 vagas oferecidas (20 regulares e 10 para alunos ouvintes), o candidato precisa participar de processo seletivo. Para tanto é solicitada a entrega de dois textos (impressos e digitados): uma carta de intenção e um texto literário autoral em prosa, conto, trecho de romance ou crônica. Ambos devem ter no máximo uma página e obedecer os seguintes parâmetros: fonte Times New Roman tamanho 12, espaçamento de linhas de 1,5cm e margens de 2,5cm. O não cumprimento das normas implica em desclassificação.
.
O material deve ser entregue para análise na Biblioteca Cândido Portinari, de segunda a sexta-feira, das 13h às 18h, entre os próximos dias 6 e 13. A inscrição na seletiva pode ser feita pessoalmente ou por intermediário, que ficará responsável pela entrega do material.
 .
Haverá plantão de dúvidas sobre o curso e as inscrições durante o 7º Encontro de Criadores, que ocorre na Casa da Frontaria Azulejada (Rua Comércio, 92, Centro Histórico), no dia 10. O atendimento é simultâneo à mesa ‘Literatura e Criatividade no Século 21’, realizada das 20h30 às 22h.
.
Seleção de alunos
.
O material encaminhado pelos candidatos será avaliado por banca examinadora composta por equipe multidisciplinar, incluindo especialistas em literatura, filosofia, produção cultural e psicologia. Os pré-selecionados serão convocados para entrevistas individuais, que acontecerão entre os próximos dias 21 a 24, na Cândido Portinari, em horário a combinar. A convocação para entrevista ocorrerá por e-mail, até o dia 20 de novembro.
.
A lista dos aprovados será divulgada até o dia 29 de novembro, no site da Prefeitura de Santos (www.santos.sp.gov.br) e no portal www.santoscidadecriativa.com.br. O programa do curso começa já este ano, com atividades de integração de 30 de novembro a 2 de dezembro. É necessária a participação do aluno em pelo menos 50% das atividades para a conclusão.  Veja mais na página www.facebook.com/nipsantos.

Estação das Artes abre inscrições para cursos e workshops nesta semana em Cubatão

Por Lincoln Spada
.
Em sua programação trimestral, a Secretaria de Cultura de Cubatão conta com novidades na Estação das Artes, principal espaço de formação artística. Estão abertas as vagas gratuitas para os cursos livres de iniciação às Artes Plásticas, em turmas às quartas e quintas-feiras, das 14 às 16 horas e às quintas-feiras, das 9 às 11 horas. O público alvo é quem tem de 7 a 10 anos.
.
Por sua vez, o equipamento municipal também abre inscrições nesta semana para o workshop de Pintura Contemporânea, que terá início no próximo dia 24 e segue até 12 de dezembro, sempre às terças-feiras, das 19 às 22 horas. Ainda, workshop Flower Crafts (flores gigantes em papel), durante o mesmo período, às terças-feiras, das 14 às 16 horas, e de Quilling (arte em papel), entre os dias 23 de outubro e 11 de dezembro, às segundas-feiras, das 14 às 16 horas.
.
Ao todo, mais de 300 alunos participaram das turmas de cursos livres ofertados pela Estação das Artes este ano. Mantido pela Prefeitura via Secult, o espaço público está situado na Avenida 9 de Abril, 1208, funcionando em horário comercial de segunda a sexta-feira. Outras informações pelo telefone (13) 3361-4656 ou pelas redes sociais (fb.com/cubatao.estacao).