Arquivo da tag: encenacao da paixao de cristo

Com Mamberti, Encenação da Paixão de Cristo de Cubatão alcança Jubileu de Ouro

Por Lincoln Spada | Foto: Thaty Santana

A trajetória do homem mais importante da História do Ocidente será rememorada no Jubileu de Ouro da mais antiga encenação em atividade na Baixada Santista. Trata-se da 50ª Encenação da Paixão de Cristo de Cubatão, prevista para 19/abr, às 19h, em sessão gratuita para toda a comunidade no CSU – Parque do Trabalhador (R. Salgado Filho, 249, Jd. Costa e Silva).

Quem partilhará dos holofotes com a centena de membros da comunidade será o ator santista Sérgio Mamberti, que interpretará pela primeira vez o Rei Herodes. O artista já se encantou com a montagem, ao acompanhá-lo enquanto plateia no ano anterior: “O espetáculo carrega uma força dos atores e da comunidade, o elenco tem uma presença de palco incrível. Todos estão de parabéns por esse evento”.

A direção do espetáculo será assinada por Cibelle Piacentini. A 50ª Encenação da Paixão de Cristo é uma realização da Associação Cultural Incena Brasil junto do Governo Federal via Ministério da Cidadania, com patrocínio através da Lei de Incentivo à Cultura pelo Grupo EcoRodovias pelo terceiro ano consecutivo e apoio do Instituto Embelleze e da Prefeitura Municipal de Cubatão. As artes gráficas desta edição são da artista plástica Nice Lopes.

Histórico

Criada em 1969, teve sua primeira edição realizada por um grupo de jovens ligados à Matriz. Estavam atentos em movimentar a cena artística local com a produção de um espetáculo que mobilizasse grande número de artistas e espectadores. Logo ganhou destaque, tornando-se em um evento na avenida principal. Em anos recentes, a encenação ocorre no CSU.

 

Marcos Frota e Carol Nakamura se juntam ao elenco da 37ª Encenação de SV

Prefeitura de São Vicente

Para o elenco principal da 37ª Encenação da Fundação da Vila de São Vicente, já estão confirmados como nomes de celebridades no elenco Marcos Frota, Fernanda Pontes e Carol Nakamura. Respectivamente interpretarão a Loucura, Anna Pimentel e a Índia Bartira. A temporada será de 18 a 22/jan, às 20h30, na Praia do Gonzaguinha.

Aos 62, Frota interpretará um personagem atemporal que conduz o espetáculo sobre a história da fundação da cidade. De Guaxupé (MG), desde criança Frota sonhava em atuar e também é dono de um circo. O primeiro papel foi na extinta TV Tupi, e, na Globo, destacou-se em ‘Escrava Isaura’, ‘Vereda Tropical’, ‘América’, ‘O Clone’, ‘Vamp’ e ‘Sassaricando’.

Uma das personagens mais marcantes na carreira do ator foi na segunda versão de ‘Mulheres de Areia’, em 1993, onde deu vida a Tonho da Lua. Paralelamente à atuação em novelas, há mais de 20 anos ele é dono de um circo e se apresenta como trapezista.

Por sua vez, Fernanda Pontes é apresentadora do programa Planeta Brasil, gravado nos EUA. Também apresentou a extinta TV Globinho, e, em sua carreira, atuou em ‘Gabriela’, ‘As Cariocas’ e ‘Flor do Caribe’. No atual programa, Fernanda conta casos de brasileiros que fazem a diferença no exterior. Nos EUA, também se prepara para inaugurar o ‘IF you’, instituto que ofertará ouvidoria e assistência a imigrantes brasileiros.

Já Carol Nakamura iniciou sua trajetória no Balé Clássico, adentrando no corpo de bailarinas do Domingão do Faustão (TV Globo). No dominical, foi convidada por Fausto Silva para entrevistas a plateia, onde permaneceu até 2016 como assistente de palco e apresentadora do ‘Giro Domingão’. Desde 2012, iniciou a carreira de atriz, e já participou da novela ‘Sol Nascente’ e, em encenações ao ar livre, interpretou Maria na Paixão de Cristo.

Encenação

A 37ª Encenação da Fundação da Vila de São Vicente marca os 487 anos de fundação da Célula Mater. A promessa é de mais um grande espetáculo, com mais de 1.000 componentes, contando com grande elenco, equipe técnica especializada e mais de 700 artistas voluntários, das comunidades vicentinas, que estão sendo minuciosamente preparados para brilhar e encantar em cena. A direção geral do espetáculo está a cargo das premiadas coreógrafas Geyssa Alencar e Sabrina Olímpio e do ator e diretor de Teatro Lucas Magalhães.

 

Praia Grande recebe 18º Encontro de Dirigentes Culturais Paulista nesta quinta-feira  

No próximo dia 23 de abril, Praia Grande vai receber profissionais de 23 Municípios da região para o 18º Encontro de Dirigentes Culturais Paulista. Prefeitos, diretores de gestão cultural e secretários vão discutir o tema “cultura” e as atividades que fomentam e divulgam a arte. O encontro tem início às 13 horas no Complexo Cultural Palácio das Artes.  Neste ano, o encontro foi desmembrado por regiões do Estado, facilitando assim a comunicação e o estudo dos temas específicos.

“Cada região do Estado tem uma peculiaridade e uma forma de lidar com a cultura. A decisão de se dividir o encontro por regiões foi bem acertada, fazendo com que a discussão seja realmente voltada ao público da Baixada Santista, Litoral Sul e Norte”, afirma a chefe da seção de Ação Cultural da Secretaria de Cultura e Turismo de Praia Grande, Lourdes Marzoleck.

O objetivo da Secretaria de Cultura do Estado é firmar um trabalho conjunto, em parceria com os Municípios, levando arte e cultura à população de forma ampla. A integração entre os gestores culturais visa uma troca de experiências necessária para a implementação de políticas culturais nas Cidades.

01Um exemplo da parceria Estado e Município, especificamente Praia Grande, se dá através de projetos como o Mapa Cultural Paulista, que está com inscrições abertas para a fase regional, a Virada Cultural, espetáculos como a Ópera Curta, que será apresentada em maio em Praia Grande, e as atividades da Oficina Pagu, que frequentemente oferecem oficinas no Palácio das Artes.

Para o secretário de Cultura e Turismo de Praia Grande, Esmeraldo Vicente dos Santos, o Dinho, a escolha da Cidade para receber o encontro é uma forma de reconhecimento de todas as ações culturais e turísticas que o Município vem desenvolvendo. “Temos trabalhado para difundir as atividades culturais em Praia Grande, desde peças de teatro gratuitas, shows musicais, exposições renomadas, além de eventos que fazem parte do calendário da Cidade, como a Feira de Artesanato e a Encenação da Paixão de Cristo. A escolha, para mim, é um reconhecimento desse trabalho que vem sendo realizado”.

Dinho enfatiza a qualidade das apresentações de teatro e musicais que vêm sendo realizadas no Complexo Cultural Palácio das Artes. “Todos os finais de semana temos peças de teatro, muitas com entrada gratuita. Além disso, temos a Galeria Nilton Zanotti e o Museu da Cidade, com qualidade reconhecida no país. Em Praia Grande, não faltam opções culturais de qualidade e queremos cada vez mais incentivar e fomentar tudo isso”.

*Prefeitura de Praia Grande