Arquivo da tag: flauta

3º Festival Bravo! abre inscrições para musicistas até dia 20

Por Prefeitura de Santos

A 3ª edição do Bravo! – Festival de Música Orquestral de Santos ocorre de 11 a 17/fev de 2019. O evento está com inscrições abertas entre os próximos dias 14 a 20/jan, para 60
bolsas destinadas a musicistas com idades entre 14 e 28 anos.

Todas as atividades do festival são gratuitas e realizadas pela Secretaria Municipal de Cultura (Secult). Os interessados devem enviar uma cópia do currículo e um vídeo executando uma peça de escolha própria para o e-mail bravofestivalsantos@gmail.com.

Podem participar instrumentistas que toquem clarinete, flauta, fagote, oboé, trompete, trompa, trombone, tuba, percussão, violino, viola, violoncelo e contrabaixo, que participarão de masterclasses com músicos renomados e se apresentarão em concerto realizado por Orquestra Acadêmica.

 

Orquestra Jovem da Pompeia faz sessão gratuita nesta quinta

Informações da Orquestra Jovem

Nesta quinta-feira (20/dez), a Orquestra Jovem da Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Pompeia realiza apresentação gratuita às 20h. O projeto é coordenado por Dalva Menezes e tem regência de Mario Tirolli. A igreja está situada na Praça Benedito Calixto/Santos.

Existente há 9 anos, a orquestra visa levar crianças e jovens de 7 a 18 anos para a experiência da música clássica, com aulas de violino, violoncelo, sax, trompete, piano e flauta transversal. A iniciativa surgiu de um bate-papo entre Dalva e um empresário local, e é mantida com colaborações de paroquianos por meio de carnês disponíveis na secretaria paroquial.

As aulas são semanais e oferecidas gratuitamente para dezenas de participantes. Interessados em inscrições ou colaborar com o projeto, a secretaria paroquial atende pelo telefone: (13) 3251-7191.

 

ETMD Ivanildo realiza Semana da Música entre os dias 19 e 27

Por Lincoln Spada

Recital, workshop e apresentações de alunos integram a Semana da Música, realizada entre os dias 19 e 27 de outubro, na ETMD – Escola Técnica de Música e Dança Ivanildo Rebouças da Silva, na Av. Nações Unidas, 168 (Vila Nova), em ação apoiada pela Prefeitura Municipal via Secretaria de Educação. Mais informações da programação gratuita em: (13) 3372-9236.

A mostra será aberta nesta quinta-feira (dia 19), às 20 horas, com o show do Jazz Quartet. Já na segunda-feira (dia 23), o calendário cultural continua com apresentação do Quaternário, às 14h30, workshop de princípios básicos para o canto com Rita Curitola, às 19h30, e a mostra de talentos ‘Conserva In Concert’, às 20h30.

Por sua vez, a terça-feira (dia 24) reserva apresentação de trompa e trombone da Banda Escola Cubatão, às 15 horas, e show ‘Pratas da Casa’, às 20 horas. No dia seguinte (dia 25), às 14h30 e às 20 horas, será a vez respectivamente do Grupo Rinascita de Música Antiga e Música de Câmara.

Na quinta-feira (dia 26), está previsto as apresentações de Pratas da Casa, às 10 horas, Trio de Flautas, às 14h30, e recital com a Profª. Regina Schllochauer, às 20 horas. Encerrando a Semana da Música, na sexta (dia 27), haverá atividade com instrumento complementar técnico às 14h30 e, já às 20h30, a sessão da Banda Escola Cubatão.

 

Banda Escola de Cubatão abre inscrições gratuitas de música e balé

O Programa Banda Escola de Cubatão (BEC) abre inscrições para novos alunos de 27 de julho a 7 de agosto. Os interessados devem preencher a ficha de inscrição no prédio do BEC, que funciona dentro do Novo Anilinas, entrada pela Av. Nove de Abril, 2275, das 9h às 11h30, e das 14h às 16h.

Os menores de idade devem estar acompanhados pelos pais ou responsáveis e levar documento de identidade e comprovante de residência. Há vagas para balé infantil para crianças com idades entre 7 e 12 anos que poderão fazer aulas no período da manhã. O balé jovem, que acontecerá à tarde, vai atender a garotada de 13 a 20 anos.

As aulas de musicalização infantil é direcionado a meninos e meninas de 7 a 12 anos. No curso, aprendem desde as primeiras notas musicais até a escolha do instrumento musical. As aulas serão nos períodos matutino e vespertino. As aulas de música também são uma oportunidade para pessoas com idades entre 13 e 20 anos.

Poderão escolher entre: flauta, oboé, clarineta, saxofone, fagote, trompa, trompete, trombone, eufônio, tuba, percussão, violino, viola, violoncelo e contrabaixo. Os candidatos devem estar matriculados no ensino regular fundamental e médio.

Desta vez, a coordenação do Programa BEC optou por não divulgar o número total de vagas. “Buscaremos o maior aproveitamento possível dos inscritos com o objetivo de promover um maior acesso ao universo instrumental de sopros, cordas e percussão”, afirmou Germano Blume, coordenador geral do Programa Banda Escola.

Blume destaca, ainda, que no ato da inscrição, os candidatos responderão a um questionário onde poderão optar por mais de um instrumento musical por ordem de preferência. Caso a primeira escolha já tenha sido esgotada, serão encaminhados para outra, e assim sucessivamente.

Suprindo os Grupos Artísticos

Roberto Farias, coordenador dos Grupos Artísticos da cidade, esclarece que a turma do balé jovem do BEC receberá capacitação nos estágios médio e avançado, objetivando atender a demanda dos Grupos como Cia de Dança e Corpo Coreográfico. A preocupação do maestro é pertinente, afinal, o Programa BEC foi criado para suprir a mão de obra de músicos, cantores e bailarinos dentro dos Grupos Artísticos de Cubatão.

A qualificação desses jovens continua sendo o alvo da escola. A sugestão para que o estudante conheça outros instrumentos musicais, além dos usuais e já conhecidos como violino, flauta, percussão, visa um melhor aproveitamento da disponibilidade dos jovens ingressantes, sem esquecer do cumprimento da função social do BEC, que é atender a comunidade.

*Morgana Monteiro

 

Projeto Música e Cultura será retomado na Casa de Cultura de Bertioga

Os projetos ‘Música e Cultura’ e ‘Teatrada’ desenvolvidos pelo Sesc, em parceria com a Prefeitura de Bertioga, semanalmente, respectivamente, aos sábados e domingos, na Casa da Cultura (Avenida Thomé de Souza, 130), será retomado a partir do próximo sábado (04). A programação será reaberta com o espetáculo ‘Duo Flauta e Harpa’, a partir das 20 horas, dentro do Projeto Música e Cultura.

Mônica Camargo (flauta) e Rafaela Lopes (harpa) formam este duo camerístico de sonoridade única. A apresentação traz obras originalmente escritas para esta formação, além de transcrições do cancioneiro brasileiro e internacional. O repertório é versátil, passando por nomes como Donizetti, Villa Lobos, Carlos Gomes, Bernard Andês, John Marson, Pixinguinha, Ibert, entre outros.

Já no domingo (05), às 11 horas, será a vez do Projeto Teatrada, com o espetáculo ‘Marinhar’, com a Cia. Conto em Cantos. Por meio de uma brincadeira, Marina embarca em uma aventura no mar, e passa por perigosos desafios para conseguir defender uma escolha diferente. E é assim que ela vai descobrir o quanto pode ser belo e revelador o encontro com o outro.

A programação segue no dia 11, com o ‘Vibration Jazz Trio’, no Música e Cultura, com repertório diversificado, transitando da Bossa Nova aos clássicos do Jazz; e no dia 12, o Teatrada traz o espetáculo ‘Procurando Luiz’, com o Grupo Cena Teatral, que apresenta um espetáculo baseado no universo poético de Luiz Gonzaga, o rei do baião.

O Música e Cultura apresenta no dia 18, o quarteto ‘Abayomi’, vencedor do Mapa Cultural Paulista na categoria Música Instrumental. Já no dia 19, o Teatrada traz o espetáculo interativo ‘Contadores de Causos’, com a Cia. Bola de Meia. Durante as apresentações o público ajuda a heroína em sua aventura, dança a Catira e canta moda de viola!

O ‘3 no Som’ é a atração do dia 25, do Música e Cultura, com apresentação de música instrumental brasileira. No dia 26, o Teatrada traz muita diversão para a criançada com o espetáculo ‘Por um fio’, com a Cia. Conto em Cantos. Suas influências são compositores e instrumentistas como Pixinguinha, Jacob do Bandolim, Luiz Gonzaga, Noel Rosa, Cartola, Tom Jobim, Chico Buarque, Milton Nascimento, entre outros.

*Prefeitura de Bertioga

 

Orquestra Cubatão Sinfonia abre vagas para aulas gratuitas de música

O mesmo nome, mas um projeto diferente. O Cubatão Sinfonia agora é orquestra e está com inscrições abertas para crianças e adolescentes que queiram aprender música. Os interessados devem procurar a sede do Cubatão Sinfonia, que fica na Avenida Principal, 1.016, na Cota 200, às quartas e sextas-feiras, das 9h às 11h e das 14h às 16h.

São oferecidas aulas de percussão e de vários instrumentos de sopro como clarineta, flauta, saxofone, trompete, entre outros; cordas como violino, viola erudita, violoncelo e contrabaixo acústico. Os interessados devem ter entre 8 e 18 anos de idade. É preciso levar RG escolar e comprovante de residência.

Outra novidade é a formação da orquestra, que contará com a participação de estudantes de música de outros projetos como o Programa BEC e Escola Técnica de Música e Dança. Para fazer parte da Orquestra, é preciso ter até 21 anos de idade. A seleção acontecerá mediante análise do currículo e prova prática. Interessados devem encaminhar o currículo para o e-mail contato@cubataosinfonia.org.br. Os integrantes da Orquestra Cubatão Sinfonia receberão bolsa-incentivo para participarem das atividades.

02O Projeto Orquestra Cubatão Sinfonia conta com patrocínio da Usiminas e Instituto Cultural Usiminas (Usicultura), Anglo American e Unipar/Carbocloro, por meio do ProAC-ICMS, da Secretaria Estadual de Cultura. Também conta com apoio da Prefeitura de Cubatão.

A Orquestra é parte de um projeto maior, o Programa Cubatão Sinfonia, que desde 2007 atendeu mais de 800 jovens que vivem nas Cotas e outros bairros próximos. Trata-se de um projeto sociocultural criado pela Associação de Amigos da Banda Sinfônica de Cubatão, que o administra até hoje. A ideia é atender, por meio da música, jovens de bairros de vulnerabilidade social. Os alunos vivenciam aulas teóricas e práticas e são acompanhados por monitores. Depois de integrados aos estudos, podem participar de grupo como Camerata de Violões, quintetos e sextetos.

Desde 2011, o Cubatão Sinfonia tem o selo da Unicef, que certifica a seriedade do Programa junto à criança e ao adolescente. O Programa foi semifinalista do Prêmio Itaú-Unicef, selecionado entre mais de 2.922 projetos de todo o país.

*Prefeitura de Cubatão

 

Banda Escola de Cubatão abre inscrições dia 2 de março

O Programa Banda Escola de Cubatão – BEC abre inscrições para novos alunos de 2 a 6 de março. Os interessados devem preencher a ficha de inscrição no prédio do BEC, que funciona dentro do Novo Anilinas (Av. Nove de Abril, 2275), das 9h às 11h30, e das 14h às 16h. Devem estar acompanhados pelos pais ou responsáveis e levar documento de identidade e comprovante de residência.

Desta vez, podem participar estudantes com idades entre 7 e 16 anos, que estejam matriculados no ensino regular fundamental e médio. São oferecidas vagas para musicalização infantil, onde as crianças aprendem desde as primeiras notas musicais, além de instrumentos musicais como flauta, oboé, clarineta, saxofone, fagote, trompta, trompete, trombone, eufônio, tuba, percussão, violino, viola, violoncelo e contrabaixo.

02Desta vez, a coordenação do Programa BEC optou por não divulgar o número total de vagas. “Buscaremos o maior aproveitamento possível dos inscritos com o objetivo de promovermos um maior acesso ao universo instrumental de sopros, cordas e percussão”, afirmou Germano Blume, coordenador geral do Programa Banda Escola.

Blume destaca, ainda, que no ato da inscrição, os candidatos responderão a um questionário onde poderão optar por mais de um instrumento musical por ordem de preferência. Caso a primeira escolha já tenha sido esgotada, poderá ser encaminhado para outra, e assim sucessivamente.

O maestro Roberto Farias, coordenador dos Grupos Artísticos da cidade, informa que as vagas para os cursos de Dança e Canto Coral serão abertas em uma segunda etapa. “No que diz respeito à Dança, queremos investir nos estágios médio e avançado, visando atender a demanda dos Grupos como Cia de Dança e Corpo Coreográfico.

A preocupação do maestro é pertinente, afinal, o Programa BEC foi criado para suprir a mão de obra de músicos, cantores e bailarinos dentro dos Grupos Artísticos de Cubatão. A qualificação desses jovens continua sendo o alvo da escola livre. A sugestão para que o estudante conheça outros instrumentos musicais, além dos usuais e já conhecidos como violino, flauta, percussão, visa um melhor aproveitamente da disponibilidade dos jovens ingressantes, sem esquecer do cumprimento da função social do BEC, que é atender a comunidade.

*Morgana Monteiro – Prefeitura de Cubatão