Arquivo da tag: grupo artístico

Coral Zanzalá canta e homenageia Gilberto Mendes nesta sexta-feira

Por Morgana Monteiro

O Coral Zanzalá um dos grandes mestres da música no Brasil na próxima sexta-feira, dia 11/10. O Grupo Artístico participa do 1º Encontro Coral Gilberto Mendes e sobe ao palco do Centro de Atividades Integradas de Santos, o CAIS, a partir das 20h30. Zanzalá se apresenta com os Corais Municipais de Santos e Guarujá, e Madrigal Ars Viva.

Para este encontro, o Zanzalá preparou um repertório recheado de MPB: Paisagem na janela, de Beto Guedes; Sabiá, de Tom Jobim; Louva a Deus, de Gilberto Gil, entre outras canções. Do mestre Gilberto Mendes vai interpretar Inspiração. No fim do encontro, todos os coros se juntam para cantar 24 de Dezembro, composição de Mendes.

Para a regente do Zanzalá, Nailse Machado, “é uma grande alegria celebrar a obra de Gilberto Mendes que deixou um legado espetacular para todos nós, músicos”.

 

Em ‘Zanzalá canta Vitta’, Coral cubatense mostra sua melhor faceta

O Coral Zanzalá estreia espetáculo neste sábado (17), em Cubatão. Em “Zanzalá canta Vitta”, o grupo artístico interpreta músicas inéditas do compositor Rodrigo Vitta, incluindo o trecho de uma ópera criada por ele. A apresentação tem início às 20h, com entrada gratuita, no Bloco Cultural do Paço Municipal (Praça dos Emancipadores, s/nº).

Desta vez, o Coral contará com a participação do Quarteto de Câmara Novas Tendências, formado pelos pianistas Rodrigo Vitta e Arlete Gordilho e os percussionistas Roberto Saltini e Douglas Maiochi.

O programa está dividido em três partes. A primeira é um Poema Sinfônico intitulado “Criação”, inspirado em textos de santo Agostinho. Haverá intervenção de um narrador, Arthur Perissinotto. As peças são contemporêneas e incluem a execução de sons computadorizados Depois, três peças sacras para Coro à Capela: “Ave Maria”, “Pai Nosso” e “Aleluia”, algumas delas já incluídas no repertório do Zanzalá.

Mas o momento mais esperado do concerto será um trecho da Ópera Antonia. “Apresentaremos apenas o Ato I, que inclui o prólogo e cenas I e II. A Ópera é uma história grande, retrata a busca pelo ouro entre fazendeiros e índios. Faremos apenas uma parte dela, mas as pessoas terão uma idéia do trabalho requintado criado por Vitta”, afirma Nailse Cruz, regente titular do Zanzalá.

*Prefeitura de Cubatão