Arquivo da tag: literatura

Flávio Viegas Amoreira ministra oficina literária nesta sexta

Por Lincoln Spada

A última edição da oficina literária ‘Como se tornar um escritor’ será realizada nesta sexta-feira (7/dez), das 19h30 às 20h30, pelo autor santista Flávio Viegas Amoreira na Associação Cultural José Martí (Rua Joaquim Távora, 217, Vl. Mathias/Santos). A oficina custa R$ 20. Informações: (13) 3307-1494.

O autor de diversas obras (‘Pessoa Doutra Margem’, ‘Maralto’, entre outros) ministrará uma atividade formativa será baseada em reflexões das seguintes questões: quais contos e poemas são essenciais para um literato? Quais as perspectivas editorias contemporâneas? Qual o futuro do romance na pós-modernidade?

Poeta, contista e crítico literário, Flávio é uma das mais inventivas vozes da literatura nacional contemporânea, na ‘Geração 00’. O escritor utiliza forte experimentação formal e inovação de conteúdos, alternando gêneros em sintaxe fragmentada, apontado como uma das vozes da pós-modernidade literária brasileira em pesquisas de universidades norte-americanas e europeias.

Curso Livre de Escrita Literária tem inscrições prorrogadas

Por Secult
.
As inscrições para o Curso Livre de Escrita Literária da Baixada Santista, realizado pelo Núcleo de Incentivo à Palavra (Nip), da Secretaria Municipal de Cultura (Secult), foram prorrogadas até o próximo dia 21. Com duração de 2 anos e aulas sempre às segundas-feiras, das 14h às 17h, a atividade será ministrada na Biblioteca de Artes Cândido Portinari, localizada no Centro de Atividades Integradas (Cais) Milton Teixeira (Av. Rangel Pestana, 150, Vila Mathias).
.
As aulas serão ministradas por autores como Roberto Taddei, Bruno Zeni, Juliano Garcia Pessanha, Simone Matias, Marcus Vinicius Batista, Carolina Zuppo, Ademir Demarchi e André Argolo.
.
Para concorrer a uma das 30 vagas (20 regulares e 10 para alunos ouvintes) o candidato precisa participar de processo seletivo. Para tanto é solicitada a entrega de dois textos (impressos e digitados): uma carta de intenção e um texto literário autoral em prosa, conto, trecho de romance ou crônica. Ambos devem ter no máximo uma página e obedecer aos seguintes parâmetros: fonte Times New Roman tamanho 12, espaçamento de linhas de 1,5cm e margens de 2,5cm. O não cumprimento das normas implica em desclassificação.
.
O material deve ser entregue para análise na Biblioteca Cândido Portinari, de segunda a sexta-feira, das 13h às 18h, até o próximo dia 21. A inscrição na seletiva pode ser feita pessoalmente ou por intermediário, que ficará responsável pela entrega do material.
.
Seleção de alunos
.
O material encaminhado pelos candidatos será avaliado por banca examinadora composta por equipe multidisciplinar, incluindo especialistas em literatura, filosofia, produção cultural e psicologia. Os pré-selecionados serão convocados para entrevistas individuais, em datas a confirmar, na Biblioteca Cândido Portinari. A convocação para entrevista ocorrerá por e-mail.
.
A lista dos aprovados será divulgada até o dia 29 de novembro, no site da Prefeitura de Santos (www.santos.sp.gov.br) e no portal http://www.santoscidadecriativa.com.br.
.
O programa do curso começa este ano, com atividades de integração entre os dias 30 de novembro e 2 de dezembro. Veja mais na página http://www.facebook.com/nipsantos.

Curso Livre de Escrita Literária abre inscrições em Santos

Por Secult Santos
.
Ligado ao Departamento de Formação e Pesquisa Cultural (Deforpec), da Secretaria Municipal de Cultural (Secult), o Núcleo de Incentivo à Palavra abre entre os dias 6 e 13 de novembro, inscrições para a turma de 2018 do Curso Livre de Escrita Literária da Baixada Santista, que tem duração de 2 anos. A atividade será ministrada na Biblioteca de Artes Cândido Portinari, localizada no Centro de Atividades Integradas (Cais) Milton Teixeira (Av. Rangel Pestana, 150, Vila Mathias).
.
Para concorrer a uma das 30 vagas oferecidas (20 regulares e 10 para alunos ouvintes), o candidato precisa participar de processo seletivo. Para tanto é solicitada a entrega de dois textos (impressos e digitados): uma carta de intenção e um texto literário autoral em prosa, conto, trecho de romance ou crônica. Ambos devem ter no máximo uma página e obedecer os seguintes parâmetros: fonte Times New Roman tamanho 12, espaçamento de linhas de 1,5cm e margens de 2,5cm. O não cumprimento das normas implica em desclassificação.
.
O material deve ser entregue para análise na Biblioteca Cândido Portinari, de segunda a sexta-feira, das 13h às 18h, entre os próximos dias 6 e 13. A inscrição na seletiva pode ser feita pessoalmente ou por intermediário, que ficará responsável pela entrega do material.
 .
Haverá plantão de dúvidas sobre o curso e as inscrições durante o 7º Encontro de Criadores, que ocorre na Casa da Frontaria Azulejada (Rua Comércio, 92, Centro Histórico), no dia 10. O atendimento é simultâneo à mesa ‘Literatura e Criatividade no Século 21’, realizada das 20h30 às 22h.
.
Seleção de alunos
.
O material encaminhado pelos candidatos será avaliado por banca examinadora composta por equipe multidisciplinar, incluindo especialistas em literatura, filosofia, produção cultural e psicologia. Os pré-selecionados serão convocados para entrevistas individuais, que acontecerão entre os próximos dias 21 a 24, na Cândido Portinari, em horário a combinar. A convocação para entrevista ocorrerá por e-mail, até o dia 20 de novembro.
.
A lista dos aprovados será divulgada até o dia 29 de novembro, no site da Prefeitura de Santos (www.santos.sp.gov.br) e no portal www.santoscidadecriativa.com.br. O programa do curso começa já este ano, com atividades de integração de 30 de novembro a 2 de dezembro. É necessária a participação do aluno em pelo menos 50% das atividades para a conclusão.  Veja mais na página www.facebook.com/nipsantos.

Inscrições para 8º Concurso Pérolas da Literatura segue até dia 20

Por Prefeitura de Guarujá

“Escrever é manter relação de alma, corpo e mão com a escrita, no objetivo de transformar a essência humana em acordes de frases e períodos”. Assim a escritora Maria da Glória Sá Rosa, que ocupava cadeira na Academia Sul-Mato-Grossense de Letras,descreve a arte de escrever. Com o propósito de incentivar os amantes da escrita, a Prefeitura de Guarujá, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, abre inscrições para o VIII Concurso Literário “Pérolas da Literatura”.

As inscrições já estão abertas e seguem até 20 de outubro. Os interessados devem se inscrever através do link e entregar a ficha devidamente preenchida junto à obra literária na Secretaria de Cultura, localizada no Teatro Procópio Ferreira (Avenida Dom Pedro I, 350), na parte da manhã, das 9 às 12 horas; e no período da tarde, 14 às 17 horas.

Os trabalhos devem ser impressos em quatro vias de igual teor em envelope lacrado, junto com uma cópia do documento de identidade. Para esta edição, jovens de 12 a 17 anos podem participar da categoria juvenil nas modalidades de poesia e conto. Já na categoria adulto acima de 17 anos, crônicas também serão aceitas.

Os temas das obras são livres e deverão ser inéditos. Há limite de 80 linhas apenas para as modalidades de conto e crônica. Não há limite de linhas para poesia. Serão premiados os três melhores trabalhos de cada categoria, com certificado e troféu. O regulamento pode ser acessado na íntegra aqui.

 

‘Encontro de Mestres do RPG’ doa livros para a Biblioteca Dr. Silvério Fontes

Por Secult Santos

Desenvolvido pela Gibiteca Municipal Marcel Rodrigues Paes (Posto 5) e pela loja Caverna do Dragão, o projeto ‘Encontro de Mestres – RPG’ tem sua primeira edição neste sábado (13), na Biblioteca Dr. Silvério Fontes (Centro Cultura da Zona Noroeste). O local recebe a doação, para acervo permanente, de um kit com dez livros de role-playing games (RPG), com dados e fichas para os jogos, e partidas.

O projeto tem objetivo de fortalecer os núcleos de RPG (jogos de interpretação) na Cidade. Os interessados em participar dos primeiros jogos devem fazer as inscrições às 12h. As partidas têm início às 14h.  O Centro de Cultura da Zona Noroeste fica na Av. Afonso Schimdt, s/nº, no Areia Branca. Informações pelo telefone 3203-3399.

Conheça os livros que integrarão a biblioteca permanente:

1 – A Floresta da destruição – Ian Livingstone – Aventura Solo
2 – O Feiticeiro da montanha de fogo – Steve Jackson/Ian Livingsotne – Aventura solo
3 – Senhor dos Anéis – Jogos de Aventuras: “O amanhecer chega cedo” (Lançado em 1991, sem ligação com o sistema atual de LOTR)
4 – Senhor dos Anéis – Jogos de Aventuras: As Diretrizes (Lançado em 1991, sem ligação com o sistema atual de LOTR)
5 – Lobisomem – O Apocalipse
6 – Vampiro – A idade das Trevas
7 – Mago: A Ascensão
8 – Mummy – WoD Sourcebook
9 – Tagmar
10 – Tagmar – O Arado de Ouro (Aventura Pronta)

Festival Arte e Trabalho: Oficina ‘O mundo do trabalho na Literatura Portuária’

Por Alessandro Atanes

Chamada de “Barcelona Brasileira” ou “Moscouzinha Brasileira” devido à força do movimento operário na cidade ao longo do século XX, a cidade de Santos também conta com uma farta produção literária que trata deste aspecto da cidade. Para falar sobre o assunto, o jornalista e mestre em História Social Alessandro Atanes realiza na próxima sexta-feira, dia 5, a oficina “O mundo do trabalho na Literatura Portuária”, na Casa da Frontaria Azulejada, a partir das 19 horas.

Atanes é o autor do livro “Esquinas do Mundo: Ensaios sobre História e Literatura a partir do Porto de Santos” (Facult/Dobra Editorial, 2013), em que trata poemas e romances como fontes históricas para estudar a cidade, além de relacionar Santos ao universo portuário de várias partes do mundo, como Buenos Aires, Nova York, São Petersburgo, Dublin e Hamburgo. A conversa sobre as obras poéticas e de ficção que mostram o trabalho portuário e as relações entre a cidade e o porto faz parte do Festival Arte & Trabalho, que ocorre até domingo, 7 de maio.

A atividade portuária, conta o pesquisador, foi descrita em romances, contos e poesias por grandes nomes da Literatura universal como Pablo Neruda, Elizabeth Bishop, Jorge Amado, Guy de Maupassant e Oswald de Andrade, sem contar nomes da cidade como Ranulfo Prata, Roldão Mendes Rosa, Narciso de Andrade e, mais recentemente, Adelto Gonçalves, Lídia Maria de Melo, Madô Martins, Flávio Viegas Amoreira e Alberto Martins.

Entre as diversas obras que tratam desse universo, o pesquisador destaca os romances “Barcelona Brasileira”, do jornalista, escritor e doutor em Literatura Adelto Gonçalves (1999), sobre as greves anarquistas de 1917, que fazem 100 anos, “Agonia na Noite” (1954), de Jorge Amado, que descreve uma greve em que os estivadores se recusam a embarcar café em um navio nazista, e “Navios Iluminados” (1937), de Ranulfo Prata, que mostra o calvário de um retirante do sertão da Bahia que tenta melhorar de vida como estivador no cais de Santos, obra que já contou com uma tradução para o espanhol publicada em Buenos Aires e que tem uma reedição recente, de 2015, feita pela Edusp, dentro da coleção Reserva Literária, que tem como “madrinha” a escritora e ex-presidente da Academia Brasileira de Letras Nélida Piñon.

“Dentro dessa abordagem que entrelaça História e Literatura podemos ler o romance ‘Navios Iluminados’, que apresenta os trabalhadores antes das conquistas trabalhistas dos anos 30, também com uma atualidade incrível devido aos recentes acontecimentos na sociedade brasileira e a aprovação da reforma trabalhista”, analisa o autor. Confira a programação completa do festival em: https://www.facebook.com/events/2085052901721361/. O Festival Arte & Trabalho foi criado pela Lei Municipal nº 3.143, que institui a Semana do Trabalhador.

O Mundo do Trabalho na Literatura Portuária
5 de maio, às 19 horas.
Casa da Frontaria Azulejada: Rua do Comércio, 92, Centro Histórico de Santos
Contato: Alessandro Atanes (13) 98122-98144

 

Com 1º Papo Marginal, coletivos colorem Galpão de Experimento de Artes de Cubatão

Por Lincoln Spada | Foto: Sander Newton

Grafite, dança de rua, literatura e teatro se convergem no 1º Papo Marginal, neste sábado (dia 6), a partir das 14 horas. O evento gratuito é realizado pelos grupos Coletivo 302, Uzina Utópica e Esquadrilha Marginália de Teatro de Rua no Galpão de Experimento de Artes, no Parque Novo Anilinas, com apoio da Prefeitura de Cubatão via Secretaria da Cultura.

Já às 14 horas, o artista plástico Marco Tuim fará a grafitagem na fachada do espaço de uso compartilhado pelos grupos cênicos. Em paralelo, o VL Breakers se apresenta ao público junto de uma roda de rimas. Por sua vez, às 16 horas, o autor do livro ‘Eu Sou Periferia’, Michel Leite Viana, mediará uma roda de conversa com a Esquadrilha Marginália de Teatro de Rua.

A obra ‘Eu sou periferia’ narra a história do jovem Periferia, que saiu do Nordeste com a mãe para encontrar o pai na capital paulista. De um cortiço em São Paulo, a família se abriga em uma área irregular na Área Continental de São Vicente. Assim, com uma narrativa próxima à linguagem oral, o publicação aborda o cotidiano de adversidades e tentações vivenciadas pelo jovem protagonista.