Arquivo da tag: movimento

Happy Hour no Galpão dia 13/10

Por Nina Gagli
.
Movimento é ação, atividade, dinâmica, energia e cinesia (gosto dessa palavra), é mudança e agitação. Coletivos nada mais tratam-se do que da junção de pessoas com interesses em comum, se estendem a vários temas, desde arte, política, música, empoderamento, feminismo, fortalecimento, áreas sociais, cultura e agregação.
.
Junta-se à vista disso, atividade e ação, MOVIMENTO e COLETIVOS, e temos então o “Em Movimento”, que ocorrerá no Galpão Cultural no Parque Anilinas em Cubatão.
O “Em Movimento” existe para promover a oportunidade de toda uma galera linda encontrar aberturas e caminhos para atuar na constituição de um mundo melhor! : ) É, inclusive, disponibilizado no site dessa “turma” incentivadora, oportunidades como projetos, cursos, oficinas e ações em várias áreas e para todos os perfis.
.
Você confere acerca destas oportunidades e oficinas clicando aqui!
.
Melhor que saber de todas essas informações queridas, é ter conhecimento de que rolará um Happy Hour junto com o Coletivo 302. O Happy Hour é um evento para conhecer uma galera com objetivos sociais, jovens que querem aprender e estão dispostos em agregar a toda uma cena cultural, e fazer amizade, claro! : ) tudo isso acompanhados de um som muito da hora!
.
Fica a dica: vai ocorrer uma roda de conversa com o tema: “É possível criarmos um coletivo?” Vamos colar com essa galera? Quem sabe você não encontra pessoas a firmar um coletivo, uma roda de conversa, um movimento…
.
EVENTO GRATUITO! Só precisa se inscrever aqui: INSCRIÇÃO

Nos vemos! 🙂

 

Após furacão, José Martí/BS promove festa solidária a cubanos

Por Associação José Martí/BS e G1
.
A solidariedade ao povo cubano é o tema da festividade realizada pela Associação Cultural José Martí da Baixada Santista nesta quarta-feira (dia 11), às 19h, na Rua Joaquim Távora, 217/Santos. Toda a renda será enviada ao país para reconstrução das áreas afetadas pelo furacão Irma. A ação tem apoio do Movimento Paulista de Solidariedade a Cuba.
.
“São inúmeros os exemplos de solidariedade do povo cubano com os todos os povos atingidos tanto por catástrofes naturais quanto por injustiças sociais.  Nesse momento é o povo cubano quem necessita de nossa solidariedade”, explica a diretoria da Associação José Martí, que reverterá toda a renda ao Instituto Cubano de Amizade aos Povos, que promove mobilizações em prol à causa após o furacão. Informações: secretariajosemarti20@hotmail.com.
.
Catástrofe natural
.
Na primeira quinzena de setembro, o furacão Irma atingiu Cuba, antes de seguir à Flórida. Apontado como o terceiro mais letal na ilha, provocou 10 mortes. Com ventos acima de 250 Km/h, o furacão foi constatado categoria 5, o mais grave na escala geológica. Na capital cubana, as pessoas passaram dias com enchente e cortes de energia elétrica. A trajetória de Irma obrigou a evacuação de um milhão de moradores.

Museu Pelé recebe 1º Encontro de Museus da BS; confira a programação

Por Orla Cultural Museus

No Dia Internacional dos Museus, acontece o 1º Encontro de Museus da Baixada Santista, realizado pelo grupo Orla Cultural Museus. O evento gratuito será na quinta-feira (dia 18), das 8h30 às 17h40, no Museu Pelé (Rua Marquês de Monte Alegre, s/nº, Santos).

Os organizadores destacam: “É com grande alegria e entusiasmo que convido a todos para nosso Encontro de Museus da Baixada Santista, em prol da importância dos museus para a sociedade, seja no âmbito de formação e no de desenvolvimento econômico das cidades. Dada as circunstâncias complexas que o país atravessa queremos defender essa causa, até para além dos museus para o âmbito da cultura brasileira, sua identidade e patrimônio”.

O evento tem como tema ‘Divulgando um patrimônio cultural, turístico e museológico’ e segue com esta programação:

>> 8h30 | Cadastro e inscrição;
>> 9h às 10h | A importância dos museus para as cidades: o trabalho do Sistema Estadual de Museus de SP (GT Sisem/SP);
>> 10h10 às 10h45 | Orla Cultural Museus: trajetória, articulação e propostas de desenvolvimento do setor (Beatriz Royer Massonetto);
>> 10h45 às 11h | Pausa;
>> 11h às 12h | A história dos museus e da expografia (Ivanei Silva);
>> 12h às 12h30 | Mesa redonda com diretor do GT Sisem/SP, Davidson Panis Kaseker; coordenadora da UPPM, Regina Ponte, museólogo da Casa Guilherme de Almeida e Casa das Rosas, Ivanei Silva, e representantes do Orla Cultural Museus;
>> 12h30 às 13h45 | Almoço;
>> 14h às 14h40 | Mesa temática: Museus científicos e naturalistas, com representantes do Museu Joias da Natureza, Museu de Pesca, Aquário e Orquidário de Santos;
>> 14h40 às 15h | Pausa;
>> 15h às 16h10 | Mesa temática: Museus histórico-pedagógicos, com representantes da Casa Martim Afonso, Instituto Histórico e Geográfico de São Vicente, Museu do Porto, Museu d Arte Sacra de Santos, Museu Conceição de Itanhaém, Museu Histórico Arquelógico de Peruíbe e Museu da Cidade de Praia Grande;
>> 16h10 às 17h | Mesa temática: Museus de artes e esportivos, com Pinacoteca Benedicto Calixto, Galeria Nilton Zanotti, Museu Pelé e Memorial das Conquistas do Santos FC;
>> 17h | Mesa temática com todos os representantes dos museus acima;
>> 17h40 | Encerramento.

Eis o Movimento Santo de Casa difundindo a música autoral local

Por Santo de Casa

Criado para promover e divulgar a música autoral da Baixada Santista, o Movimento Santo de Casa tem seu pontapé inicial nesta quinta-feira (dia 13), às 22 horas, no Parceria Bar e Música (Av. Tupiniquins, 7/São Vicente), com show de Rogério Baraquet e couvert a R$ 10.

Neste evento, Rogério Baraquet apresenta algumas canções criadas ao longo dos seus mais de trinta anos de carreira com a banda The Classics. Após o show o palco estará aberto a canjas e jams do pessoal do Movimento e de quem mais quiser mostrar seu trabalho.

 

Múltiplas linguagens se concentram no Savrau Cultural do Novo Anilinas

Por Lincoln Spada

Música, circo, teatro, dança e literatura envolvem o Savrau Cultural, iniciativa do coletivo cubatense Valsa Pra Lua e que será realizado gratuitamente neste sábado (dia 8), das 15 às 19 horas, no vão do Centro Multimídia do Parque Novo Anilinas. Com apoio da Prefeitura através da Secretaria da Cultura, “o evento se destina a propor uma programação cultural e o uso de espaços públicos para movimentos artísticos”, comenta a organizadora Mariana Nunes.

A abertura será com a atriz Tamirys O’Hanna (formada pelo Teatro do Kaos e que cursou a EAD/USP), seguida às 15h10 da intervenção cênica ‘Ditadura da Beleza’, dos alunos da Escola de Artes Cênicas Wilson Geraldo. Já às 15h30, a dupla Luana Albeniz e Kauan Brito realiza performances circenses para a comunidade.

A Esquadrilha Marginália de Teatro de Rua continua com a programação, às 15h40, com o esquete ‘De Repente Thiago’. Inspirada nos clássicos de Ariano Suassuna, a obra aborda três retirantes que contam causos de um nordestino humilde, Thiago, que – em meio as suas brincadeiras de menino – comete um deslize, é preso e morre. Diante do tribunal celeste, o jovem terá a última chance de provar sua inocência. O elenco é formado por Lucas Pereira, Luiz Guilherme e Michel do Carmo.

Está prevista, às 16h25, a apresentação da banda Mari Andrade e Florênzios. Os artistas Kauan Brito e Caio Henrique seguem com a programação às 16h50. Em seguida, às 17 horas, quem dá o rimo são os artistas da Impacto Dança & Movimento e o VL Breakers, as novas gerações que atuam na área do hip hop. Às 17h10, é a vez de um recital de poesia.

A Mc Dre conduzirá a festa às 17h30, o coletivo Valsa Pra Lua entra em cena às 17h50. O encerramento a partir das 18 horas está por conta da Banda Dellas. O Savrau terá exposição de quadros de Rani Lied, barraca de dreads de lã, correio elegante, vendas de bolos, doces e lanches durante toda a programação para ajuda de custo para os coletivos participantes.

 

Cineclube Pagu e CinemaMêmo nesta quinta no MISS

Por Secult Santos

O Cineclube Pagu realiza sessão do filme ‘Ser ou Não Ser’. Dirigido por Ernst Lubitsch, o drama se passa na Polônia, durante a ocupação do país em plena Segunda Guerra Mundial. Acompanha um grupo de atores canastrões que cai nas graças dos Nazistas.

Na trama, eles ficam sabendo que terão de impedir um espião de entregar aos Nazistas uma mensagem danosa para a resistência. A sessão mediada pelos jornalistas Carlos Cirne e Marcelo Pestana será nesta quinta-feira (dia 30), às 18h, no Museu da Imagem e do Som de Santos (MISS), na Av. Pinheiro Machado, 48, Santos.

CinemaMêmo

No mesmo dia e local, às 20 horas, haverá uma reunião do Movimento Audiovisual da Baixada Santista, o CinemaMêmo, a fim de debater a realização do 2º Encontro Audiovisual da Baixada Santista. Ambos os eventos são gratuitos.

Inscrições para o 4º Motim – Mostra Regional do FESTA até dia 17

O Movimento de Teatro da Baixada Santista vem realizando ações para dar visibilidade e estrutura ao fazer teatral dos grupos da região, com este intuito após a realização do FESTA 58 – Festival Santista de Teatro, abrirá este edital para inscrições da 4ª edição do MOTIM TEATRAL, a ser realizada durante o dia 23 de dezembro de 2016. Esta edição irá acontecer na Praça dos Andradas na cidade de Santos e espaços alternativos.

Até o dia 17 de dezembro estão abertas as inscrições para o 4º Motim Teatral, mostra regional do Movimento de Teatro da Baixada Santista. Após o FESTA 58 – Festival Santista de Teatro, tal programação tem como objetivo dar visibilidade e estrutura ao fazer teatro dos grupos da região no dia 23 de dezembro. O evento acontecerá na Praça dos Andradas e em espaços alternativos. O edital está na página http://movimentoteatraldabaixadasantista.blogspot.com.br/ e as inscrições devem ser feitas em: festivalteatrosantos@gmail.com.

Entre os principais objetivos do Motim: oferecer ao cidadão um panorama da produção teatral realizada na baixada santista, com ênfase para os espetáculos da região; estimular e apoiar produção e divulgação de espetáculos teatrais na região; estimular o encontro entre os artistas da região para realizar uma discussão e troca de experiências sobre as formas de produção e de incentivo a espetáculos teatrais da região; incentivar a formação de novas plateias para o teatro; e valorizar espaços públicos como praças e espaços em bairros, da cidade de Santos, com atrações teatrais.

O que é Motim?

Motim é uma insurreição de grupos (artísticos) não homogêneos, organizada ou não (pelo movimento de teatro),contra qualquer autoridade instituída (ou não). Caracteriza-se por atos explícitos de desobediências (artísticas e civis) a autoridades ou contra a ordem pública (mercado), sendo frequentemente acompanhado de tumulto artístico, vandalismo estético (em) propriedade pública e privada e atos de violência poética.