Arquivo da tag: o santo inquérito

Formandos da EAC Wilson Geraldo apresentam clássicos no Guarany

Por Secult Santos

O palco do Teatro Guarany (Praça dos Andradas, 100, Centro Histórico) recebe em dezembro a estreia de espetáculos encenados por 15 formandos da Escola de Artes Cênicas (EAC) Wilson Geraldo, mantida pela Secretaria Municipal de Cultura (Secult).

Sob a direção de Cibelle Piacentini, a primeira turma apresenta o espetáculo ‘O Santo Inquérito’, de Dias Gomes, que fica em cartaz entre os próximos dias 1, 2 e 4, sempre às 20h, e no dia 3, às 18h e 20h. Durante os 8, 9 e 11, às 20h, e no dia 10, às 18h e 20h, é a vez da segunda turma, dirigida por Diego Andrade, apresentar a montagem de ‘Terror e Miséria do Terceiro Reich’, texto do Bertold Brecht.

“Escolhemos dois clássicos da dramaturgia, um nacional e um estrangeiro. Estes textos refletem inquietações deste momento da humanidade. Com estas encenações, mostramos que a Wilson Geraldo tem a tradição de trabalhar não só o ator, mas principalmente o artista comprometido com a função social do teatro, com a ética profissional e a construção sólida do conhecimento”, declara a diretora artística da EAC, Renata Zhaneta.

‘O Santo Inquérito’

Escrito em 1964, o drama é ambientado em 1874 e expõe o conflito de Branca Dias, acusada de subversão e heresia pela Santa Inquisição. Promove a reflexão sobre questões como intolerância e a ganância. Dias Gomes retrata a forma como eram tratados os Cristãos Novos, famílias judias convertidas ao cristianismo, que quando insistiam em seguir sua crença, eram julgadas e condenadas a viver sob os olhares cruéis de uma sociedade que desprezava quem pensava diferente da ordem estabelecida.

Ficha Técnica: | Texto: Dias Gomes; Direção: Cibelle Piacentini; Preparação corporal: Maria Inês Adad; Preparação vocal: Osvaldo Hortêncio; Cenário e figurinos: Leo Porto; Iluminação: Ana Maria Santana; Assessoria de imprensa e Produção Executiva: Maria Alice Peres; Direção de produção: Méa Matheus; Supervisão: Renata Zhaneta; Elenco por ordem alfabética: Alisson Flora, Ana Melo, Daniela Armentano, Edelvira Azevedo, Elly Gomes, Giovana Petin, Henrique Pergolizzi, Marcele Correa, Rafael França.

‘Terror e Miséria do Terceiro Reich’

Produzido por Brecht entre os anos de 1933 e 1938, período em que os nazistas chegaram ao poder na Alemanha. Para a montagem, o diretor Diego Andrade selecionou doze cenas, das vinte e quatro que compõem o texto, com a proposta de compreender esse momento histórico que desencadeou um dos piores episódios do século 20, o genocídio daqueles que eram considerados impuros, como judeus, ciganos, negros, homossexuais, deficientes físicos e doentes mentais.

Ficha técnica: Texto: Bertold Brecht; Direção: Diego Andrade; Preparação corporal: Maria Inês Adad; Preparação vocal: Osvaldo Hortêncio; Cenário e figurinos: Leo Porto; Iluminação: Reginaldo Aguiar; Assessoria de imprensa e Produção Executiva: Maria Alice Peres; Direção de produção: Méa Matheus; Supervisão: Renata Zhaneta; Elenco por ordem alfabética: Fellipe Tavares, Teco Cheganças (ator convidado), Bia Gonçalves, Caroline Salles, Luccas Afonso, Nevily Alves.