Arquivo da tag: orlando rodrigues

União dos Beats agita o Centro de Cultura Patrícia Galvão dia 17

Por Orlando Rodrigues

Os fãs do hip hop têm diversão garantida no domingo (17), no União dos Beats, encontro de beatboxs de Santos e São Paulo que ocorre a partir das 15h, no Centro de Cultura Patrícia Galvão (Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias). “União dos Beats é o encontro de beatboxs de São Paulo e Santos. Queremos fomentar esta cultura, muita vezes discriminada na Baixada Santista”, destaca o produtor Orlando Rodrigues.

O beatboxer, apresentador multimídia e MC Borracha Beatbox comanda o evento, que além de diversas apresentações, presta homenagem ao artista Radjja, um dos precursores da modalidade em Santos, com participações em shows da banda Charlie Brown Jr, no elenco do filme ‘O Magnata’ e na banda Radjja & Cabongue.

A realização do evento é da Beat Box, Falantes e Sarau do Beat Box. Apoio: Secretaria Municipal de Cultura (Secult), Agência Édigital, Grilo Filmes e Projeto Muito Prazer, Meu nome é Hip Hop.

 

Desafios da comunidade negra são debatidos no 5º Papo Marginal

Por Lincoln Spada

Os desafios do negro no cenário nacional e contemporâneo marcam o 5º Papo Marginal – O negro no novo século, roda de conversa a ser realizada neste sábado (dia 18), às 16 horas, no Galpão Cultural (Parque Anilinas, s/nº).

Conduzindo debates sobre diversos temas que relacionam cultura e sociedade, o evento mensal é uma iniciativa da Esquadrilha Marginália de Teatro de Rua e conta com a mediação dos artistas e ativistas Ana Caroline, Lucas Gabriel Wickhaus e Orlando Rodrigues.

O Papo Marginal é uma das ações periódicas do Galpão Cultural, espaço de ocupação artística de coletivos e artistas independentes de Cubatão que conta com apoio da Prefeitura via Secretaria de Cultura.

 

Confira a programação completa do Dia Municipal do Hip Hop em Santos

Por André Azenha

Celebrado em Santos desde 2008, o Dia Municipal do Hip Hop tornou-se um evento referência no segmento, atraindo centenas de artistas do ramo de Santos e outras cidades. Para 2017, o projeto “Muito Prazer! Meu Nome é Hip Hop” – criado pelo produtor cultural Orlando Rodrigues e o DJ Mamuth – preparou uma extensa programação visando fortalecer essa cultura na região, formar público, instigar o pensamento crítico, valorizar artistas locais, promover intercâmbio cultural e democratizar o acesso da população à cultura. As atividades abordarão os quatro elementos do movimento: dança, rimas, discotecagem e grafite.

De 11 a 16 de maio, o município receberá ações em diversos no Centro de Cultura Patrícia Galvão, Praça Mauá, Centro Esportivo e Cultural “Dale Coutinho” e Cine Roxy 4. Toda a programação é gratuita. Locais fechados estão sujeitos à lotação. “Existem grandes demandas de produções da Cultura Hip Hop em Santos e o Dia Municipal do Hip Hop é muito esperado pelos agentes culturais para mostrarem seus trabalhos como produtores, artistas e arte educadores. Precisamos dialogar este ano para ampliar a participação do movimento de Santos nas próximas edições”, ressalta Orlando Rodrigues.

Apresentada ao legislativo santista, em 2008, por dois rappers santistas, Daniel Paixão, conhecido Criminal D. e Leandro Valença, pelo então vereador Marcus de Rosis, o Dia do Hip Hop virou lei municipal. As primeiras ações foram realizadas em 2013 e 2014 de forma voluntaria pelo Projeto Muito Prazer! Meu Nome é Hip Hop. Devido às solicitações de alguns agentes culturais em 2015, 2016 e 2017 o projeto conquistou para o Dia Municipal do Hip Hop uma verba parlamentar concedida pelo vereador Ademir Pestana, executada pela Secretaria Municipal de Cultura com a produção ações que utilizem os quatro elementos da cultura hip hop: dança, rimas, discotecagem e grafite.

PROGRAMAÇÃO:

>> ‘Produção da Cidade Hip Hop’
11 a 16 de maio, a partir das 12h. Praça Mauá, no Centro Histórico

>> ‘Rodas de conversas no Museu da Imagem e do Som para agentes da Cultura Hip Hop’
11 e 12 de maio, das 19h às 22h. Museu da Imagem e do Som (Miss – Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias).

>> ‘Projeto Rap de Garagem’
13 de maio das 12h às 18h. Centro de Cultura Patrícia Galvão (Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias).

>> Bate Papo ‘Hip Hop por Elas’
13 de maio, das 15h às 17h. Museu da Imagem e do Som (Miss).

>> Celebração 24 anos do LP ‘Força Rap do Litoral Santista’ 
13 de maio, às 20h. Teatro Municipal Braz (Av. Senador Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias). Shows: Criminal D e Gang de Rua (Daniel) / Contrabando de Atitude (Leandro).

>> Jam ‘Danças Sociais Hip Hop’
14 de maio, das 12h às 18h. Centro Esportivo da Zona Noroeste. Rua Fausto Felício Brusarosco, s/nº, bairro Castelo

>> 1ª Mostra de Vídeo Clipes de Rap Caiçara
16 de maio, às 21h. Sala 1 do Cine Roxy do Shopping Pátio Iporanga. Avenida Ana Costa, 443, Gonzaga.

Muito Prazer! Meu Nome é Hip Hop

Conscientizar, empoderar e dar autonomia a jovens, principalmente aos que estão em situação de vulnerabilidade social. Esses são os principais objetivos do “Projeto Muito Prazer! Meu Nome é Hip-Hop”. E não é por acaso que o nome se assemelha a um cartão de visitas. O projeto criado em 2010 por Orlando Rodrigues, militante do movimento negro, em parceria com DJ Mamuth, tem a proposta de levar as pautas do hip-hop para vários espaços, buscando políticas públicas por meio do diálogo com o Poder Público, conselhos sociais e comunidade fomentando o movimento na Baixada Santista.

Atualmente, o projeto possui perfil itinerante, voluntário e sem fins lucrativos, ocupando os espaços públicos com oficinas e eventos de hip-hop, levando o debate sobre questões raciais e a identidade negra à tona. Nesse anos, o projeto realizou ações em todas as regiões de Santos e promoveu o lançamento do filme “Hip Hop Santista: Suas Origens e Trajetórias Sobre o Tempo”. Maiores informações: https://www.facebook.com/MPMNH2/.

A programação do Dia Municipal do Hip Hop, em 2017, é realizada pelo Projeto Muito Prazer! Meu Nome é Hip Hop e tem apoios institucionais da Prefeitura Municipal de Santos, por meio das Secretaria Municipais de Cultura e Turismo, CulturalMente Santista, Museu da Imagem e do Som, UNIMONTE, Secretaria de Estado de Cultura, por meio da Assessoria de Projetos de Hip Hop e Mandato do Vereador Ademir Pestana, presidente da Comissão Especial de Assuntos Relacionados à Igualdade Racial e Étnica.

 

Novo conselho de Cultura de Santos assume dia 25; acesse a nomeação oficial

Por Lincoln Spada

O Conselho de Cultura de Santos já tem o nome dos 22 novos membros da gestão 2017/2019. A nomeação foi publicada no Diário Oficial desta última quarta-feira, pelo atual presidente do conselho, Jamir Lopes. A cerimônia de posse dos novos representantes do Poder Público e da sociedade civil está prevista para terça-feira (dia 25), às 18h30, na auditório do Museu Pelé. Confira a lista:

>> Secretaria de Cultura: Fábio Alexandre de Araújo Nunes (titular); Virgínia Pires da Silva Ierizzi (respectiva suplente); Raquel Cristina Pellegrini Almeida (titular) e Ana Lúcia de Rezende Sant’Anna (respectiva suplente); Vinícius Cesar Sérgio (titular) e Murilo Netto Gonçalves (respectivo suplente).
>> Secretaria de Educação: Renata Paulino da Silva (titular) e Tex Jones Correia Lopes (suplente).
>> Secretaria de Turismo: Jamir Ferreira Lopes (titular) e Wellington Romualdo Gomes de Lima (suplente).
>> Secretaria de Assistência Social: Priscila Vicente (titular) e Elizabete Rodrigues Gatto Gonçalves (suplente).
>> Secretaria de Meio Ambiente: Marcus Neves Fernandes (titular) e Fernando de Souza Mello (suplente).
>> Secretaria de Relações Institucionais e Cidadania: Nicola Margiotta Junior (titular) e Wellington Paulo da Silva Araújo (suplente).
>> Secretaria de Economia e Finanças: Ana Luísa Duarte (titular) e Fremar Pereira Hauck Gávio (suplente).
>> Secretaria de Gestão: Alessandra de Sousa Franco (titular) e Ivo Miguel Evangelista Santos (suplente).
>> Secretaria de Saúde: Devanir Paz (titular) e Soraya dos Santos Nieto (suplente).
>> Patrimônio Histórico Edificado: Leonardo Branco (titular) e Veruska Francisconi Moura (suplente).
>> Carnaval: Luciana Rosalina da Cruz (titular).
>> Audiovisual e Multimeios: Junior Brassalotti (titular) e Eduardo Ferreira Silva (suplente).
>> História e Memória: Marcos Pasquantonio (titular) e José Eduardo de Lima (suplente).
>> Música e Ópera: Theo de Sá Guimarães Cancello (titular) e Mario Tirolli (suplente).
>> Dança e Movimento: Mariana dos Santos Pozett (titular).
>> Teatro e Circo: Caio José Martinez Pacheco (titular) e Maria Izabel Tornatore de Freitas Portela (suplente).
>> Folclore, Artesanato e Cultura Popular: João Paulo Teixeira Pires (titular).
>> Promoção e Produção Cultural: Gabriela Peixoto Ortega (titular) e Orlando Rodrigues (suplente).
>> Livro e Literatura: Lincoln Spada da Silva (titular) e Luiz Antonio Guimarães Cancello (suplente).
>> Artes Visuais: Júlio Cesar Ferreira (titular) e Vlaidner Sibrão de Lima (suplente).

9º Conferência de Cultura de Santos elege conselheiros da sociedade civil

Por Prefeitura de Santos

Os 11 primeiros integrantes do Conselho Municipal de Cultura (Concult), representando diversos segmentos das áreas artísticas da sociedade civil, foram eleitos neste sábado, no Teatro Guarany. Paritário, o conselho, que terá 11 outros componentes representando o poder público, tomará posse no próximo mês, ocasião em que será eleita a mesa diretora. A escolha ocorreu durante a realização da 9ª Conferência Municipal de Cultura, sob o tema ‘A Efetivação do Plano Municipal de Cultura’, que contou ainda com a realização de debates envolvendo quatro grupos temáticos.

O músico e produtor cultural Ugo Castro Alves, a gestora cultural Lua Marina, o acadêmico roteirista e dramaturgo, Edison Delmiro, e o produtor cultural e ex-secretário de cultura de São Vicente, Amauri Alves foram os mediadores convidados para estes grupos, responsabilizando-se pela troca de partilhas e saberes de modo intersetorial entre dois a três segmentos artísticos juntos, em evento que contou com a presença de mais de 70 participantes. Juntos, elencaram prioridades apontadas na minuta do Plano Municipal de Cultura, atualmente em tramitação entre a Prefeitura e a Câmara.

“Parabenizo todos da sociedade que contribuíram para o Plano Municipal de Cultura de Santos”, destacou a vereadora Audrey Kleys (PP), presidente da Comissão Permanente de Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia na Câmara. “Muito bem elaborado e pensado. Comparei o plano com o de outras cidades do Estado de São Paulo, e, realmente, a população tem uma riqueza em mãos. Agora, cabe a cada um de nós acompanhar a evolução e efetivação dessas políticas públicas”.

Por sua vez, o secretário municipal da Cultura, Fábio Nunes, acompanhou todo o evento, e ressaltou que: “A legitimidade dessa conferência, é dado por vocês, artistas e fazedores de cultura que atuam em nossa Cidade. E nessa manhã de estudos do futuro Plano de Cultura da Cidade, vale lembrar que depende também da participação de todos nós, já que as políticas públicas são feitas por demandas da comunidade”.

Conselheiros

Foram eleitos, para o biênio 2017-2019, para a cadeira de Livro e Literatura, o jornalista e escritor Lincoln Spada e, na suplência, Luiz Antonio Cancello; Theo Cancello e Mário Tirolli (titular e suplente da Música e Ópera); Mariana dos Santos Pozett (titular de Dança e Movimento); Leonardo Branco e Veruska Francisconi Moura (titular e suplente de Patrimônio Histórico Edificado); Marcos Pasquantonio e José Eduardo de Lima (titular e suplente em História e Memória), e João Paulo Teixeira Pires (titular de Folclore, Artesanato e Cultura).

E ainda: Júnior Brassalotti e Eduardo Ferreira (titular e suplente de Audiovisual e Multimeios), Gabriela Peixoto Ortega e Orlando Rodrigues (titular e suplente de Promoção e Produção Cultural), Caio Martinez Pacheco e Maria Izabel Tornatore de Freitas Portela (titular e suplente de Teatro e Circo), Júlio César Ferreira e Vlaidner Sibrão (titular e suplente de Artes Visuais), e Luciana Rosalina da Cruz (titular de Carnaval). A suplência para as cadeiras de Dança e Movimento; Folclore, Artesanato e Cultura, e Carnaval serão preenchidas mediante chamada pública.

No Dia da Mulher, 1º Troféu ‘Dandara de Palmares’ em Santos

O Conselho Municipal de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra premia nesta terça-feira, às 19 horas, cinco mulheres em homenagem ao Dia Internacional da Mulher. O evento será na Prefeitura (Praça Mauá), com apoio da Secretaria de Defesa da Cidadania.

A solenidade contará com o 1º troféu de Dandara de Palmares, que será entregue a Alzira dos Santos Rufino, Débora Maria da Silva, Mary Francisca do Careno, Sandra Maria Silva Barreto e Tatiana Evangelista.

*Orlando Rodrigues

 

Pré-estreia de ‘Straight Outta Compton’ em Santos terá break dance e bate-papo

Sucesso avassalador de bilheteria, “Straight Outta Compton – A História do N.W.A.” se tornou a cinebiografia com a maior estreia na história, ao arrecadar, em seu primeiro fim de semana em cartaz nos EUA, US$ 56 milhões, para um orçamento de US$ 29 milhões.

O longa, que narra a trajetória do revolucionário grupo N.W.A. estreará em Santos no próximo dia 29. Mas nesta quarta-feira, 21, a partir das 21h, terá uma avant-première exclusiva no Roxy 5, numa parceria do cinema com a Universal e o projeto Muito Prazer, Meu Nome é Hip Hop!.

A exibição é para convidados, mas ingressos serão sorteados nas redes sociais. Antes, às 20h, quem passar pela Avenida Ana Costa poderá conferir um tablado colocado ao lado do Cine Café do Roxy, onde haverá uma apresentação de Cypher de Break Dance com as Crew’s da Região da Baixada Santista e a participação do DJ Mamuth.

Dentro da sala de projeção, antes do filme, o assessor de projetos de hip hop da Secretaria do Estado de Cultura, Marcio Santos, fará um breve bate-papo sobre a importância do N.W.A. para a cultura hip hop.

O filme

Na metade dos anos 80, as ruas de Compton, na Califórnia, eram umas das mais perigosas dos EUA. Em 1986, cinco jovens se reuniram e formaram a banda, traduzindo suas experiências na perigosa cidade em uma música brutalmente honesta. Eles se rebelaram contra uma autoridade abusiva e revolucionaram tanto a música quanto a cultura pop, dando origem ao Gangsta Rap.

Ice Cube, Dr. Dre e Eazy-E, integrantes do N.W.A., são vividos por O’Shea Jackson Jr. (filho de Cube), Corey Hawkins (‘Sem Escalas’) e Jason Mitchell (‘Contrabando’). F. Gary Gray (‘Uma Saída de Mestre’) dirige. Tomica Wright, viúva de Eazy-E, produz o filme ao lado de Cube e Dre.

*André Azenha