Arquivo da tag: praça dos andradas

A premiadíssima Imara Reis ministra aula magna na EAC Wilson Geraldo

Por Secult Santos

A atriz, diretora e professora Imara Reis é a convidada da aula magna que será realizada na segunda-feira (11), na Escola de Artes Cênicas Wilson Geraldo (EAC), abrindo as atividades do Curso de Formação de Atores em 2019. O encontro é aberto ao público e ocorre no Teatro Guarany (Praça dos Andradas, 100, Centro Histórico), a partir das 19h.

Imara começou a fazer teatro no Colégio Santa Marcelina (RJ). Formada em Letras (UFF), onde também fez Teatro, foi integrante do Grupo Laboratório juntamente com Tonico Pereira e José Carlos Gondim. Em 1973, convidada por Tonico Pereira, passou a integrar o Grupo Chegança, de Luis Mendonça. Neste grupo participou de ‘As Incelenças’, ‘Viva o Cordão Encarnado’ e ‘Lampião no Inferno’. A atriz foi integrante também do elenco da primeira montagem de ‘Calabar’, de Chico Buarque e Ruy Guerra.

Após participar de outras produções, começou a trabalhar como atriz em peças publicitárias, participando de inúmeros comerciais. No final dos anos 1970, em viagem de estudos à Europa, fez cursos de especialização em Paris e Madri, além de ter protagonizado seu primeiro curta-metragem, Sílvia, produzido por Helena Rocha.

De volta ao Brasil, estreou na TV Tupi na novela ‘Dinheiro Vivo’, de Mario Prata. Estreou, em 1981, na TV Bandeirantes com a novela ‘Os Adolescentes’. Seu primeiro longa foi ‘Inquietações de Uma Mulher Casada’, de Alberto Salvá, e desde então trabalhou em mais de 20 filmes. Como atriz, Imara já ganhou três troféus Kikitos e três Candango, nos festivais de Gramado e de Brasília, além de outras premiações. Em 2010, foi publicada a sua biografia, ‘Van Filosofia’, pela série Perfil, da coleção Aplauso.

Vem aí o Bloco do Glitter na Praça dos Andradas nesta segunda

Por A Praça é Nossa

“Voltamos para hitar na segunda de carnaval”. É assim que o coletivo A Praça é Nossa convida a todos para o Bloco do Glitter. A folia está prevista para esta segunda-feira (4/mar), das 13h às 19h, na Praça dos Andradas (Santos), com entrada franca. No evento, a discotecagem será de DJ Nicolly LeBlanc, DJ Sol, DJ Ruth e Raquel e DJ Lais Calazans.

Somos uma festa de ocupação de rua, uma festa LGBTQ+, mas é bem vindo todo mundo que sabe respeitar. Talvez a data não seja ideal para algumas pessoas, mas trabalhamos agora diretamente com Secult e isso requer algumas burocracias a serem seguidas, a data foi uma delas, a gente precisa e quer oferecer o melhor, principalmente segurança e amparo, que é uma obrigação pública que não deveria ter tão complicado assim. Mas estamos aí, e a festa vai ser linda como foi ano passado, serão seis horas de festa com muita farofa boa, a mesma vibe de sempre da nossa praça.

 

No aniversário de Santos, nova edição do Slam dos Andradas

Informações do Slam dos Andradas

O aniversário do município de Santos contará com a 12ª edição do Slam dos Andradas. O evento gratuito e aberto ao público será na Praça dos Andradas (Centro), no dia 26/jan (sábado), das 19h às 23h. A atividade já ocorre nos últimos sábados de cada mês.

A iniciativa é organizada pelos artistas Caio Slick, Mika e demais membros do movimento do slam. O Slam é uma manifestação artística que se dá por meio de uma competição de poesias faladas. O poeta apresenta seu texto em até 3min, sem a utilização de objetos cênicos ou acompanhamento musical.

Vem aí o 1º Slam dos Andradas no Centro Histórico

Por Caio Cesar Slick

A Batalha do Mundão organiza o 1º Slam dos Andradas, evento gratuito a ser realizado neste sábado (28/out), às 19h, na Praça dos Andradas. O slam consiste em encontros de poesia falada e performática, em forma de competição, onde um júri popular, escolhido espontaneamente entre o público, dá nota aos ‘slammers’ (poetas), levando em consideração principalmente dois critérios: a poesia e o desempenho.

O evento tem três regras básicas: texto autoral; no máximo com três minutos de duração; não é permitido uso de instrumento musical e adereços. As inscrições para a batalha de poesia serão realizadas 10 minutos antes do início do evento. A sequencia de apresentação é definida por sorteio.

Cada poeta imprime ao seu texto cadências, ritmos e leituras próprios, que, sem sua voz, seriam decididos pelo leitor. É um poema que necessariamente terá ruído, barulho, vida própria – nada parecido com uma leitura silenciosa e calma, normalmente associada ao gênero poético.

‘Andradas Horror Story’ é previsto no Centro de Santos

Informações do Amém Rolê | Foto: Gabriel Quadra
.
O coletivo Amém Rolê mobiliza uma ocupação pública na Praça dos Andradas nesta sexta-feira (dia 21), às 22 horas. Nas redes sociais, o evento já prevê a participação de mais de 900 pessoas. Em julho, o mesmo coletivo realizou festa semelhante no local.
.
“Tumbalacatumba tumba ta” inicia o convite dos organizadores, que pedem para os participantes partilharem de seus próprios drinques, aparelhos de som e as fantasias, “então empoeiradas do armário”, seguindo-se como um rolê já comum nas novas gerações e na mesma praça.
.
Embora não cite discotecagens ou responsáveis, os organizadores do evento que migra do virtual para o campo real herdam em muito a narrativa de respeito à diversidade (respeite as mina, as manas, as monas e os manos) e à sustentabilidade (lixo no lixo) dos demais coletivos que organizam festas no mesmo local e alcançaram até 4 mil participantes.

Teatro Guarany recebe Festival de Corais e Bandas

Por Secult Santos
.
Com o objetivo de valorizar os talentos musicais da região, a Evolution Produções Artísticas, com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura (Secult), realiza a segunda edição do Festival de Corais e Bandas da Baixada Santista. O evento é aberto à participação de musicistas de todas as idades e aborda repertório de músicas clássicas, MPB e até canções típicas de Portugal e Espanha.
.
Ocorre no próximo dia 19, no Teatro Guarany (Praça dos Andradas, 100, Centro Histórico), das 19h às 22h. Os ingressos custam R$ 5,00. Estudantes e idosos pagam meia-entrada. Os bilhetes estarão à venda antecipadamente na bilheteria do Teatro Municipal Braz Cubas (Av. Sen. Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias) e no dia do evento, na bilheteria do Guarany.
.
A primeira edição do Festival foi realizada em 1999, no Clube de Regatas Saldanha da Gama. Outras informações no site www.byleeevolutionproducoes.com.br.

Teatro ‘Bruta Flor’ arrecada alimentos para o Gapa/BS

Por Gapa/BS

Sucesso de público e crítica em São Paulo, o espetáculo ‘Bruta Flor’ dirigido por Marcio Rosario vem a Santos para a comemoração de 29 anos do Gapa/BS (Grupo de Apoio a Prevenção a Aids da Baixada Santista).

A peça aborda bissexualidade, homofobia e homossexualidade, refletindo sobre a liberdade da orientação sexual de cada um e de seus respectivos direitos. Após a apresentação do espetáculo, haverá um debate a respeito do tema.

A sessão será no dia 27 de abril, no Teatro Guarany (Praça Guarany, 100/Santos), com ingressos antecipados e limitados em troca de 1 Kg de arroz, feijão ou leite em pó na própria sede do Gapa/BS (Rua Colômbia, 44/Santos).