Arquivo da tag: rua quintino bocaiúva

Projeto Arte Consciente leva muralismo até ‘Sobre as Ondas’

Por Prefeitura de Guarujá

O passeio por Guarujá ganhou um atrativo a mais. Além das belas praias, monumentos históricos e museus, a Cidade está investindo no Muralismo. O projeto municipal Arte Consciente tem valorizado a área urbana com murais que retratam a história e a beleza da Cidade.

Desde fevereiro, quatro grandes intervenções já foram feitas no Município. A mais recente se encontra na Avenida General Rondon (entre as praias de Pitangueiras e Astúrias). Quem passa pela região chamada de ‘Sobre as Ondas’ se surpreende com a riqueza dos detalhes artísticos do mural de 260 metros.

A obra faz referência aos nordestinos que ajudaram a construir a Cidade. Eles são representados através da pintura do reisado sergipano. Outra referência foi a homenagem ao ‘pai da aviação’, Santos Dumont, que, segundo relatos, passava as férias na ilha. É possível contemplar pinturas de esportes ao ar livre e a paisagem bucólica dos barquinhos no canto das Galhetas (Astúrias).

Os trabalhos são realizados por Almeida Reis, pós-graduado em Artes Visuais (Unisanta) e especialista em pinturas de murais. Reis também dá aulas na rede municipal e, foi destaque na exposição internacional Elephant Parade. “A arte é necessária para a vida. Ela encanta, instrui e confronta. Nós artistas e futuros artistas de todas as áreas precisamos de políticas públicas como esta que apoia nossas ações”.

Outras três intervenções já foram entregues na Cidade desde o início do ano: na Creche Anna Juliana Tybor Passaes (Al. das Margaridas x Av. Santos Dumont); na Rua Quintino Bocaiúva (atrás da Delegacia de Política); e no Viaduto Floriberto Mariano.

 

Virada Cultural Paulista 2015: Programação em Presidente Prudente

Fundada em 1917, Presidente Prudente está localizada a 570 km da capital paulista e a 980 km de Brasília. De acordo com o último censo realizado pelo IBGE, possui pouco menos de 208 mil habitantes, com um elevado Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), de 0,846. Nomeada em homenagem ao ex-presidente Prudente de Morais, a cidade abriga os distritos de Ameliópolis, Eneida, Floresta do Sul, Montalvão.

> Confira a Virada Cultural em outros municípios

Considerada pólo industrial, cultural e educacional, é conhecida como a “Capital do Oeste Paulista”. A tradição da cultura e do esporte também estão presentes em sua história. Todos os anos há grandes espetáculos da música, teatro, dança e, claro, eventos esportivos. O Estádio “Prudentão”, por exemplo, ficou conhecido mundialmente por ter presenciado o primeiro gol de Ronaldo “Fenômeno” na sua volta ao Brasil. PROGRAMAÇÃO – 30 E 31 DE MAIO

PALCO EXTERNO – PARQUE DO POVO
Av. 11 de Maio, s/nº
Os intervalos entre os shows contarão com uma trilha musical desenvolvida especificamente pelo DJ Rodrigo Bento.
0230/5 | 19:30
Agnaldo Timóteo [Música]
Mineiro de Caratinga, Agnaldo Timóteo volta toda atenção à carreira como cantor por meio do show 50 Anos de Estrada Asfaltada. No show, o público pode esperar por Meu Grito e Os Brutos Também Amam.
http://www.agnaldotimoteo.com.br/

30/5 | 21:00
Mateuzinho e Os Umbigaê [Música]
O cantor Mateuzinho Umbigaê convida o Rafael Morais trio para ajudá-lo a interpretar canções de diversas fases da carreira de Jorge Ben Jor. O público pode esperar por Jorge da Capadócia e Carolina Carol Bela.

30/5 | 22:30
Boogarins [Música]
Criada por Benke Ferraz (guitarra) e Fernando Almeida (voz e guitarra), a banda goiana é uma das boas novidades da música nacional. Com uma agenda de shows que inclui apresentações no exterior, o Boogarins apresenta o rock psicodélico do disco As Plantas que Curam (2013). Completam a formação do grupo os músicos Ynaiã Benthorldo (bateria) e Raphael Vaz (baixo).
http://www.boogarins.com

30/5 | 23:59
Krisiun [Música]
Criado em 1990, o trio gaúcho formado por Alex Camargo (baixo e voz) e pelos irmãos Max (bateria) e Moysés Kolesne (guitarra) é referência do death metal nacional e internacional. O show tem como base o trabalho mais recente The Great Execution.

31/5 | 15:30
Os Opalas [Música]
O quarteto tem como principal objetivo explorar clássicos do samba rock, além de mostrar músicas autorais. Entre os artistas contemplados pelo Os Opalas estão Jorge Ben Jor, Tim Maia e Marku Ribas. Mistura Cultural , É pra dançar e 4:20 são do repertório próprio do grupo.

31/5 | 17:00
Aláfia [Música]
Com referências da música negra, a banda vem atraindo um bom público em seus espetáculos devido a sua mistura funk, música de terreiro, hip hop e spokenword. Formado por Eduardo Brechó (voz e guitarra), Jairo Pereira (voz), Xênia França (voz), Fabio Leandro (teclado), Pipo Pegoraro (guitarra), Filipe Gomes (bateria), Lucas Cirillo (gaita), Gabriel Catanzaro ( baixo), Victor Eduardo (percussão) e Gil Duarte (trombone), o Aláfia faz show baseado no elogiado disco homônimo, de 2013, que lista Ela É Favela e Punga.

0431/5 | 18:30
Racionais MC’s [Música]
A espera foi grande, mas ela acabou em novembro de 2014. Após doze anos sem lançar material inédito, o mais relevante grupo de rap brasileiro colocou nas ruas o disco Cores & Valores. Há 25 anos na estrada, Mano Brown, Ice Blue, Edi Rock e KL Jay provaram que seguem em forma – no registro e no palco. Além das novas Quanto Vale o Show e Eu te Proponho, eles relembram Homem na Estrada e Negro Drama.

SALA DE CINEMA CONDESSA FILOMENA MATARAZZO – CENTRO CULTURAL MATARAZZO ***
30/5 | 19:00
Tudo pode dar certo [Cinema]
Boris Yellnikoff é um velho rabugento que tem o hábito de insultar seus alunos de xadrez. Ex-professor da Universidade de Columbia, ele considera ser o único capaz de compreender a insignificância das aspirações humanas e o caos do universo. Um dia, prestes a entrar em seu apartamento, Boris é abordado por Melodie St. Ann Celestine, que lhe implora para entrar. Ele atende ao pedido, a contragosto. Percebendo sua fragilidade, Boris permite que ela fique no apartamento por alguns dias. Ela se instala e, com o passar do tempo, não aparenta ter planos de deixar o local. Até que um dia lhe diz que está interessada nele.

PALCO ESPELHADO – PARQUE DO POVO*
Av. 11 de Maio, s/nº
Os intervalos entre os shows contarão com uma trilha musical desenvolvida especificamente pelo DJ Rodrigo Bento.
30/5 | 20:30
Last Kill Day [Música]
30/5 | 22:00
Subcut [Música]
30/5 | 23:30
Vinni Pelegrino e os Libertários [Música]
31/5 | 14:30
Arkhaikus [Música]
31/5 | 16:00
Alessa [Música]
31/5 | 17:30
Projeto Ensaio RAP [Especial]

TEATRO PAULO ROBERTO LISBOA
Rua Quintino Bocaiúva, 749 – Centro Cultural Matarazzo
30/5 | 18:00
Abertura Oficial [Especial]
30/5 | 18:30
Choros – Ballet Stagium [Dança]
Espetáculo coreografado por Décio Otero, que se inspirou num grupo de dezenas de músicos que se reunia semanalmente para tocar chorinhos ao lado de sua casa, no bairro de Pinheiros, em São Paulo. O elenco, formado por Ariadne Okuyama, Camila Lacerda, Eduardo Mascheti, Eugenio Gidali, Gabriel Cardoso, Gláucio Malheiro, John Santos, Márcia Freire, Paula Perillo, Renata Medeiros, Raony Iaconis, Roberta Silva e Bruno Fortunato, interpreta, corporalmente, clássicos de nomes como Cartola e Pixinguinha.
30/5 | 20:30
Sinapse – Grupo Ruas de Fogo* [Dança]
30/5 | 22:00
Muito Prazer – Eu sou a Dança – Dança InPrudente* [Dança]
30/5 | 23:59
REC – Cia Mudança [Dança]
31/5 | 11:00
Quinteto de Sopros OSESP [Música]

SESC THERMAS DE PRESIDENTE PRUDENTE**
Rua Alberto Peters, nº 111
30/5 | 20:30
5 a Seco [Música]
O coletivo lança o segundo álbum de sua carreira e primeiro gravado em estúdio, consolidando a união de Leo Bianchini, Pedro Altério, Pedro Viáfora, Tó Brandileone e Vinicius Calderoni em torno de uma sonoridade baseada no encontro de suas personalidades como compositores.

31/5 | 15:00
A Lenda Mágica [Teatro]
Criação de Célio Amino e direção de Ricardo Malerbi, a peça é baseada na vida e no ensinamento de Shunryu Suzuki (1905-1971), monge Zen japonês. A apresentação reúne 17 números de mágica, costurados por uma narrativa teatral.

OBS:
* Programação complementar realizada pelo Município
**Programação complementar realizada pelo Sesc Thermas de Presidente Prudente
***Programação complementar realizada pelo MIS – Museu da Imagem e do Som