Arquivo da tag: sala de projeção chico botelho

MISS realiza sessões com filmes contemplados pelo Facult

Por Prefeitura de Santos

Localizado no Centro de Cultura Patrícia Galvão (Av. Sen. Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias), o Museu da Imagem e do Som de Santos – Miss é um dos equipamentos culturais da Cidade que recebe trabalhos de produtores audiovisuais da região.

Nos próximos dias, a Sala de Projeção Chico Botelho, no Miss, recebe as projeções de três produções contempladas pelo 6º Concurso de Apoio a Projetos Culturais Independentes do Munícipio de Santos, o Facult.

A agenda tem início nesta sexta-feira (8/fev), às 19h, com a obra ‘Ofício: Estudo 9/1’, de Juliana França. O trabalho une as linguagens de dança e vídeo, registrando as reações e opiniões de nove profissionais de diferentes áreas enquanto assistem uma coreografia.

Já na próxima quinta-feira (14/fev), a partir das 18h30, é a vez de duas grandes histórias santistas ganharem projeção nas estreias dos documentários ‘The Pink Panther Boite’, dirigido por Kauê Nunes Melo, e ‘Dudu do Gonzaga’, com direção de Nildo Ferreira.

O primeiro filme traz depoimentos de personagens que frequentaram a singular boate dos anos 1980, localizada em frente à Praia do José Menino. Considerado por muitos a joia do entretenimento adulto na Cidade, o ambiente era visitado por casais, famílias que iam jantar e assistir espetáculos musicais, stripteases e shows eróticos. Além disso, o palco da boate abriu espaço para várias estrelas transexuais da época, como Gretta Star e Roberta Close.

A segunda produção fala sobre a vida de Luiz Eduardo D’Agrella Teixeira, o Dudu do Gonzaga. Um dos personagens mais famosos da Cidade nas décadas de 70 e 80. Homossexual assumido, ele enfrentou preconceito e fez história pelo seu comportamento extravagante e inusitado. Pessoas que conviveram com Dudu revelam suas histórias e fotos. O documentário ainda lança um questionamento sobre a sua morte.

 

Mostras celebram a Semana Nacional dos Museus em Santos

Os dois museus mantidos pela Secretaria de Cultura de Santos (Secult) oferecem ao público mostras de arte que abrangem as comemorações pela Semana Nacional dos Museus, celebrada até este sábado (23). A Casa do Trem Bélico (Rua Tiro Onze, 11, Centro) recebe exposição de pinturas produzidas pelo Padre Valfran dos Santos, intitulada ‘Casos, Causos e Sonhos’, que pode ser conferida até o próximo dia 30.

Estão expostas obras carregadas de cores e formas inspiradas no jeito autêntico de viver em diversos lugares da região. A visitação ocorre de terça-feira a sábado, das 11h às 17h. Gratuito. A Casa do Trem Bélico também abriga exposição permanente de armamentos antigos. O imóvel tem esta denominação porque armazenava armas e munições para proteção da Vila de Santos na era colonial. Acredita-se que tenha sido construída entre 1640 e 1646, mas sua existência só foi comprovada documentalmente em 1734.

Já o Museu da Imagem e do Som de Santos, no piso térreo do Centro de Cultura Patrícia Galvão (Av. Sen. Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias) apresenta a exposição ‘Moda & Diversidade’, que integra a ‘Sansex – Mostra da Diversidade Sexual de Santos’. Aberta até o dia 22 de junho, com visitação das 9h às 20h, de segunda a sexta-feira, e das 16h às 20h, nos sábados e domingos.

Com 34 imagens e curadoria de Paulo Borges (um dos criadores da São Paulo Fashion Week), a mostra reúne fotografias de casais heterossexuais e homossexuais, além da transexualidade para tratar de temas universais como amor e respeito. A exibição também tem objetivo de revelar a relação entre diversidade sexual, moda e arte.

Vale ressaltar que o Miss também oferece aos visitantes acervo com grande variedade de aparelhos eletrônicos antigos, discos e vídeos, além das sessões do Cine Arte Posto 4 (em reforma), que ocupam a ‘Sala de Projeção Chico Botelho’.

*Prefeitura de Santos