Arquivo da tag: victor nóvoa

Em temporada gratuita, Teatro do Kaos encena ‘Vocifera’

Por Lincoln Spada

Livremente inspirado em obra de Ibsen, ‘Vocifera’ entra em cartaz até o próximo dia 16/dez, com sessões gratuitas de quinta-feira a domingo, às 20h, no Teatro do Kaos (Largo do Sapo, Sítio Cafezal/Cubatão). A peça da companhia teatral comemora os 20 anos do coletivo e tem classificação indicativa de 16 anos.

A montagem trata dos (des)caminhos da conjuntura política atual e das razões que exigem a decisão entre direitos básicos da comunidade, como cultura e saúde. Na sinopse, a alusão do antigo teatro da Cidade que se tornará em um centro oncológico. Assim, a peça lança mão de questões aparentemente locais e corriqueiras para uma análise crítica sobre o pensamento conservador pautado no discurso do medo e na violência sistêmica.

Com base em ‘O Inimigo do Povo’, a peça tem dramaturgia de Victor Nóvoa, direção de Marcos Felipe e Lucas Beda, direção musical de Gustavo Sarzi e elenco formado por Fabiano Di Melo, Levi Tavares e Lourimar Vieira. A temporada é uma realização do Ministério da Cultura por meio da Lei Rouanet com patrocínio do Grupo EcoRodovias e apoio cultural da Prefeitura.

 

Oficinas gratuitas de criação textual e de partitura corporal

Por Sleep Mode

Último dia de inscrições para a continuação do ciclo de oficinas ‘Materialidades confluentes: encontros dissonantes entre corpos e textos’. Neste domingo (dia 21), teve das 13h às 16h a formação ‘Palavra e corpo em Movimento’, de Paulo Balistrieri.

Agora, no próximo domingo (dia 28), será a vez das formações ‘Criação de Textos Curtos’ (das 10h às 13h), com Victor Nóvoa, e ‘Criação de partituras corporais’ (dias 13h às 16h), com Helena Cardoso. Ambas as oficinas gratuitas serão minsitradas no Tescom (Av. Rodrigues Alves, 195/Santos).

Para se inscrever, é necessário encaminhar nome, idade e breve currículo na página https://www.facebook.com/SleepModeSleep. As ações compõem a programação do projeto teatral ‘Sleep Mode’, contemplado pelo 5º Facult – Fundo de Assistência à Cultura de Santos.

 

Agenda cultural: Cia Suno, Penélope Cia de Teatro e Dona Zaíra

Teatro, circo e música ambientam o Sesc Santos neste final de semana. O destaque no sábado é a peça ‘Sem Palavras’, da Penélope Cia de Teatro. A sessão será ás 19h e percorre a área de convivência, o auditório e o foyer da unidade (Rua Conselheiro Ribas, 136) em sessão gratuita.

Na peça, Um contador de estórias nos conta de sua filha, que sempre custa a adormecer. Para fazê-la dormir, inventa-lhe a estória de uma menina que não “palavreia”. Na estória, a menina um dia bebe a lágrima do pai e diz a palavra “mar”. Contrariando a família, o pai “viaja” até o mar, em uma trajetória que perpassa por diversas imagens e aparições arquetípicas, como uma “casa-mundo” e temas como liberdade, amadurecimento, palavras e seus sentidos, além da memória.

Baseado sobre a influência dos contos “A menina sem palavra” e “A luavezinha”, do autor moçambicano Mia Couto, a direção é de Erika Coracini e dramaturgia de Alexandre Krug. No elenco, Carolina Moreira, David Carolla, Ivan Zancan, Lara Thomaz, Rafael Caldas, Renata Asato.

Dona Zaíra

01A banda piracicabana apresenta o show neste sábado, ás 21h, que resulta do lançamento de seu terceiro álbum, que traz o forró dialogando com outros gêneros como a viola caipira, o jazz e até música eletrônica. Com André (acordeon e vocal), Diego (triângulo e coro), Rafael Beibi (zabumba e vocal principal), Matheus (contrabaixo e choro), Rafael (cavaco e choro) e Maicon Araki (percussão). Ingressos de R$ 5 a R$ 17.

Cia Suno

????????????????????????????????????
????????????????????????????????????

Recheada de peripécias, malabarismos e números de equilibrismo, a peça ‘Despautérios’ encenada no domingo, às 17h30, com ingressos de R$ 5 a R$ 17, trata da vida cotidiana de três palhaços longe do picadeiro. Mesmo distante da lona do circo eles não deixam de atuar; até nas ações diárias mais banais estão sempre representando. Presos a um pequeno universo, criado por eles próprios, os palhaços criam situações insólitas para escapar da mesmice do cotidiano. Com direção de Domingos Montagner, dramaturgia de Victor Nóvoa, e elenco formado pelo próprio Victor, Helena Figueira e Duba Becker.

*Sesc Santos

Em Santos, ‘Denise Desenha nas Paredes’ tenta entender a arte

O espetáculo ‘Denise Desenha nas Paredes’ é o destaque da programação do Sesc Santos (Rua Conselheiro Ribas, 136) nesta semana. O espetáculo tem dramaturgia de Victor Nóvoa, direção de Vinícius Torres e conta no elenco com Ana Vitória Bella, Eduardo Mossri e Helena Cardoso. A sessão que será neste domingo (19/abr), às 17h30, tem ingressos de R$ 5 a R$ 17.

Na peça, Denise é uma menina que não consegue se encaixar no padrão das aulas de artes. Sem saber o que criar para o grande concurso de artes da escola, tem sonhos terríveis com o famoso concurso e acaba desenhando nas paredes de seu quarto.

Sua mãe não a compreende, dizendo que, para fazer arte, existem jeito e lugar certos. Denise acaba conhecendo o misterioso Homem B, um artista que espalha suas criações pelas ruas mantendo seu anonimato. Com ele, Denise aprende a ver as formas da cidade como lindas obras de arte em potencial.

Dança – De Improviso

Já nesta quinta-feira, às 21h, a portaria do Sesc recebe a intervenção ‘De Improviso’. É um encontro gratuito às escuras que propõe o diálogo entre música e dança contemporânea, tendo como fio condutor a improvisação. O encontro das linguagens é nutrido pela disposição de dois artistas que não se conhecem, mas que aceitam o desafio de trabalhar juntos em público, construindo uma proposta única. Menos do que qualquer resultado técnico-estético, valoriza-se a troca e a capacidade de compartilhar.

*Sesc Santos

 

Victor Nóvoa oferece oficina de dramaturgia na Vila do Teatro

O premiado dramaturgo santista Victor Nóvoa oferecerá uma oficina para artistas e escritores da Baixada Santista, que propõe uma análise e discussão aprofundadas dos textos dramatúrgicos que os participantes já escreveram anteriormente, para oferecer um olhar diversificado sobre a sua obra. E possa assim explorar potencialidades que o seu texto já possui ou encontrar novos vetores para seus textos.

A oficina será às segundas-feiras, de 13 de abril a 19 de maio, das 19 às 22 horas, na Vila do Teatro (Praça dos Andradas/Santos). A oficina oferece 20 vagas que serão preenchidas pelos primeiros inscritos. As inscrições e informações por email: victornovoa39@hotmail.com.

Além destas discussões, vídeos de montagens contemporâneas juntamente com a leitura de textos clássicos complementarão as discussões e práticas da oficina, propondo uma troca de experiência entre artistas que visa a formação de um núcleo de discussão dramatúrgica na baixada santista.

Um dos encontros desta oficina será com Alexandre Dal Farra, dramaturgo vencedor do prêmio Shell, que falará sobre o seu processo de criação dramatúrgica. “Santos tem tradição de autores consagrados e sei que tem muito artista escrevendo textos potentes na região, minha vontade é que esta oficina gere um núcleo estável de discussão de dramaturgia.”,diz Victor Nóvoa sobre a oficina. 02

Victor Nóvoa é formado em artes cênicas pela USP e tem diversos textos dramatúrgicos que foram encenados por diretores de renome no cenário teatral brasileiro: Rogério Tarifa, Domingos Montagner, Vinícius Torres Machado e Gabriella Argento são alguns dos diretores que trabalharam com seus textos.

Recentemente lançou seu livro ‘Condomínio Nova Era’ na livraria Realejo e teve seu texto ‘Quarenta peças’ premiado no Concurso Dramaturgias Urgentes do Centro Cultural do Banco do Brasil, recebendo uma leitura dramática do Núcleo Bartolomeu de Depoimentos. Atualmente é Coordenador do curso de Artes Cênicas na Universidade Nove de Julho e escreve seu novo texto ‘Verniz náutico para tufos de cabelo’ que será encenado por Paulo Celestino do Grupo XIX.

A Vila do Teatro é um espaço de ocupação cultural feita pelos grupos Trupe Olho da Rua e Os Panthanas – Núcleo de Pathifarias Circenses de Santos e atualmente está com oficinas de teatro de rua as quartas feiras e circo as quintas ambas as 19hs ainda com inscrições abertas.Todo último domingo do mês acontece o já tradicional “Sarau da Vila”, com programação plural de artistas de todo estado e região e com um tema diferente a cada edição. *Victor Nóvoa