Arquivo da tag: violões

Violonista Francisco Pupo é destaque do ‘Sexta com Arte’

O violonista Francisco Pupo, que é professor do projeto Fábrica Cultural, da Secretaria Municipal de Cultura (Secult), é a atração da próxima edição do projeto ‘Sexta com Arte’, da Secult, que ocorre no dia 1º de julho, às 19h30, no Centro de Atividades Integradas (Cais) Milton Teixeira (Av. Rangel Pestana, 150, Vila Mathias). Entrada franca.

O artista apresenta repertório com solos de violão de músicas populares nacionais e internacionais, tais como ‘João e Maria’, ‘Desculpe o Auê’, ‘Eu sei que vou te amar’, ‘Moonlight Serenade’ e ‘Blue Moon’, entre outras.

O objetivo do ‘Sexta com Arte’ é oferecer aos alunos do programa Fábrica Cultural, e ao público em geral, contato com artistas por meio de concertos didáticos focados na formação de jovens músicos. Mais informações pelo tel. 3202-3570.

O artista

Francisco Pupo, que é professor do projeto ‘Fábrica Cultural’, da Secult, iniciou seus estudos musicais em 1970, com o professor Walter Antônio dos Santos, no Instituto Musical Beethoven, em São Vicente, formando-se em 1975. Também cursou a Faculdade de Música de Santos.

O artista fez parte do Conjunto Oficial de Violões da Prefeitura Municipal de Santos, dirigido pelo Maestro Antonio Manzione, e da ‘Camerata Heitor Villa-Lobos’. Também lecionou em diversas escolas de música, entre elas a Henrique Oswald (Santos) e Clam (São Paulo), dirigida pelo Zimbo Trio.

*Prefeitura de Santos

 

1º Encontro de Violões do Guarujá nesta quinta-feira

No próximo dia 23 (quinta-feira), acontece o 1º Encontro de Violões do Guarujá. O evento será gratuito, das 19h às 22h, no Teatro Procópio Ferreira (Av. Dom Pedro 1º, 350/Enseada). A ação é uma realização da Prefeitura via Secult com a Unimes.

Às 19 horas, acontece uma mesa redonda com os profesosres de música Felipe Ramos, Yuri Cardoso, Thiago Abdalla e o luthier Ezequiel Marciano para abordar a metodologia e abordagens de construção do estilo fingerstyle. Às 20h20, acontece uma apresentação com os presentes.

*Ateliê Artes do Palco

 

Palácio das Artes abre inscrições para o projeto Férias no Museu

Estão abertas as inscrições para o projeto Férias no Museu, promovido pelo Museu da Cidade. Com uma grade de atividades variada, o projeto atende crianças com idade de 05 a 12 anos, e é uma boa opção de lazer no período de férias escolares.

As atividades acontecem de 4 a 8 e 11 a 15 de julho, e incluem sessão de cinema, oficina de artes, teatro e apresentações musicais, entre outras atividades. Toda programação é gratuita, e a presença dos pais ou responsável é obrigatória. As inscrições devem ser feitas através do telefone 3496-5706. As vagas são limitadas.

Todos os anos, o Férias no Museu oferece gratuitamente atividades culturais e artísticas a estudantes de Praia Grande durante o período de recesso escolar. Em 2015, mais de 550 pessoas passaram pelo projeto.

De acordo com a chefe da seção de Museu, Marcia Helena de Lima, é muito importante que crianças e adolescentes tenham esse contato com a arte e a história em momentos de lazer. “São atividades especialmente programadas para crianças de 5 a 12 anos, que começam a entender sobre arte e história de forma lúdica e divertida”.

Confira a programação completa:
>> Dia 4: Cinema no Teatro – longa de animação
>> Dia 5: Performance Pesca de Arrasto
>> Dia 6 – Contação de História – “Era uma vez no Museu da Cidade – O menino e a gaiola” | Teatrinho Ecophalt – “O pneu Arinho”
>> Dia 7 – Oficina de brincadeiras caiçaras
>> Dia 8 – Apresentação da Camerata de Violões de Praia Grande
Repertório Infantil: Balão Mágico, Arca de Noé e canções folclóricas. Teatrinho: Ecophalt – “O pneu Arinho”
>> Dia 12 – Oficina de Artes | Trabalhos de artes manuais com base na exposição “Des(dobra)”
>> Dia 13 – Contação de História – “Era uma vez no Museu da Cidade – O menino e a gaiola” | Teatrinho Ecophalt – “O pneu Arinho”
>> Dia 14 – Oficina de Artes | Trabalhos de artes manuais com base na exposição “Des(dobra)”
>> Dia 15 – Cena Teatral Cinderela das bonecas | Teatrinho – “O pneu Arinho”

*Lorena Flosi